Resultados do exame nacional do desempenho de estudantes – ENADE: quantitativos históricos na área da computação e qualidade dos cursos / Results of the national examination of student performance - ENADE: historical quantitative in the computer area and course quality

Angelo Luiz Cortelazzo, Dilermando Piva Júnior, Maria Rafaela Junqueira Bruno Rodrigues

Abstract


Os cursos de graduação da área da informática são avaliados pelo ENADE desde 2005. Com periodicidade trienal, o exame atribui conceitos de 1 a 5 pontos aos estudantes concluintes dos cursos de graduação no país e faz parte do sistema de avaliação do ensino superior brasileiro. Neste trabalho foram analisados os desempenhos das Instituições de Ensino superior (IES) participantes nos exames e detalhadas as informações sobre aquelas com resultados superiores à média (conceitos 4 e 5) nos três maiores cursos dessa área. Os resultados mostraram que há muitas IES que repetem um bom desempenho em algumas ou em todas as edições do Exame. Também revelaram um perfil diferente, com melhor desempenho de IES públicas nos cursos de Ciências da Computação e Análise e Desenvolvimento de Sistemas, e de IES privadas no de Sistemas de Informação. O trabalho também compara os resultados do ENADE com aqueles obtidos em outras avaliações realizadas no país e a expansão desses cursos ao longo do período analisado.

 


Keywords


ENADE, Cursos da Área de Informática, Conceito ENADE, Avaliação de Cursos Superiores.

References


BRASIL (1995). Lei nº 9.131, de 24 de novembro de 1995. Disponível em: http://www. planalto.gov.br/ccivil_03/LEIS/L9131.htm. Acesso em 29 nov. 2020.

BRASIL (1996). Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Disponível em: http://www. planalto.gov.br/ccivil_03/LEIS/ L9394.htm. Acesso em 29 nov. 2020.

BRASIL (2004). Lei nº 10861, de 14 de abril de 2004. Disponível em http://www.planalto. gov.br/ ccivil_03/_ato2004-2006/2004/lei/l10.861.htm. Acesso em 29 nov. 2020.

BRITO, T.F. Corpo Docente: fatores determinantes do desempenho discente no ENADE. Dissertação de Mestrado em Ciências Contábeis, Universidade de São Paulo, São Paulo, SP, Brasil. 2015, 90p.

CALDERÓN, A.I.; POLTRONIERI, H.; BORGES, R.M. Os rankings na educação superior brasileira: políticas de governo ou de Estado? Ensaio: avaliação e políticas públicas em educação, v.19, n.73, p.813-826, 2011.

CANAN, S.R.; ELOY, V.T. Políticas de Avaliação em larga escala: o ENADE interfere na gestão dos cursos? Práxis Educativa, v.11, n.3, p.621-640, 2016.

CASTRO, S.O.C.; SOUZA, L.H.G.R.; GAVA, R.; SILVA, E.A.; PEREIRA, E.M. A influência do ENADE no âmbito das Instituições de Ensino Superior. Educação, Ciência e Cultura, v.21, n.1, 23-41, 2016.

CNE – Conselho Nacional de Educação. 2007. Resolução nº 2, de 18 de junho de 2007. Disponível em http://portal.mec.gov.br/cne/arquivos/pdf/2007/rces002_07.pdf. Acesso em 29 nov. 2020.

CNE – Conselho Nacional de Educação (2016). Resolução nº 5, de 16 de novembro de 2016. Disponível em http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com docman&view= download&alias=52101-rces005-16-pdf&category_slug=novembro-2016-pdf&Itemid= 30192. Acesso em 29 nov. 2020.

CNE – Conselho Nacional de Educação (2017). Resolução CNE/CP nº 2/2017, de 22 de dezembro de 2017. Disponível em: http://basenacionalcomum.mec.gov.br/images/historico/ RESOLUCAOCNE_CP222DEDEZEMBRODE2017.pdf. Acesso em 29 nov. 2020.

CORTELAZZO, A.L. Oferta de vagas remanescentes como política institucional para a remediação da ociosidade e do abandono escolar. Anais do VIII CLABES, Panamá, 2018. Disponível em https://ridda2.utp.ac.pa/handle/123456789/5576. Acesso em 29 nov.2020.

DIAS SOBRINHO, J. Avaliação e transformações da educação superior brasileira (1995-2009): do Provão ao Sinaes. Avaliação (Campinas), v.15, n.1, p.195-224, 2010.

