Estudo da secagem da polpa de celulose branqueada / Study of cellulose pulp drying

Alex Karl Oscar Schmidt, Rodrigo Condotta

Abstract


O conhecimento da cinética de secagem de um certo produto a ser seco contribui para a otimização e desenvolvimento de equipamentos e das condições mais específicas para cada produto processado, uma vez que esta é uma operação unitária bastante utilizada na indústria e uma das mais onerosas. Este trabalho teve como objetivo estudar a secagem de celulose sob diferentes condições (tipos de secadores, temperatura e velocidade do agente secante) e o ajuste dos dados experimentais aos modelos matemáticas empíricos e teóricos existentes em literatura. Verificou-se que o melhor modelo empírico para se descrever a secagem da celulose nas condições estudadas foi o modelo de Midilli. Já o coeficiente de difusão efetivo, obtido segundo a expressão de Crank, se mostrou dependente tanto da temperatura como da velocidade do ar de secagem.

 


Keywords


polpa celulose, umidade normalizada, modelos empíricos e teóricos, coeficiente de difusão efetiva.

References


ALBINI G., FREIRE F. B., FREIRE J. T. Secagem de grãos de cevada (Hordeum vulgare) em leito fixo, Anais do COBEQ 2016, Galoá Proceedings, 2017.

CRANK, J. The Mathematics of Diffusion. 2 ed. England: Oxford University Press, 1975.

DINCER, I.; ZAMFIRESCU, C. Drying Phenomena: theory and applications. Wiley, 2016.

ERBAY, Z.; ICIER, F. A Review of Thin Layer Drying of Foods: Theory, Modeling, and Experimental Results. Critical Reviews in Food Science and Nutrition, v. 50, n. 5, p. 441–464, 2010.

GEANKOPLIS, C. J. Transport processes and unit operations. Prentice-Hall International, 3 ed.,1993.

KUCUK, H.; MIDILLI, A.; KILIC, A.; DINCER, I. A Review on Thin-Layer Drying-Curve Equations. Drying Technology, v. 32, n. 7, p. 757–773, 2014.

MELO J. C. S.; PEREIRA, E. D.; COSTA C. H. C.; OLIVEIRA K. P., Modelagem matemática das curvas de secagem da pimenta de cheiro, Anais do COBEQ 2014, Blucher Proceedings, 2015.

MUJUMDAR A. S. Industrial Transfer Processes, National University of Singapoure, 2011.

MUJUMDAR, A. S.; DEVAHASTIN, S. Fundamental Principles of Drying. In: Mujumdar's practical guide to industrial drying (ed. A.S. Mujumdar), Exergex Corporation, p. 1–22, 2000.

PERAZZINI, H. Secagem de sólidos porosos granulares (dissertação), UFSCar, São Carlos, 2014.

VIEIRA M. G. A., ROCHA S. C. S. Mathematical modeling of handmade recycled paper drying kinetics and sorption isotherms, Braz. J. Chem. Eng, v. 10, n. 2, p. 299-312, 2008.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n10-605

Refbacks

  • There are currently no refbacks.