Técnicas combinadas para o Fechamento de Ferida em Membro Pélvico Felino- Relato de Caso / Combinated techniques for full wound closure in feline pelvic limb - Case Report

Daisa Eloana Bortulucci, Adrielly Dissenha, Natalie Bertelis Merlini, Juliano Bortolo de Conti

Abstract


A cirurgia reconstrutiva tem ampla aplicabilidade na Medicina Veterinária, principalmente quando se refere de feridas tratadas por segunda intenção ou devido à ressecção cirúrgica de neoplasias. Por esta razão, é imprescindível o conhecimento anatômico e das técnicas de reconstrução cirúrgicas disponíveis. Em ambos os casos, é fundamental um leito saudável para receber o retalho cirúrgico e com isso diminuir as chances de insucesso. O objetivo do presente relato é mostrar o manejo clínico de uma ferida por mordedura infectada em membro pélvico de felino, além de sua correção cirúrgica por meio de uma técnica reconstrutiva. Nesse caso, o uso do Retalho de padrão axial da artéria epigástrica superficial caudal foi eficiente para a correção da extensa ferida, sem ocorrências de complicações no pós-operatório.


Keywords


Cirurgia reconstrutiva, cicatrização, hidrocoloide, leito cirúrgico.

References


Bohling, M.W.; Henderson, R.A. Differences in cutaneous wound healing between dogs and cats. Veterinary Clinics Small Animal, 36[s.n.]: 687-692, 2006.

Bohling, M.W.; Henderson, R.A.; Swaim, S.F.; Kincaid, S.A.; Wright, J.C. Comparison of the role of the subcutaneous tissues in cutaneous wound healing in the dog and cat. Veterinary Surgery, 35[s.n.]: 3-14, 2006.

Campbell, B.G. Dressings, bandages, and splints for wound management in dogs and cats. Veterinary Clinics Small Animal, 36[s.n.]: 759-791, 2006.

Castro, J.L.C.; Huppes, R.R.; De Nardi, A.B.; Pazzini, J.M. Princípios e Técnicas de Cirurgias Reconstrutivas da Pele de Cães e Gatos. 1. ed. Curitiba: Medvep, 2015.

Castro, J.L.C.; Huppes, R.R.; Sprada, A.G.; Pazzini, J.M.; De Nardi, A.B.; Queiroz, T.N.L.; Pascoli, A.L. Axial pattern flap from the caudal superficial epigastric artery for the correction of surgical defects created by the resection of tumors or traumas in cats and dogs: 16 cases (2012-2015). Journal of Agricultural Science, 9(5): 170-174, 2017.

Gambardella, S.S.; Barata, J.S.; Ribeiro, J.S.; Senhorello, I.S.; Montanhim, G.L.; Nazaret, T.L.; Alvarez-Gomes, J.L.; Reis Filho, N.P.; Firmo, B.F.; De Nardi, A.B. Retalho de padrão axial da artéria epigástrica superficial caudal para reconstrução de defeito após exérese de neoplasia em membro pélvico: relato de caso. Almanaque de Medicina Veterinária e Zootecnia, 3(1): l-3, 2017.

González, D.V.; Arias, L.F.; Mendoza, I.A.; Sanchez, A.T.; Castellanos, A.P. Estudio comparativo entre el uso de apósito hidrocolóide vs uso de tie-over para valorar el porcentaje de integración de los injertos cutâneos de espesor total. Dermatología Revista Mexicana, 55(4): 175-179, 2011.

KrahwinkeL, D.J.; Boothe, H.W. Topical and System Medications for Wounds. Veterinary Clinics Small Animal, 36[s.n.]: 739-757, 2006.

Macphail, C.M. Cirurgia do Sistema Tegumentar. In: Fossum, T. Cirurgia de Pequenos Animais. 4a ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2014, p. 222-252.

Martins, A. V.; Bonfim, L. S.; Amaral, A. V. C. Retalho de prega inguinal para o reparo de defeito cutâneo após nodulectomia em cadela – relato de caso. Brazilian Journal of Development. 6(7): 47686, 2020.

Mota, F.C.D.; Portugal, E.S.; Camplesi, A.C.; Sobreira, M.F.R.; Casale, R.V.; Trevisan, A. Utilização de enxerto pedicular cutâneo na reparação tecidual da parte medial da coxa de um cão após exérese de tumor: Relato de caso. Pubvet, 5(24): 1-7, 2011.

Sakate, M.; Camplesi, A.C.; Da Motta, Y.P. Intoxicação Medicamentosa em Pequenos Animais. In: Jericó, M.M.; Neto, J.P.A.; Kogika, M.M. Tratado de Medicina Interna de Cães e Gatos. 1 ed. Rio de Janeiro: Editora Guanabara, 2015, p. 1848-1879.

Sárközy, G. Quinolones: a class of antimicrobial agents. Veterinary Medicine, 46(9-10): 257-274, 2001.

Serafini, G.M.C.; Schossler, J.E.W.; Amaral, A.S.; Dutra, L.H.; Dibi, A.P.; Drogemoller, P.; Athayde, C.L. Açúcar granulado ou em gel no tratamento de ferida em cães. Ciência Rural, 42(12): 2213-2218, 2012.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n10-658

Refbacks

  • There are currently no refbacks.