FREITAS, S.C.; BARBOSA, I.; VIEIRA, J.A.G. Percepção acerca da qualidade e utilidade do relatório de avaliação do ENADE: um estudo na área de negócios. Revista Contemporânea de Contabilidade, v.12, n.27, p.117-136, 2015.

FSP - FOLHA DE SÃO PAULO (2018). Ranking Universitário Folha – RUF. Disponível em https://ruf.folha.uol.com.br/2019/ranking-de-cursos/computacao/. Acesso em 29 nov.2020.

GRIBOSKI, C.M. O ENADE como Indutor da Qualidade da Educação Superior. Estudos em Avaliação Educacional, v.23, n.3, p.178-195, 2012

GE – GUIA DO ESTUDANTE, 2018. Melhores Cursos e Faculdades. Disponível em https://guiadoestudante.abril.com.br/blog/melhores-faculdades/. Acesso em 29 nov.2020.

HOED, R.M. Análise da evasão em cursos superiores: o caso da evasão em cursos superiores da área de Computação. Dissertação de Mestrado Profissional em Computação Aplicada, Universidade de Brasília, DF, Brasil, 2016.

INEP – Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (2004). Bases para uma nova proposta de avaliação da educação superior. Disponível em: http://portal.inep.gov.br/documents/186968/484109/Sistema+Nacional+de+Avalia%C3%A7%C3%A3o+da+Educa%C3%A7%C3%A3o+Superior+%28Sinaes%29+bases+para+uma+nova+proposta+de+avalia%C3%A7%C3%A3o+da+educa%C3%A7%C3%A3o+superior/. Acesso em 29 nov. 2020.

INEP - Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (2017). Seminário ENADE 2017: Indicadores de Qualidade. Disponível em http://download.inep. gov.br/educacao_superior/enade/seminarios/2017/seminario_enade_2017_indicadores_Mariangela.pdf. Acesso em 29 nov. 2020.

LIMA, P.S.N.; AMBRÓSIO, A.P.; FÉLIX, I.M.; BRANCHER, J.D. (2018). SysEnade - Análise das questões de provas do Enade organizadas pelos temas abordados. Anais dos Workshops do VII Congresso Brasileiro de Informática na Educação. Disponível em: http://br-ie.org/pub/index.php/wcbie/article/viewFile/8267/5944. Acesso em 29 nov.2020.

MALTA, F.M.C.; PRADO, E.C.; FERREIRA, G.C.G.; DIÓGENES, E.M.N.; SANTOS, P.S.L. Ausência de política pública para formação docente do nível superior: Reflexões sobre as avaliações externas dos egressos dos cursos de direito e a educação jurídica. Brazilian Journal of Development, Curitiba, v. 5, n. 12, p. 31387-31396, 2019.

MEC – Ministério da Educação (2007). Portaria Normativa nº 40, de 12 de dezembro de 2007. Disponível em http://download.inep.gov.br/download/condicoes_ensino/2007/ Portaria_n40.pdf. Acesso em 29 nov. 2020.

QS - World University Rankings, 2020. Disponível em: https://www.topuniversities.com/ university-rankings/world-university-rankings/2020. Acesso em 29 nov.2020.

ROTHEN, J.C.; NASCIUTTI, F. A educação superior em prova: o perfil da educação superior apresentado pelos resultados do Enade 2005 e 2006. Revista Diálogo Educacional, v.11, n.32, p. 187-206, 2011.

SANTOS, J.R.C.; GÓES, A.O.S.; FONTES, J.V.; SANTOS, C.T.A.; MAIA JR.,A.; MELO DE SÁ, C.M.B. O curso de Agronomia da UESC sob a ótica do ENADE: o processo avaliativo de 2 para 4. Brazilian Journal of Development, Curitiba, v. 4, n. 2, p. 335-347, 2018

SBC – Sociedade Brasileira de Computação (2018). Exame Nacional para Ingresso na Pós-Graduação em Computação. Disponível em http://www.sbc.org.br/educacao/poscomp. Acesso em 30 dez.2019.

THE - Times Higher Education World University Rankings, 2020. Disponível em:

Imeshighereducation.com/world-university-rankings/2020/subject-ranking/computer-science#!/page/0/length/25/locations/BR/sort_by/scores_teaching/sort_order/asc/cols/scores. Acesso em 29 nov.2020.

ZORZO, A. F.; NUNES, D.; MATOS, E.; STEINMACHER, I.; LEITE, J.; ARAUJO, R. M.; CORREIA, R.; MARTINS, S. Referenciais de formação para os cursos de graduação em computação. In: Sociedade Brasileira de Computação (SBC), 153p, 2017.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n1-058

Refbacks

  • There are currently no refbacks.