Reflexões acerca dos aspectos necessários para a prática psicopedagógica: considerações sobre o ato de avaliar / Reflections about the aspects necessary for psychopedagogical practice: considerations about the evaluation act

Marcos Antonio Martins Lima, Denize de Melo Silva, Jáderson Cavalcante da Silva, Lídia Andrade Lourinho, Ana Paula Vasconcelos de Oliveira Tahim

Abstract


O presente artigo tem como objetivo identificar os aspectos necessários para a prática psicopedagógica no ato de avaliar. Para isso, a natureza da pesquisa é pura, bibliográfica, nível exploratório com abordagem qualitativa cuja seus fundamentos centra-se em um corpus formado por 13 pesquisas (livros e artigos) o qual foi possível estabelecer 4 categorias/redes a partir do método de análise de conteúdo, técnica categorial. Concluiu-se que a avaliação do ensino-aprendizagem é essencial para a promoção de práticas atentas e contextualizadas, por meio de uma conceituação teórico-metodológica capaz de ocasionar melhorias na área psicopedagógica.


Keywords


Avaliação do ensino-aprendizagem; Psicopedagogia; Educação.

References


ANTUNES, Celso. A avaliação da aprendizagem escolar. Petrópolis, Rio de Janeiro: Vozes, 2013.

BARDIN, Laurence. Análise do conteúdo. Tradução Luis Antero Reto. São Paulo: Edições 70, 2016.

BOSSA, Nádia. A psicopedagogia no Brasil: contribuições a partir da prática. Porto Alegre: Artmed, 2000.

COSTA, Ana Araújo; PINTO, Telma Maranhão Gomes; ANDRADE, Márcia Siqueira de. Análise histórica do surgimento da Psicopedagogia no Brasil. Revista de Psicologia. v. 7, nº 20, p. 10-21, jul., 2013.

DEMO, Pedro. Avaliação qualitativa. São Paulo: Campinas, 2010.

FERNÁNDEZ, Alícia. Os idiomas do aprendente: análise das modalidades ensinantes com famílias, escolas e meios de comunicação. Porto Alegre: Artmed Editora, 2001.

FREITAS, Luiz Carlos de; SORDI, Mara Regina Lemes de; MALAVASI, Maria Marcia Sigrist; FREITAS, Helena Costa Lopes de. Avaliação educacional: caminhando pela contramão. Petrópolis, RJ: Vozes, 2014.

GIL, Antonio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Atlas, 2002

HOFFMANN, Jussara. Avaliação mito e desafio: uma perspectiva construtivista. Porto Alegre: Mediação, 2009.

HOFFMANN, Jussara. Avaliação mediadora: uma prática em construção da pré-escola à universidade. Porto Alegre: Mediação, 2012.

LIMA, Marcos Antonio Martins. Auto-avaliação e desenvolvimento institucional na educação superior: projeto aplicado em cursos de administração. Fortaleza: Edições UFC, 2008.

LUCKESI, Cipriano Carlos. Avaliação da aprendizagem na escola: reelaborando conceitos e recriando a prática. 2ª ed. Salvador: Malabares, 2005.

PARLETT, Malcolm.; HAMILTON, David. Evaluation as illumination: A new approach to the study of innovatory programs. Edinburgh, Scotland: Center for Research in the Educational Sciences, University of Edinburgh, 1972.

SANT’ANNA, Ilza Martins. Por que avaliar? Como avaliar? Critérios e instrumentos. Rio de Janeiro: Vozes, 2010.

SASS, Odair. Problemas da educação: o caso da psicopedagogia. Revista Educação e Sociedade. v. 24, nº 85, p. 1363-1373, dez., 2003.

SCRIVEN, Michael. The Methodology of Evaluation. Perspectives of Curriculum Evaluation. Chicago: Rand Mac Nally, 1967.

SILVA, Rose Neubauer da. O Livro didático: reflexão sobre os critérios de seleção e utilização. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, v. 44, p. 98-101, fev., 1983.

SOBRINHO, Dias. Avaliação. Políticas educacionais e reformas da educação superior. São Paulo: Cortez, 2003.

VIANNA, Heraldo Marelim. Avaliação educacional: teoria, planejamento e modelos. São Paulo: Ibrasa, 2000.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n10-716

Refbacks

  • There are currently no refbacks.