O processo criativo do objeto-livro-poético Poor Fish Memories / The creative process of object-book-poetic Poor Fish Memories

Irene de Mendonça Peixoto

Abstract


O trabalho PoorFish Memories (2016) é um aglomerado poético de memórias, sonhos e invenções que nunca se imaginariam amalgamados na mesma fantasia. A análise de seu processo criativo revela a dinâmica poética do “discurso das conjunções”, capaz de revelar um mundo pleno de sintonias secretas,onde as coisas poderiam aliar-se da maneira mais contraditória e evidenciar afinidades indefinidas.Esse dom de produzir e perceber semelhançasnos conduz ao desafio de atravessar o mundo sob a perspectiva do “e”, acolhendo paradoxos, convivendo com ambivalências, afinidades e aversões. A alternativa entre uma-coisa-ou-outra não é necessária na imaginativa criadora. Ambas as alternativas são inseridas no contexto fabular como igualmente possíveis.Desse modo  as conjunções da arte confrontam e expressam o infinito.


Keywords


fabulação, memória, arte contemporânea

References


DELEUZE, G.; GUATTARI, F. Mil platôs: capitalismo e esquizofrenia. SP: Ed. 34, 1992

Tunga in Cadernos EAV 2009 org: Joanna Fatorelli e Tania Queiroz. RJ: EAV, 2012




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv5n6-218

Refbacks

  • There are currently no refbacks.