O Direito à educação de qualidade: Uma Escola de segunda oportunidade Italiana destinada a jovens socialmente excluídos / The Right to Quality Education: An Italian Second Chance School for Socially Excluded Young People

Roberto Carlos Ramos

Abstract


Este estudo descreve experiências educacionais em Scampia, na Itália, onde os desafios do cotidiano e do contexto serviram como motivação para construir o Projeto Io Valgo (Eu tenho valor), numa escola Lassalista de segunda oportunidade para jovens com abandono escolar. O objetivo é refletir, tendo presente o ideário nos Marcos Regulatórios da Educação que versam sobre a educação de qualidade como um direito de todos, sobre as possibilidades e limitações da oferta de uma educação de qualidade para jovens italianos com abandono escolar e socialmente excluídos. A metodologia utilizada é a de abordagem qualitativa, exploratória, documental com base em um estudo de caso, analisado a partir da vivência e experiência do pesquisador. Entre os resultados está a inserção dos jovens à vida social e profissional, conclusão do ensino básico, oferta de novos caminhos de crescimento pessoal e de aprendizagem.


Keywords


Direito à educação de qualidade, Escola de Segunda Oportunidade, Inclusão de jovens.

References


ANDRÉ, Marli. Estudo de Caso em Pesquisa e avaliação educacional. Brasília: Liber Livro Editora, 2005.

BARRA, Giovane. Raccolta di materiali progettuali in occasione del Simposio Internazionale. Napoli Edizione: Modulo Chance, 2004.

BRIGHETTI E. Ricomincio da me. L’identità delle scuole di seconda occasione in Italia.Trento: IPRASE del Trentino, 2006.

CAPPELLACCI, G; PACITTI, P. Rapporto di ricerca sulla ricaduta psicosociale dei progetti di prevenzione e controllo della dispersione scolastica promossi dall’Amministrazione di Napoli. Roma: La Maieutica, 2006.

DECLARAÇÃO MUNDIAL SOBRE EDUCAÇÃO PARA TODOS: satisfação das necessidades básicas de aprendizagem. Jomtien, UNESCO, 1990.

DECLARAÇÃO MUNDIAL SOBRE EDUCAÇÃO PARA TODOS – Marco de Ação de Dakar Educação para Todos: Cumprindo nossos compromissos coletivos de Dakar. Brasília: UNESCO, CONSED, Ação Educativa, 200.

DESLAURIERS, Jean-Pierre. Recherche qualitative: guide pratique. McGraw-hill, 1991.

FILIPPINI, Federica; GIUSTINI, Chiara. Chance, la scuola della seconda opportunità. Ricerche di Pedagogia e Didattica – Pedagogia Sociale, Interculturale e della Cooperazione. Nápoli, 2010.

GIL, Antonio C. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2007.

LÜDKE, Menga; ANDRÉ, Marli. Pesquisa em educação: abordagens qualitativas. São Paulo: EPU, 1986.

MINAYO, M. C. S. O desafio do conhecimento. Pesquisa qualitativa em saúde. São Paulo: HUCITEC, 2007.

MORENO, C. Il chiasso e la parola. Progetti per adolescenti in contesti metropolitani. Napoli Castel: Edizione a cura del Modulo Chance S. Giovanni-Barra. 2001.

MÜLLER, Enrico. Speciale. Progetto So.S Scampia (Solidarietà e Sviluppo a Scampia) Progetto di sviluppo locale co-finanziato da Fondazione per il Sud. Giornale Mensale Canale de Notizia. Scampia, Maggio de 2008.

ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS PARA A EDUCAÇÃO, A CIÊNCIA E A CULTURA (UNESCO). CONSED, Ação Educativa. Educação para todos: o Compromisso de Dakar. Brasília: Dakar, Consed, 2000.

OSTER, Karin. (org). Scuole dela seconda opportunità. Relazione riassuntiva sulla valutazione dele scuole pilote europee. Roma: ottubre de 2000.

PARLAMENTO EUROPEO. Lotta contro l’abbandono scolastico. Soluzioni per una seconda opportunità n. 69. Brussels: 1 dicembre 2011.

PROGGETO IO VALGO. Una scuola lasalliana della seconda opportunità in italia. Casa Arcobaleno. Spazio Educativo Lassaliano. Nápoli. 2008.

TRIVIÑOS, A.N.S. Introdução à pesquisa em Ciências Sociais: a pesquisa qualitativa em educação – o positivismo, a fenomenologia, o marxismo. São Paulo: Atlas, 1987.

YIN, Robert. Estudo de caso: planejamento e métodos. 3. ed. Porto Alegre: Bookman, 2005.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n11-117

Refbacks

  • There are currently no refbacks.