Custos ambientais e a externalidade negativa das lavanderias têxteis do polo de confecções do agreste de Pernambuco / Environmental costs and external a negative of laundry textiles of manufacture of polo agreste of Pernambuco

Lavoisiene Rodrigues de Lima, Yony de Sa Barreto Sampaio, Ilka Gislayne de Melo Souza, José Alexandro Gonçalves da Silva, Raíssa Aglé Moura de Sousa, Josaias Santana dos Santos, Sammara de Lima Cordeiro, Maria Mirelle Duarte Silva

Abstract


As lavanderias têxteis de modo geral liberam efluentes que contaminam os mananciais e como se pode lidar com essa externalidade ambiental negativa? O objetivo deste trabalho foi analisar a viabilidade econômica das lavanderias têxteis do Polo de Confecções do Agreste Pernambucano se considerarem a adição dos custos ambientais. Foram pesquisadas 33 lavanderias têxteis de jeans, nas quais foram testadas duas hipóteses. A primeira hipótese testada trata da existência de viabilidade econômica das lavandeiras têxteis, com adição dos custos ambientais internos. A segunda hipótese testa se as lavanderias que não possuem estação de tratamento de água poderiam ser economicamente viáveis com adição dos custos ambientais externos. Ambas hipóteses foram aceitas, sendo ambas comprovadas pelo teste t de Student. Em seguida, foi realizado um payback descontado, considerando a taxa SELIC de 2013, na intenção de comprovar que é possível a instalação da estação de tratamento de água para as lavanderias que não possuem esse ativo ambiental.  Apenas duas lavanderias entre as seis testadas não apresentaram o retorno do investimento no prazo determinado de cinco anos. Conclui-se que é possível adicionar os custos ambientais às lavanderias, e ainda assim serem viáveis economicamente, pois essa adição implica em apenas 4% do faturamento bruto. É importante que as lavanderias se adequem as exigências do Ministério Público de Pernambuco, que indica que todas as lavandeiras do Polo de Confecções do Agreste de Pernambuco, tenham estação de tratamento de água até 2015, caso contrário às mesmas podem ser fechadas e arcarem com multas.


Keywords


Externalidades negativas, Custos ambientais, Lavanderias têxteis de jeans.

References


BALDIN, Nelma; MUNHOZ, Elzira M. Bagatin. Snowball (Bola de Neve): Uma Técnica Metodológica para Pesquisa em Educação Ambiental Comunitária. X Congresso Nacional de Educação – EDUCERE. I Seminário Internacional de Representações Sociais, Subjetividade e Educação – SIRSSE. Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Curitiba, 07 a 10 de Novembro de 2011. Disponível em: . Acesso em: 23 de nov. 2013, 12:34:09

BEUREN, Ilse Maria; GUESSER, Jaqueline Manes. Caracterização e Mensuração dos Custos Ambientais. Revista Contabilidade Vista e Revista. V. 9, n. 3, 1998. Disponível em: Acesso em: 24 jun. 2013, 23:55:06.

CÂMARA, R. P. B., ROCHA, A. O., CALLADO, A. L. C., da SILVA NETO, A. F., GONÇALVES FILHO, E. V., & SEVERIANO FILHO, C. A Importância da Gestão dos Custos Ambientais. Anais do VIII Congresso Internacional - Punta del Este, 2003. Disponível em: . Acesso em: 04 jun. de 2013, 08:13:45.

CAMPOS, Lucila Maria de Souza. Um estudo para definição e identificação dos custos da qualidade ambiental. Florianópolis. 1996. Dissertação (Mestrado em Engenharia da Produção) – Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis. Disponível em: Acesso em: 28 nov. 2011, 09:01:30.

COSTA, Carlos Alexandre Gehm da. Contabilidade ambiental: mensuração, evidenciação e transparência. São Paulo: Atlas, 2012.

GITMAN, L. J. Princípios de Administração Financeira. 2 ed. Porto Alegre: Bookman.2001.

HAMACHER, T. et al. A comprehensive external environmental evaluation of a central costs of fusion. Fusion Engineering and design, v. 56 -57, p. 95 -103, 2001. Elsevier Science BV. Disponível em: . Acesso em: 12 out. 2013, 12:40:32.

HARRIS, Jonathan M. Environmental and Natural Resource Economics: a Contemporary Approach. Editora: Cengage Learning. Edição/reimpressão, 2005.

JUNG, Luiz Willibaldo. Aspectos contábeis da atividade de gerenciamento de resíduos industriais. Revista Brasileira de Contabilidade. n° 182. Edição de Março e Abril, 2010.

NAÇÕES UNIDAS. Contabilidade da Gestão Ambiental Procedimentos e Princípio. Divisão para o Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas - PNUD. Tradução: Constança Peneda e Miguel Marçal. Nova Iorque, 2001. Disponível em: Acesso em 20 mar. 2013. 14:34:59.

PEPPER, Ian L.; GERBA, Charles P.; BRUSSEAU, Mark L. Environmental and Pollution Science. 2. Ed. Burlington-USA: Rev. ed. Of Pollution science. Elservier.

PERNAMBUCO. (Estado). Lei Nº 14.249, De 17 de Dezembro de 2010. Dispõe sobre licenciamento ambiental, infrações e sanções administrativas ao meio ambiente, e dá outras providências. Disponível em: . Acesso em: 20 mar. 2013, 14:42:57.

PINDYCK, R. S., & RUBINFELD, D. L. Microeconomia. São Paulo: Prentice Hall, 1994.

REBOUÇAS, Aldo da Cunha.; BRAGA, Benedito.; TUNDISI, José Galizia. (organizadores). Águas Doce no Brasil: capital ecológico uso e conservação. 3. Ed. São Paulo: Escrituras, 2006.

ROMEIRO, Ademar Ribeiro. (Org.). Economia do Meio ambiente: teoria, políticas e a gestão de espaços regionais. Campinas-SP: UNICAMP, 1996.

SEBRAE. Crescimento das lavanderias. 2012.Agência do Estado - SEBRAE-PE. Disponivel em: Acesso em: 25 jan. 2013, 07:35:18.

SILVA, Aline Lira da et al. A questão ambiental no Polo de Confecções de Caruaru: um primeiro ensaio à luz dos instrumentos econômicos de proteção ambiental. Revista Estudos do CEPE, Santa Cruz do Sul, n35, p.108-132, jan./jun. 2012. Disponível em: . Acesso em: 15 nov. 2013, 16:07:09.

SILVA, Gilson Lima da. BARROS, Chiara Rêgo. REZENDE, Renata Barbosa de. Diagnóstico Ambiental das Lavanderias e Jeans de Toritama – Pernambuco, 2005 - Campo Grande - MS. 23º Congresso Brasileiro de Engenharia Sanitária e Ambiental. ABES - Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental. Disponível em: Acesso em: 02 jan. 2012, 17:31:24.

SILVA, Maria Daniella., MENDONÇA, Morgana dos Santos., & COSTA, Janieiry Queiroga. A contabilidade ambiental nas lavanderias do setor têxtil de Toritama-PE. Anais do XIV Congresso Brasileito de Custos. 05 à 07 de Dezembro, 2007. Disponivel em: < http://www.abcustos.org.br/texto/viewpublic?ID_TEXTO=2380>. Acesso em 20 abr. 2013, 14:57:01

THOMAS, Janet M.; CALLAN, Scott J.. Economia ambiental: aplicações, políticas e teoria. Tradução Antonio Claudio Lot e Mata Reyes Gi L Passos. São Paulo: Cengage Learning, 2010.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n11-415

Refbacks

  • There are currently no refbacks.