O papel da equipe multidisciplinar nos cuidados paliativos em idosos: Uma revisão integrativa / The role of the multidisciplinar team in palliative care: an integrative review

Nayara Alves Oliveira da Cruz, Matheus Rodrigues Nóbrega, Marianne Ribeiro Barboza Gaudêncio, Talinny Zubisarrânia Teoclaudylyanny Teotônio de Farias, Talita Saraiva Pimenta, Rachel Cavalcanti Fonseca

Abstract


Os cuidados paliativos buscam minimizar o sofrimento e melhorar a qualidade de vida de pacientes e famílias que enfrentam os problemas associados a doenças que ameaçam a vida. O estudo tem como objetivo analisar a interdisciplinaridade nos cuidados paliativos na perspectiva dos profissionais que atuam na saúde do idoso. Trata-se de uma pesquisa do tipo revisão integrativa, cuja busca de artigos científicos ocorreu nos bancos de dados na United States National Library of Medicine (PubMed) e da Biblioteca Virtual em Saúde (BVS), Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde (LILACS) e Scientific Electronic Library Online (SciELO), no período de abril e maio de 2020. Utilizou-se o cruzamento de descritores segundo os Descritores em Ciência da Saúde (DeCs\MeSH): idoso, equipe multiprofissional, cuidados paliativos interligados pelo operador booleano "AND". Inicialmente foi realizada uma busca na United States National Library of Medicine (PubMed) utilizando os descritores que resultou em 466 artigos e após a aplicação dos filtros com leitura criteriosa dos estudos apenas 03 artigos foram selecionados. Em seguida, foi realizada uma busca na Biblioteca Virtual em Saúde (BVS), que resultou em 536 artigos que rendeu apenas 03 artigos que atendiam à pesquisa. Após isso, foi iniciada uma busca através da Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde (LILACS), que resultou em 536 dos quais apenas 02 respondiam ao objetivo da pesquisa. E por último, foi realizada a busca na Scientific Electronic Library Online (SciELO) que resultou em 01 artigo. Foram, então, obtidos 09 estudos após a leitura e a síntese minuciosa das principais informações contidas nos artigos.Observou-se que os artigostrataram sobre os aspectos conceituais e a abordagem dos Cuidados Paliativos a partir da visão da equipe multidisciplinar, da relação e do sentimento entre os membros da equipe interdisciplinar em Cuidados Paliativos, além do processo de tomada de decisão frente ao binômio paciente-família. Concluiu-se que o papel da equipe multidisciplinar que atua em cuidados paliativos requer estratégias pautadas em planejamento, organização e divisão de tarefas, resultando em um cuidado integral voltado às necessidades do paciente e da sua família. 

O papel da equipe multidisciplinar nos cuidados paliativos em idosos: Uma revisão integrativa

/

The role of the multidisciplinar team in palliative care: an integrative review


Keywords


Cuidados Paliativos, Equipe Multidisciplinar, Idoso.

References


ACADEMIA NACIONAL DE CUIDADOS PALIATIVOS (ANCP). Manual de Cuidados Paliativos. ampl. E atual. – Porto Alegre: Sulina, 2012. Disponível em: https://paliativo.org.br/download/manual-de-cuidados-paliativos-ancp. Acesso em: 05 de maio de 2020.

BLOOMER, M. J. et al. Communicating end-of-life care goals and decision-making among a multidisciplinary geriatric inpatient rehabilitation team: A qualitative descriptive study. Journal of Palliative Medicine, v. 32, n. 10, p. 1615-1623, 2018. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/326426613_Communicating_end-of life_care_goals_and_decisionmaking_among_a_multidisciplinary_geriatric_inpatient_rehabilitation_team_A_qualitative_descriptive_study. Acesso em: 05 de maio de 2020.

CARVALHO, R.C.; PARSONS, H.A. Manual de Cuidados Paliativos. ANCP. 2a edição, 2012. Disponível em: https://paliativo.org.br/download/manual-de-cuidados-paliativos-ancp. Acesso em: 05 de maio de 2020.

GENEZINI, D. Manual de Cuidados Paliativos ANCP. Parte 8 – Assistência ao fim da vida. Assistência ao luto. 2ª edição, 2012. Disponível em: https://paliativo.org.br/download/manual-de-cuidados-paliativos-ancp. Acesso em: 05 de maio de 2020.

GOMES, A. L. Z.; OTHERO, M. B. Cuidados paliativos. Estud. av., São Paulo, v. 30, n. 88, p. 155-166, Dec. 2016. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S010340142016000300155&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 15 de outubro de 2020.

HERMES, H. R.; LAMARCA, I. C. A. Cuidados paliativos: uma abordagem a partir das categorias profissionais de saúde. Ciênc. saúde coletiva, Rio de Janeiro, v. 18, n. 9, p. 2577-2588, Sept. 2013. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S141381232013000900012&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 27 de outubro de 2020.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA e ESTATÍSTICA (IBGE). Indicadores Sociodemográficos e de Saúde no Brasil [internet]. 2014. Disponível em: http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/indic_sociosaude/2009/. Acesso em: 20 outubro de 2020.

KLARARE, A. J. H. et al. Team type, team maturity and team effectiveness in specialist palliative home care: an exploratory questionnaire study. Journal of interprofessional care, (s.l.), v. 33, n. 5, p.504-511, set. 2018. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/30485125/. Acesso em: 05 de maio de 2020.

