Indisciplina na relação professor/aluno- contexto de uma pesquisa intervenção / Indiscipline in the teacher/student relationship - context of an intervention research

Priscila E. S. Walczynski Pereira, Marcele Teixeira Homrich Ravasio

Abstract


Neste artigo abordamos uma pesquisa- intervenção que teve como objetivo analisar os conflitos geradores de indisciplina existentes na relação professor/aluno. A investigação deu-se a partir de estudos sobre a teoria psicanalítica Freud, bem como, o conceito de disciplina em Michel Foucault. O objeto de estudo foi à trajetória profissional da pesquisadora, que teve a experiência como foco do processo investigativo, como professora dos Anos Iniciais da rede pública de ensino. Posteriormente, construiu-se o produto da pesquisa, sendo este um Guia de Reflexões, visando o reposicionamento docente diante de conflitos geradores de indisciplina. Como resultado da pesquisa notou-se que a questão do controle disciplinar sobre o outro, que está presente no contexto da sala de aula e, de certa forma, é o que estabelece certa organização do espaço, é um impossível. Neste sentido, sempre haverá algo ali que escape ao controle do educador.


Keywords


Disciplina, Inconsciente, Pesquisa- Intervenção.

References


AGUIAR, Katia Faria de; ROCHA, Marisa Lopes da. Pesquisa-Intervenção e a Produção de Novas Análises. Revista: Psicologia Ciência e Profissão. 23(4). 2003. p. 64-73.

ALMEIDA, Sandra Francesca C. Formação continuada de professores: Conhecimento e saber na análise clínica das práticas profissionais. Estilos da Clínica, 17(1). 2012. p.76-87.

BOUTIN, Gérald. Relação Entre Professor-Aluno no Centro do Processo Educativo. Currículo sem Fronteiras, v. 17, n. 2, p. 343-358, maio/ago. 2017.

FOUCAULT, Michel. Vigiar e Punir: História da violência nas prisões. 18. ed. Rio Petrópolis, RJ. Vozes,1998.

JOLIBERT, Bernard. Sigmund Freud. Recife-PE: Massangana, 2010.

KUPFER, Maria Cristina. Freud e a Educação: O mestre do impossível. 3. ed. São Paulo: Scipione, 2007.

ROUDINESCO, Elisabeth; PLON, Michel. Dicionário de Psicanálise. Rio de Janeiro: Zahar, 1998.

SPELLER, Maria Augusta Rondas. Psicanálise e Educação: Caminhos cruzáveis. Brasília: Plano Editora, 2004.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n1-315

Refbacks

  • There are currently no refbacks.