Educação ambiental crítica: Uma necessidade social ou uma decisão política? / Critical environmental education: A social need or a political decision?

Luiz Claudio Alzuguir

Abstract


O presente ensaio aborda, por uma perspectiva sócio-política, o tema da Educação Ambiental (EA) com a intenção de estimular uma dialética entre os atores envolvidos, para que possam desenvolver uma consciência plena e crítica do modelo econômico vigente e assim contrapor opções sociais e econômicas mais eficazes. Este estudo  pretende mostrar que a EA necessita ir além do patamar teórico / holístico e,  ao  denunciar as mazelas do desenvolvimento sustentável que se caracteriza em  administrar  a escassez de recursos, apresentar possibilidades de ações decisivas de professores e professoras, que implementadas nas diversas esferas governamentais  e  realidades  sociais, permitam diminuir o impacto das ações antrópicas sobre o meio ambiente.

Keywords


Alfabetização Científica, Alfabetização Política, Desenvolvimento Sustentável, Ecodesenvolvimento, Educação Ambiental.

References


ADLAI, Stevenson, 1974, apud EHRLICH, Paul R.; EHRLICH, Anne H. População, recursos, ambiente. São Paulo, Polígono, 1974.

BONFIM, Alexandre Maia do; PICCOLO, Fernanda Delvalhas. Educação Ambiental Crítica: para além do positivismo e aquém da metafísica. In: VII Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências. Anais do VII Enpec. Florianópolis, Santa Catarina, 2009

CHASSOT, Attico. Alfabetização científica: questões e desafios para a educação. 5. ed. rev. Ijuí. Unijuí, 2011.

FOSTER, John Bellamy. A ecologia de Marx: materialismo e natureza. 2. ed. Rio de Janeiro. Civilização Brasileira, 2010.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do oprimido. 50. ed. rev. e atual. Rio de Janeiro. Paz e Terra, 20011.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. 43. ed. São Paulo.Paz e Terra, 2011.

FREIRE, Paulo. Educação como prática da liberdade. 14. ed. Rio de Janeiro. Paz e Terra, 2011.

GRÜN, Mauro. Ética e educação ambiental. São Paulo. Papirus, 1996.

GUATTARI, Félix. As três ecologias. 21. ed. Rio de Janeiro. Papirus, 2011.

KRASILCHIK, Myriam; MARANDINO, Martha. Ensino de ciências e cidadania. 2. ed. São Paulo. Moderna, 2007.

LAGO, Antônio; PÁDUA, José Augusto. O que é ECOLOGIA. 1. ed. São Paulo. Brasiliense, 1984.

LEFF, Enrique. Ecologia, Capital e Cultura: a territorialização da racionalidade ambiental. 1. ed. Petrópolis. Vozes, 2009.

LIMA, G. F. C.; PORTILHO, F.. Sociologia Ambiental no Contexto Acadêmico Norte

– Americano: Formação, Dilemas e Perspectivas. Revista Teoria & Sociedade, dos Departamentos de Ciência Política e de Sociologia e Antropologia da UFMG. Belo Horizonte, n. 7, junho/2001, pp. 241 – 276.

MORIN, Edgar. Os setes saberes necessários à educação. 2. ed. São Paulo. Cortez; Brasília, DF. Unesco,2011.

PENTEADO, Heloísa Dupas. Meio ambiente e formação de professores. São Paulo. Cortez, 1994.

REICHERT, Inês Caroline. Buscando criar raízes: preservação dos saberes das famílias de migrantes rurais em uma prática de educação ambiental. 1998. (Dissertação). Programa de Pós – Graduação em Educação da Unisinos.

ROBERTS, D. A. Developing the concepto of “curriculum emphases” in science education. In: Annual Meeting of the American Association for the Advancement of Science. Symposium Early Adolescence: A Critical Stage for Science.

Toronto,January 3 – 8, 1981.

ROSTOW, W. W. Etapas do desenvolvimento econômico, 1971, apud LAYRARGUES, Philippe Pomier. Do Ecodesenvolvimento ao Desenvolvimento Sustentável: evolução de um conceito? In: Proposta, 1997.

SACHS, Ignacy. Ecodesenvolvimento: crescer sem destruir, 1986, apud LAYRARGUES, Philippe Pomier. Do Ecodesenvolvimento ao Desenvolvimento Sustentável: evolução de um conceito? In: Revista Proposta, Rio de Janeiro, v.24, n. 71, p. 1- 5, 1997.

SAUL, Paulo Fernando de Almeida. Educação ambiental e ação institucional: transformações na prática docente. 1999. (Dissertação), Programa de Pós - Graduação em Educação da Unisinos.

STRONG, Maurice, 1986, apud LAYRARGUES, Philippe Pomier. Do Ecodesenvolvimento ao Desenvolvimento Sustentável: evolução de um conceito? In: Revista Proposta, 1997.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n10-237

Refbacks

  • There are currently no refbacks.