Análise do desempenho econômico recente da piscicultura no Estado do Amazonas / Analysis of recent economic performance of fish farming in the State of Amazonas

Deyse Maria Portela Carvalho, Aristides da Rocha Oliveira Junior, Fabiana Lucena Oliveira

Abstract


A piscicultura, atividade econômica que guarda potencial de expansão significativo no Estado do Amazonas em razão da abundância de recursos hídricos, da biodiversidade de espécies e de sua viabilidade econômica, já atestada por estudos como aqueles conduzidos pela SUFRAMA (2003), poderia contribuir para a constância na oferta de peixes e redução na variação do preço do produto não só no mercado interno, mas, também externo. Com base nessa premissa, o presente trabalho analisou o desempenho da piscicultura no Estado, nos anos de 2013 a 2015, a partir da análise de dados secundários extraídos da Produção Pecuária Municipal, divulgada pelo IBGE, da Food And Agriculture Organization (FAO) e Secretaria de Produção Rural do Estado do Amazonas (SEPROR-AM). Os achados da análise demonstram que a produção piscícola estadual: (1) está concentrada em duas espécies – Tambaquis e Matrinxãs; (2) está geograficamente concentrada na Mesorregião do Centro Amazonense, principalmente nos municípios de Rio Preto da Eva, Tefé, Coari, Manacapuru, Iranduba, Careiro, Presidente Figueiredo, Maués e Silves; e (3) é ainda incipiente quando comparada à produção nacional, e mais inexpressiva ainda quando se observa a estrutura de oferta do mercado internacional, sugerindo haver um enorme espaço mercadológico a ser conquistado tanto no Brasil quanto no exterior.

 

 


Keywords


Análise de desempenho econômico; Piscicultura; Estado do Amazonas.

References


ANA – AGÊNCIA NACIONAL DE ÁGUAS. Região Hidrográfica Amazônica. Brasília: ANA, 2016. Disponível em: http://www2.ana.gov.br/Paginas/portais/bacias/amazonica.aspx (Acessado em 08/11/2016).

FAO – FOOD AND AGRICULTURE ORGANIZATION. El Estado Mundial de la Pesca y la Aquicultura. Roma: FAO-ONU, 2016.

IBGE – INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Produção da Pecuária Municipal – PPM em 2013. Brasília: IBGE, 2014.

IBGE – INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Produção da Pecuária Municipal - PPM em 2014. Brasília: IBGE, 2015.

IBGE – INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Produção da Pecuária Municipal - PPM em 2015. Brasília: IBGE, 2016.

MARTINS, G. A.; THEÓPHILO, C. R. Metodologia da investigação científica para ciências sociais aplicadas. 02 ed., São Paulo: Atlas, 2009.

MORAES, S. C. S.; COSTA NETO, P. L. O. Elos e conexões: o desafio da competitividade no setor de piscicultura do Amazonas. XXXI ENEGEP - Encontro Nacional de Engenharia de Produção. Belo Horizonte: ABEPRO, 2011.

OLIVEIRA, A. M.; SILVA, M. N. P.; ALMEIDA-VAL, V. M. F.; VAL, A. L. Caracterização da atividade de piscicultura nas mesorregiões do Estado do Amazonas, Amazônia Brasileira. Revista Colombiana de Ciências Animais. Vol. 04, n. 01, 2012, p. 154-162.

SECRETARIA DE PRODUÇÃO RURAL DO AMAZONAS. Pesca e Piscicultura. Manaus: SEPROR, 2016. Disponível em: http://www.sepror.am.gov.br/pesca-e-psicultura/ (Acessado em 08/11/2016).

SERVIÇO BRASILEIRO DE APOIO À MICRO E PEQUENA EMPRESA. Aquicultura no Brasil. Brasília: SEBRAE, 2015.

SUFRAMA – SUPERINTENDÊNCIA DA ZONA FRANCA DE MANAUS. Estudo de Viabilidade da Piscicultura do Tambaqui. Projeto Potencialidades Regionais. Manaus, SUFRAMA: 2003.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n10-012

Refbacks

  • There are currently no refbacks.