Análise dos polos geradores de tráfego (PGT'S) e dimensionamento de suas vagas para estacionamento no município de Tucuruí-PA / Analysis of the traffic generating poles (PGT'S) and sizing their spaces for parking in the municipality of Tucuruí-PA

Gabrielle Helene Fiel Miranda, Jaqueline Lima dos Santos, José Diego Rodrigues Neris, Marlon Braga dos Santos, Mila Viana Alves

Abstract


O trânsito no entorno de muitos Polos Geradores de Tráfego (PGT's) é caracterizado por congestionamentos e escassez de vagas de estacionamento devido a falhas no planejamento. Neste contexto, o presente trabalho realiza o levantamento dos PGT's na cidade de Tucuruí-Pa. Foi aplicado o método da Companhia de Engenharia de Tráfego de São Paulo (1983) para analisar a disponibilidade de estacionamento. Como resultados, foi obtido o cenário ideal de disponibilidade de estacionamento para cada polo. As conclusões constatam a falta de embasamento para a formulação de Políticas de Planejamento de Tráfego no município, a necessidade da adequação de estabelecimentos quanto à disposição de vagas de estacionamento.


Keywords


Polos geradores de tráfego, estacionamentos, trânsito.

References


CET (1983). Polos Geradores de Tráfego. Companhia de Engenharia de Tráfego, São Paulo, SP.

CNDL (2018) 52% dos motoristas já desistiram de alguma compra por não ter onde estacionar, revela pesquisa sobre mobilidade urbana do SPC Brasil e CNDL. Confederação nacional de dirigentes lojistas. Disponível em: . Acesso em: 01 de jan. de 2018.

Costa, A. H. P. da e Macedo, J. M. G. (2008) Manual do Planejamento de Acessibilidades e transportes: Engenharia de Tráfego: Conceitos Básicos. Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte, Porto, Portugal.

DENATRAN (2001). Manual de Procedimentos para o Tratamento de Polos Geradores de Tráfego.

Departamento Nacional de Trânsito, Brasília, DF.

Dissertação (Mestrado em Arquitetura e Urbanismo), Universidade de São Paulo, São Paulo, Brasil.

Giustina, C. D. e Cybis, H. B. B. (2003) Metodologias de análise para estudos de impactos de Polos Geradores de Tráfego. Anais da III Semana de Produção e Transporte, Porto Alegre, v. 1, p. 1-10.

Goldner, L.G. (1994) Uma metodologia de impacto de shopping centers sobre o sistema viário urbano. Tese (Doutorado em Engenharia de Transportes), Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brasil.

IPEA (2016) Relatório Brasileiro para Habitat III. Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, Ministério da Economia, Brasília, DF.

Lemos, L. L. (2016) Do controle de impacto à promoção do fluxo: Um debate sobre polos geradores de tráfego.

Menezes, F.S.S. (2000) Determinação da Capacidade de tráfego de uma região a partir de seus níevis de poluição ambiental. Dissertação (Mestrado em ), Instituto Militar de Engnharia, Rio de Janeiro, Brasil.

Moura, A. M. Planejamento urbano & Planejamento de transporte: Uma relação desconexa? Tese (Doutorado em Arquitetura e Urbanismo), Universidade de Brasília, Brasília, Brasil.

Soares, L.R. (1975) Engenharia de Tráfego. Editora Almeida Neves, Rio de Janeiro, RJ.

Tavares, D. M. (2011) Método para análise de polos geradores de viagens utilizando ferramentas de microssimulação. Dissertação (Mestrado em transportes), Universidade de Brasília, Brasília, Brasil.

Tucuruí (2006). Lei Municipal n. 7.145, de 29 de dez. de 2006. Aprova e institui o plano diretor do município de Tucuruí e dá outras providências. Tucuruí, PA.

Tucuruí (2014). Lei Municipal n. 9.795, de 26 de dez. de 2014. Aprova e institui o código de obras do município de Tucuruí e dá outras providências. Tucuruí, PA.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n1-445

Refbacks

  • There are currently no refbacks.