Fundações de Amparo e apoio à pesquisa sobre políticas públicas no Maranhão, Piauí e Ceará (2014-2016) / Amparo Foundations and support for public policy research in Maranhão, Piauí and Ceará (2014-2016)

Vera Núbia Santos, Maria da Conceição Vasconcelos Gonçalves, Noêmia Lima Silva, Kathleen Pimentel dos Santos, Ana Camila Santos de Paula

Abstract


O artigo analisa o papel da Fundação de Amparo à Pesquisa no Maranhão, Piauí e Ceará para indução à pesquisa nos anos de 2014 a 2016 e constitui parte do projeto "Pesquisa e Pesquisadores em Serviço Social na Região Nordeste: perfil, recursos e subsídios a formulação de políticas", aprovado no Edital Universal MCTICNPq 01/2016. As FAPs incrementam à Ciência, Tecnologia e Inovação, para vibilizar a implementação de políticas públicas. Segundo o levantamento e analise do objeto, objetivo e recursos, observou-se que a indução à pesquisa tem sido pouco estimulada e nem sempre leva ao avanço de pesquisa nas políticas públicas. Concluiu-se o que no periodo de estudo, os investimentos em pesquisas em políticas públicas foi reduzido, o que concorre para a limitação das FAPs em estimular o desenvolvimento da região.


Keywords


Fundações, Pesquisa, Serviço Social.

References


BOURGUIGNON, Jussara Ayres. A particularidade histórica da pesquisa no Serviço Social. Revista Katálysis, v. 10, pp. 46-54, 2007.

Cartilha produzida pelo Sindicato Nacional Dos Docentes Das Instituições De Ensino Superior - ANDES-SN. Marco Legal da Ciência, Tecnologia e Inovação (LEI 13.243/2016): riscos e consequências para as universidades e a produção cientifica no Brasil. Brasília (DF), 2017.

CHAUÍ, Marilena. A Universidade pública sob nova perspectiva. Revista Brasileira de Educação, n. 24, pp. 5-15, 2003.

FARIA, A. F.; OLIVEIRA, A. G.; et al. Marco Regulatório em Ciência Tecnologia e Inovação: texto e contexto da lei n°13.243/2016. Belo Horizonte: Arraes Editores, 2018.

GOUVEIA, Daniela dos Santos. Pesquisa e pesquisadores em Serviço Social na Região Nordeste: perfil, recursos e subsídios à formulação de Políticas Fundações Públicas, Pesquisas e Pesquisadores de Serviço Social em 2015 (PE, PB, RN). RELATÓRIO FINAL DO PIBIC – 2019.

GOUVEIA, Daniela dos Santos; LIMA, SILVA, Marcia Ribeiro; LIMA, Jéssica Cleophas do Carmo. Pesquisa e Pesquisadores em Serviço Social na Região Nordeste: Perfil, Recursos e Subsídios à Formulação de Políticas. Relatório Parcial de PIBIC, Universidade Federal de Sergipe, 2018.

IAMAMOTO, Marilda Villela. O Serviço Social na Contemporaneidade: trabalho e formação profissional. Ed. 26º - São Paulo, Cortez, 2015.

MOTA, Renata Larissa Souza da. Fundações Públicas, Pesquisa E Pesquisadores Em Serviço Social Em 2015 (BA, SE, AL). Relatório Parcial do PIBIC 2018-2019, Universidade Federalde Sergipe, 2019.

MOTA, Renata Larissa Souza da. Fundações públicas, pesquisa e pesquisadores em serviço social em 2015 (BA, SE, AL). Relatório Final do PIBIC 2018-2019. Universidade Federal de Sergipe, 2019.

Santos, Maria Socorro Emiliano; COSTA, Laura Oliveira. Pesquisa e pesquisadores em Serviço Social no Nordeste: Fundações Públicas em MA, PI E CE (2015). Relatório Parcial PIBIC – 2018-2019. Universidade Federal de Sergipe, 2019.

Soares, Fabiana de Menezes; Prete, Esther Külkamp Eyng. Marco Regulatório em Ciência, Tecnologia e Inovação: Texto e contexto da Lei Nº 13.243/2016. Belo Horizonte: Editores Arraes, 2018.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n1-044

Refbacks

  • There are currently no refbacks.