Estudo comparativo da atividade antimicrobiana in vitro de extratos e óleo essencial de Baccharis dracunculifolia D.C, Contra Escherichia coli E Staphylococcus aureus / Comparative study of the antimicrobial activity in vitamin of extracts and essential oil of Baccharis dracunculifolia D.C, AGAINST Escherichia coli AND Staphylococcus aureus

Ernesto Dambros Filho, Albimara Hey, Anayana Zago Dangui, Camila Garcia Salvador Sanches, Lualis Edi de David, Emerson Carraro, Carlos Ricardo Maneck Malfatti, Ricardo Aparecido Pereira

Abstract


Introdução: A “vassourinha”, ou “alecrim do campo”, conhecida cientificamente por Baccharis dracunculifolia, é uma planta da família Asteraceae, presente no Brasil, Uruguai, Argentina, Paraguai e Bolívia. Ela destaca-se pela presença de vários metabólitos secundários, produzidos como mecanismo próprio de defesa dos vegetais contra agentes externos. Com o recente aumento na incidência da resistência bacteriana aos antimicrobianos, busca-se encontrar novos protótipos antibióticos de origem natural, que sejam eficazes do ponto de vista clínico, no tratamento de enfermidades causadas por bactérias, e com isso ofertar novos métodos de tratamento que visam reduzir os casos de resistência bacteriana. Metodologia: foram realizados a partir das folhas pulverizadas os extratos aquoso, hidroalcoólico, óleo essencial e também como pesquisa colaborativa os extratos metanólicos referente às quatro estações do ano, todos estes extratos testados contra duas cepas bacterianas sendo uma gram positiva e outra gram negativa. Resultados: Foram encontrados resultados satisfatórios para Staplylococcus aureus, que corroboram com outros autores indicando que a planta produz metabólitos capazes de inibir o crescimento in vitro desta bactéria em questão. Discussões: Quando comparados os resultados com outros autores é possível perceber a importância de estudos mais completos sobre a planta, uma vez que a maioria dos resultados vieram de encontro com o que se tem na literatura. Conclusão: Analisando os resultados e comparando com outros autores, pode-se concluir que a planta testada apresentou atividade antimicrobiana à partir dos extratos metanólicos das frações de primavera e inverno e também para seu óleo essencial.


Keywords


Baccharis, Fitoterapia, Compostos Antibacterianos.

References


Abreu PAP, Onofre SB. Atividade antimicrobiana dos extratos de Baccharis dracunculifolia D. C. (Asteraceae). Revista de saúde e biologia. 2010; 5(2): 1-6.

Agostini F. et al. Estudo do óleo essencial de algumas espécies do gênero Baccharis (Asteraceae) do sul do Brasil. Revista brasileira de farmacognosia. 2005; 15(3): 215-220.

AZEVEDO, S.K.S.; SILVA, I.M. Plantas medicinais e de uso religioso comercializadas em mercados e feiras livres no Rio de Janeiro, RJ, Brasil. Acta bot. bras. 20(1): 185-194, 2006.

Belini CMB. Baccharis dracunculifolia DC. (Asteraceae): Composição do óleo essencial, diversidade e parâmetros genéticos. Tese de doutorado. Botucatu – SP. Universidade Estadual Paulista “Julio Mesquita Filho” Unesp. 2015.

Brasil. Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Farmacopéia Brasileira. 5ª edição. Brasília (DF); 2010; 2(5): 698.

Brasil. Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Farmacopéia Brasileira. 5ª edição. Brasília (DF); 2010; 2(5): 672-673.

Budel JM, Duarte MR, Santos CAM, Farago PV. Morfoanatomia Foliar e Caulinar de Baccharis dracunculifolia DC., Asteraceae, Departamento de Farmácia, Universidade Federal do Paraná. Revista Brasileira de Farmacognosia. 2005; 15(3): 477-83.

CALIXTO, Carolina Maria Fioramonti; CAVALHEIRO, É. T. G. Penicilina: efeito do acaso e momento histórico no desenvolvimento científico. Química Nova na escola, v. 34, n. 3, p. 118-123, 2012.

Castro ML. et. al. Própolis do sudeste e nordeste do brasil: influência da sazonalidade na atividade antibacteriana e composição fenólica. Química Nova 2007; 30(7): 1512-1516.

Castro LC. et.al. Avaliação da atividade antimicrobiana de extrato aquoso e etanólico de Acanthospermum australe.Caderno Pedagógico. Lajeado. Univates. 2012; 9(2): 153-161.

CAZELLA, L. N. et al. Antimicrobial activity of essential oil of Baccharis dracunculifolia DC (Asteraceae) aerial parts at flowering period. Frontiers in plant science, v. 10, 2019.

COSTA, P. et al. Hydroalcoholic extract from Baccharis dracunculifolia recovers the gastric ulcerated tissue, and p‐coumaric acid is a pivotal bioactive compound to this action. BioFactors, 2019.

DA SILVA DUARTE, Suzane Meriely et al. Revisão Sistemática da Resistência e Farmacodinâmica de Antibióticos/Systematic Review of Resistance and Pharmacodynamics of Antibiotics. Brazilian Journal of Development, v. 5, n. 10, p. 21476-21489, 2019.

