A percepção corporal de estudantes do ensino médio em Boa Vista-RR: conflitos e pressões sociais / The body perception of high school students in Boa Vista-RR: conflicts and social pressures

Eduarda Pereira Cardoso, Leila Maria Camargo

Abstract


O Ensino Médio é uma fase em que os estudantes se sentem conturbados. É uma etapa da vida em que enfrentam grandes conflitos e pressões, sejam elas internas (consigo mesmo) como externas (recebidas da família, sociedade e mídia). Sendo que por um lado querem viver sua condição juvenil, demarcar e construir identidades e, por outro, enfrentam as pressões dos adultos quanto a projetos de futuro, decisão profissional, ao mesmo tempo que sofrem influências dos ataques da mídia e pela sociedade do consumo, quanto a ideia de corpo. Neste ponto, as influências dos mesmos, vem contribuindo para a negação do próprio corpo. Este artigo, têm desígnio de discutir a condição de estudantes do Ensino Médio em Boa Vista-RR, buscando compreender a relação entre corpo, corporeidade e aprendizagem. É fruto de estudos da disciplina de dimensões sociológicas da Educação Física, que estima compreender a percepção corporal destes jovens. A amostra foi composta por 18 sujeitos do 1º ao 3º ano de uma escola de rede pública do Ensino Médio em Roraima. Como resultados, obteve-se que o padrão de beleza vendido pela indústria da beleza e do consumo, as pressões recebidas da escola e sociedade, por muitas vezes, tem levado a juventude a negarem o próprio corpo. Chama a atenção para a necessidade de mais profissionais da saúde e educação, que sejam capacitados para atenderem estas questões vivenciadas pela juventude no contexto escolar, promovendo estudos que envolvam mais os juvenis ao ato conhecimento de si próprio, em seu caráter físico, emocional e social.


Keywords


Juventude, Escola, Negação do Corpo.

References


ALMEIDA, Evany Bettine de; MARTINS, Anna Karenina Azevedo, NUNES, Viviane Abreu. O corpo como espaço de aprendizagem: reflexões a partir das vivências de um grupo de teatro formado por adultos na maturidade. Pro-Posições | v. 24, n. 3 (72) | p. 201-217 | set./dez. 2013.

Brasil. Secretaria de Educação Básica. Formação de professores do ensino médio, etapa I - caderno II: o jovem como sujeito do ensino médio / Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica; [organizadores: Paulo Carrano, Juarez Dayrell]. – Curitiba: UFPR/Setor de Educação, 2013. 69p. : il.

CAMPOS, Simeia Rodrigues; GOTO, Tommy Akira. Os conflitos e valores na juventude: transição para a maturidade. Rev. abordagem gestalt. vol.23 no.3 Goiânia dez. 2017

CUNHA, Maria João. Corpo e imagem na sociedade de consumo. Lisboa, Clássica Editora, 2014.

DAOLIO, Jocimar. Educação Física Escolar: em busca da pluralidade. Rev. paul. Educ. Fis., São Paulo, supl.2, p.40-42,1996.

Dayrell, J. T. (2005). A música entra em cena: O rap e o funk na socialização da juventude. Belo Horizonte: Editora UFMG.

DAYRELL, Juarez. O jovem como sujeito social. Rev. Bras. Educ. no.24 Rio de Janeiro Sept./Dec. 2003. Educação Física / vários autores. – Curitiba: SEED-PR, 2006. –248 p.

FAJARDO, Vanessa. Os sinais que podem identificar depressão nos adolescentes. De São Paulo para a BBC News Brasil, 28 janeiro 2019. https://www.bbc.com/portuguese/geral-46965090. Acesso: 23 ago. 2019.

FREIRE, P. Pedagogia do oprimido. São Paulo: Paz e Terra, 2003.

FOUCAULT, Michel. Vigiar e Punir: nascimento da prisão. Trad. Lígia M. Ponde Vassalo. Petrópolis: Vozes, 1987.

GAYA, A.; GAYA, A. Jogos Desportivos: Formação e investigação. In: NASCIMENTO, J. V. do.; RAMOS, V.; TAVARES, F. Coleção Temas em Movimento. Florianópolis: UDESC, 2013.

GONÇALVES, Maria Augustan Salim. Sentir, prensar, agir: corporeidade e educação. Campinas, SP: Papiros, 2012.

LE BRETON, David. Antropologia do corpo e modernidade. Petrópolis, vozes, 2013.______. Sociologia do corpo. Petrópolis: Vozes, 2012.

MESQUIDA, Peri. O corpo negado: corpo, violência e educação à luz do pensamento libertário de Paulo Freire. Revista Múltiplas Leituras, v. 3, n. 1, p. 224-236, jan. jun. 2010

MYERS, P.N. e BIOCCA, F. (1992) “The elastic body image: the effect of television advertising and programming on body image distortions in young women Communication”, 42, p: 108-133

Nações Unidas. OMS registra aumento de casos de depressão em todo o mundo; no Brasil são 11,5 milhões de pessoas. Publicado em 23/02/2017Atualizado em 24/02/2017. https://nacoesunidas.org/oms-registra-aumento-de-casos-de-depressao-em-todo-o-mundo-no-brasil-sao-115-milhoes-de-pessoas/. Acesso: 24 de ago. 2019

OPAS/OMS Brasil. Folha informativa - Saúde mental dos adolescentes. Atualizada em setembro de 2018. https://www.paho.org/bra/index.php?option=com_content&view=article&id=5779:folha-informativa-saude-mental-dos-adolescentes&Itemid=839. Acesso: 23 ago. 2019.

PAINS, Clarissa. Um em cada três adolescentes no país sofre de transtornos mentais comuns. 23/05/2016 - 05:00 / Atualizado em 23/05/2016 - 18:07. Globo sociedade. https://oglobo.globo.com/sociedade/saude/um-em-cada-tres-adolescentes-no-pais-sofre-de-transtornos-mentais-comuns-19356875. Acesso: 23 ago. 2019.

Pesquisa nacional de saúde do escolar: 2015 / IBGE, Coordenação de População e Indicadores Sociais. – Rio de Janeiro: IBGE, 2016. 132 p. Convênio: Ministério da Saúde, com apoio do Ministério da Educação Inclui bibliografia e glossário. ISBN 978-85-240-4387-1. https://sidra.ibge.gov.br/pesquisa/pense/pense-2015.

PINAS, Romildo Henriques. O corpo como mediação necessária do ser pessoa na antropologia de Wolfhart Pannenberg. Pensar-Revista Eletrônica da FAJE v.6 n.2 (2015): 213-227.

SANTIN, Silvino. Educação Física: uma abordagem filosófica da corporeidade. rev. – Ijui, Rio Grande do Sul, 1987.

TEIXEIRA, Célia Maria Ferreira da Silva. A escola como espaço de prevenção ao suicídio de adolescentes – relato de experiência. Curso ministrado no X Simpósio de Estudos e Pesquisas da Faculdade de Educação da UFG, de 27 a 28 de agosto de 2001 – Goiânia (GO). https://www.revistas.ufg.br/interacao/article/download/1509/1496. Acesso em: 21 de ago. 2019.

TENÓRIO, Macela Marta Da Costa et al. Corpo, injúria e símbolo: a automutilação em jovens. In: Anais da Mostra de Pesquisa em Ciência e Tecnologia 2017. Anais...Fortaleza (CE) DeVry Brasil - Damásio - Ibmec, 2019. Disponível em: . Acesso em: 16 ago. 2019.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n11-054

Refbacks

  • There are currently no refbacks.