Aplicação da metodologia FMEA na validação de processos administrativos e industriais na Flessak Eletro Industrial S/A / Application of the FMEA methodology in the validation of administrative and industrial processes at Flessak Eletro Industrial S/A

Júlio Cesar Oidella, Jairo Leonardi de Aguiar, Kellerman Augusto Lemes Godarth

Abstract


O presente trabalho demonstra a aplicação da metodologia Failure Mode and Effect Analysis (FMEA), como ferramenta de gerenciamento de riscos em processos industriais e administrativos da Flessak Eletro Industrial S/A.Foram aplicadas as sete etapas previstas no método aos processos de soldagem de carcaças de geradores elétricos e tecnologia de informações da empresa, buscando-se analisar possíveis falhas e causas potenciais, efeito e risco de cada tipo de falha potencial. Como resultados, a análise no setor de TI demonstrou alta concentração de causas potencias de falhas na execução do “falha no ckeklist” e “servidor de backup cheio”. No setor de caldeiraria, os processos “soldador com pouca experiência”, “ausência de manutenção preventiva” e “superfície de solda contaminada” representam 88% do grau de severidade, ocorrência e detecção da falha. Finalmente, também ficaram demonstrados o baixo custo de aplicação da FMEA e a facilidade de adaptação às diversas áreas da empresa.


Keywords


Processos; FMEA; Qualidade; Gestão

References


Certificação ISO, O que é ISO 9001. Disponível em: . Acesso dia 3 de junho de 2016.

GIL, Antônio Calos. Como Elaborar Projetos de Pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2002.

HELDMAN, Kim. Project Manager's Spootlight on Risk Management. Alameda: Harbor Light Press, 2005.

JURAN, J. M., GRYNA, Frank M, Controle da Qualidade handbook: conceitos, políticas e filosofia da qualidade. São Paulo: Makron Books, 1991.

LOPES, Janice Correia da Costa. Gestão da Qualidade: Decisão ou Constrangimento Estratégico. 2014. 76 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Europeia, Lisboa, 2014.

MARCONI, Marina de Andrade; LAKATOS, Eva Maria. Técnicas de pesquisa: planejamento e execução de pesquisas, amostras e técnicas de pesquisa, elaboração, analise e interpretação de dados. 7. ed. São Paulo: Atlas, 2012.

MARTINELLI, Fernando Baracho. Gestão da Qualidade Total. Curitiba: IESDE BRASIL, 2009.

MARTINS, Petrônio G., LAUGENI, Fernando P. Administração da Produção. 1ª ed. São Paulo: Saraiva, 2002.

MOREIRA, Daniel Augusto. Administração da Produção e Operações. São Paulo: Pioneira Thonson Learnig, 2002.

Proença, T. A. O Processo de Certificação de um Sistema de Gestão de Qualidade e Ambiente - Hotel Tryp Coimbra (Relatório de Estágio Curricular, Universidade de Coimbra, Coimbra, Portugal). Disponível em: . Acesso dia 17 de abril de 2016.

PMI. Um Guia do Conjunto de Conhecimentos em Gerenciamento de Projetos. 3. ed. Pennsylvania: PMI, 2004.

SAKURAI, Michiaru. Gerenciamento integrado de custos. São Paulo: Atras, 1997.

SILVA, M. Â. (2009). Desenvolvimento e implementação de um Sistema de Gestão da Qualidade (Dissertação de Mestrado, Universidade de Aveiro, Aveiro, Portugal). Disponível em: . Acesso dia 02 de marco de 2016.

SLACK, Nigel, CHAMBERS, Stwart, JOHNSTON, Robert. Administração da Produção. 2ª ed. São Paulo: Atlas, 2001.

STAMATIS, D. H. Failure Mode and Effect Analysis: FMEA from Theory to Execution. 2.ed. Milwaukee: Quality Press, 2003.

TOLEDO, J. C.; AMARAL, D. C. FMEA - Análise do Tipo e Efeito de Falha. Disponível em: , Acesso dia 26 de abril de 2016.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv4n4-171

Refbacks

  • There are currently no refbacks.