KLARARE, M.R.N. et al. Team interactions in specialized palliative care teams: a qualitative study. Journal of Palliative Medicine, (s.l.), v. 16, n. 9, p. 1062- 1069, 2013. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/24041291/. Acesso em: 05 de maio de 2020.

MESSIAS, A. A. et al. Manual de Cuidados Paliativos. São Paulo: Hospital Sírio-Libanês; Ministério da Saúde; 2020. Disponível em: https://antigo.saude.gov.br/images/pdf/2020/September/17/Manual-CuidadosPaliativos-vers--o-final.pdf. Acesso em: 05 de maio de 2020.

OLLERANA-RIOS, C. L. et al. Mindfulness and compassion-oriented practices at work reduce distress and enhance self-care of palliative care teams: a mixed-method evaluation of an “on the job” program. BMC palliative care, (s.l.), v. 17, n. 1, p. 1-9, 2018. Disponível em: https://bmcpalliatcare.biomedcentral.com/articles/10.1186/s12904-017-0219-7. Acesso em: 05 de maio de 2020.

PACHECO, C. L.; GOLDIM, J. R.. Percepções da equipe interdisciplinar sobre cuidados paliativos em oncologia pediátrica. Revista Bioética., Brasília, v. 27, n. 1, p. 67-75, Mar. 2019. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S198380422019000100067&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 18 de outubro de 2020.

PALMEIRA, H. M.; SCORSOLINI-COMIN, F.; PERES, R. S. Cuidados paliativos no Brasil: revisão integrativa da literatura científica. Aletheia, Canoas, v.1, n. 35-36, p. 179-189, dez. 2011. Disponível em http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S141303942011000200014&lng=pt&nrm=iso. Acesso em: 15 de outubro de 2020.

PORTO, V.S.M. et al. Abordagem dos cuidados paliativos na terminalidade: uma revisão sistemática. Braz. J. of Develop., Curitiba, v. 6, n. 12, 2020. Disponível em: < https://www.brazilianjournals.com/index.php/BRJD/article/view/20817/16622>. Acesso em: 11 dez 2020.

SILVEIRA, M. H.; CIAMPONE, M. H. T.; GUTIERREZ, B. A. O. Percepção da equipe multiprofissional sobre cuidados paliativos. Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia, v. 17, n. 1, p. 7-16, 2014. Disponível em https://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1809-98232014000100007&script=sci_arttext. Acesso em: 26 de novembro de 2020.

SANTIVASI, Wil L et al. The role of geriatric palliative care in hospitalized older adults. Hospital Practice, (s.l.), v. 48, n. sup1, p. 37-47, 2020. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/31825689/. Acesso em: 05 de maio de 2020.

SEVALHO, G. O conceito de vulnerabilidade e a educação em saúde fundamentada em Paulo Freire. Interface – Comunicação, Saúde, Educação, Botucatu, v. 22, n. 64, p. 177-188, 2018. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/icse/v22n64/1807-5762-icse-1807-576220160822.pdf. Acesso em: 04 outubro 2020

SILVA, A.A.A.; ARRAIS, A.R. O luto complicado diante da finitude de idoso hospitalizado: um alerta à equipe de saúde. Revista Kairós Gerontologia, São Paulo, v. 18, n. 2, p. 247-264, 2015. Disponível em: https://revistas.pucsp.br/index.php/kairos/article/view/27000. Acesso em: 05 de maio de 2020.

SILVA, C.L.M. et al. Caracterização dos recursos de comunicação utilizados por pacientes em cuidados paliativos - revisão integrativa. Revista CEFAC, (s.l.), v. 19, n. 6, p. 879-888 2017. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/rcefac/v19n6/pt_1982-0216-rcefac-19-06-00879.pdf. Acesso em: 05 de maio de 2020.

SILVA, M.J.P.; ARAÚJO, M.M.T. Comunicação em Cuidados Paliativos. In: CARVALHO, R.C.; PARSONS, H.A. Manual de Cuidados Paliativos. ANCP. 2a edição, 2012. Disponível em: https://paliativo.org.br/download/manual-de-cuidados-paliativos-ancp. Acesso em: 05 de maio de 2020.

TAQUEMORI, L.Y.; SERA, C.T.N. Interface intrínseca: equipe multiprofissional. In: Cuidado Paliativo. CREMESP: São Paulo, p. 55-57, 2008. Disponível em: https://edisciplinas.usp.br/pluginfile.php/446028/mod_resource/content/1/Cuidados_Paliativos_CREMESP.pdf. Acesso em: 15 de outubro de 2020.

WORLD HEALTH ORGANIZATION. Definition of palliative care. Genebra, 2017. Disponível em: https://www.who.int/en/news-room/fact-sheets/detail/palliative-care. Acesso em: 29 maio de 2020.

ZADEH, R. et al. Strategies to improve quality of life at the end of life: interdisciplinary team perspectives. American Journal of Hospice and Palliative Medicine, (s.l.), v. 35, n. 3, p. 411-416, 2018. Disponível em: https://journals.sagepub.com/doi/10.1177/1049909117711997. Acesso em: 05 de maio de 2020.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n1-31

Refbacks

  • There are currently no refbacks.