DE SOUSA, J. P. B. et al. Seasonality role on the phenolics from cultivated Baccharis dracunculifolia. Evidence-Based Complementary and Alternative Medicine, v. 2011, 2011.

Del Lama DSA. Naturalidade da desinfecção origem, processo produtivo e eficácia da Baccharis dracunculifolia D.C. Revista Científica ANAP Brasil. Piracicaba – SP. 2013; 6(8): 29-40.

Ferronato R. et. Al. Atividade antimicrobiana de óleos essenciais produzidos por Baccharis dracunculifolia D.C. e Baccharis uncinella D.C. (Asteraceae). Revista Brasileira de Farmacognosia. 2007; 17(2): 224-230.

FIGUEIREDO-RINHEL, A. S. G. et al. Inhibition of the human neutrophil oxidative metabolism by Baccharis dracunculifolia DC (Asteraceae) is influenced by seasonality and the ratio of caffeic acid to other phenolic compounds. Journal of ethnopharmacology, v. 150, n. 2, p. 655-664, 2013.

FIGUEIREDO‐RINHEL, A. S. G. et al. Baccharis dracunculifolia DC (Asteraceae) selectively modulates the effector functions of human neutrophils. Journal of Pharmacy and Pharmacology, v. 69, n. 12, p. 1829-1845, 2017.

Gelinski JMLN. et. al. Atividade antibacteriana do óleo essencial de Baccharis dracunculifolia DC (Asteraceae) e de seu composto ativo nerolidol em combinação ao EDTA ou lisozima. Evidência. Joaçaba(SC). 2007; 7(2): 131-144.

Gobbo-Neto L, Lope NP. Plantas medicinais: fatores de influência no conteúdo de metabólitos secundários. Química nova. 2007; 30(2): 374-381.

Gonçalves AL, Alves Filho A, Meneses H. Estudo comparativo da atividade antimicrobiana de extratos de algumas árvores nativas.Instituto de Biologia. São Paulo (SP). 2005; 72(3): 353-368.

Guimarães DO, Momesso LS, Pupo MTN. Antibióticos: Importância terapêutica e perspectiva para a descoberta e desenvolvimento de novos agentes. Química Nova. Ribeirão Preto (SP). 2010; 33(3) 667-679.

HEIDEN, G.; BAUMGRATZ, J. F. A.; ESTEVES, R. L. Baccharis subgen. Molina (Asteraceae) in Rio de Janeiro state, Southeast Brazil. Rodriguésia, v. 63, n. 3, p. 649-687, 2012.

HEIDEN, G.; DE SOUZA LEONI, L.; NAKAJIMA, J. N.. Baccharis magnifica (Asteraceae, Astereae): a striking new species endemic to the summits of Serra do Caparaó, southeastern Brazil. Phytotaxa, v. 162, n. 4, p. 211-216, 2014.

LIMA, Camila Correa; BENJAMIM, Sandra Cristina Calixto; SANTOS, Rosana Francisco Siqueira dos. Mecanismo de resistência bacteriana frente aos fármacos: uma revisão. CuidArte, Enferm, p. 105-113, 2017.

Moriwaki C. et. al. Produção, purificação e aumento da performance de ciclodextrina glicosiltransferases para produção de ciclodextrinas. Maringá (PR).Química Nova. 2009; 32(9): 2360-2366.

Nader TT. Potencial de atividade antimicrobiana in vitro de extratos vegetais do cerrado frente estirpes de staphylococcus aureus. [Dissertação de mestrado]. Jaboticabal (SP). Universidade Estadual Paulista “Julio de Mesquita Filho”. 2010.

Nakamura T. Determinação da atividade antioxidante e do teor total de polifenol em amostras de chá de ervas comercializadas em sachets. Santo André (SP) ABCS Health Sciences. 2013; 38(1): 8-16.

Paiva FA. Baccharis trimera protege contra o estresse oxidativo e toxicidade induzida pelo peptídeo β-amilóide no Caenorhabditis elegans. [Tese]. Ouro Preto (SP). 2015.

PARK, Y. K. et al. Chemical constituents in Baccharis dracunculifolia as the main botanical origin of southeastern Brazilian propolis. Journal of Agricultural and Food Chemistry, v. 52, n. 5, p. 1100-1103, 2004.

Pedrazzi V, Leite MF, Tavares RC, Sato S, Do Nascimento GC, Issa JPM. Herbal mouthwash containing extracts of baccharis dracunculifolia as agent for the controlo f biofilm: clinical evaluation in humans. The ScientificWorld Journal. 2014.

PEREIRA, R. A. Efeitos do tratamento do extrato metanólico de Baccharis dracunculifolia sobre alterações bioquímicas e histológicas de um modelo animal de diabetes. Dissertação (Mestrado) em Ciências Farmacêuticas da Universidade Estadual do Centro–Oeste, Guarapuava, PR, 2014.

REFLORA. Baccharis in Flora do Brasil 2020 em construção. Jardim Botânico do Rio de Janeiro.Disponível em: . Acesso em: 15 Mai. 2019

RESENDE, F. A. et al. Comparative studies of the (anti) mutagenicity of Baccharis dracunculifolia and artepillin C by the bacterial reverse mutation test. Molecules, v. 17, n. 3, p. 2335-2350, 2012.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n1-396

Refbacks

  • There are currently no refbacks.