As implicações da queda da obrigatoriedade do diploma de Jornalismo na sociedade: sob a perspectiva do voto emitido pelo relator do processo / The implications of the fall in the obligation of the Journalism diploma in society: from the perspective of the vote cast by the rapporteur of the process

Maiara Sobral Silva, Quenízia Vieira Lopes, Idrlan Alves Batista

Abstract


 O presente trabalho visa fomentar a reflexão acerca dos impactos da queda da obrigatoriedade do diploma de Jornalismo na sociedade brasileira. O Supremo Tribunal Federal decidiu por essa ação em 17 de junho de 2009, a decisão referendou o cunho tecnicista que por anos vem  caracterizando  a  profissão  de  jornalista.  Desta  forma,  por  meio  de  revisão  bibliográfica,  esta pesquisa tem por objetivo discutir a função social do Jornalismo, assim como o papel da informação na sociedade pós-moderna. O direito à informação é um direito garantido pela Constituição Federal, mas nem sempre os produtores da notícia têm essa percepção, uma vez que o fazer notícia é diferente do entender os efeitos da notícia. Sendo assim, é preciso redefinir o papel e a função do jornalista para o bem-estar social.


Keywords


Queda do diploma, Jornalismo, Função social.

References


BARBOSA, Adauri Antunes. Depois de derrubar obrigatoriedade do diploma de jornalista, STF pode fazer o mesmo com outras profissões. O Globo, Rio de Janeiro, 19 jun. 2009. Disponível em: . Acesso: 19 mar. 2011.

BRASIL, 1988. Constituição da República Federativa do Brasil. 6ªEdição. São Paulo: Atlas, 1995.

CORREIA, João Carlos. Teoria e crítica do discurso noticioso: notas sobre Jornalismo e representações sociais. Covilhã: Livros LabCom, 2009.

MACHADO, Ricardo de Jesus. Utopia jornalística e mercado in: ENDLER, Sérgio Francisco e BRITTOS, Valério Cruz (orgs.). Comunicação, consumo e identidade no Brasil. 1ª Edição. São Leopoldo: UNISINOS, 2010.

MENDES, Gilmar. Relatório. Acesso em: Acesso: 24 jul. 2012.

MORAES, Alexandre de. Constituição do Brasil interpretada. São Paulo: Atlas, 2005.

MORGADO, Isabel Salema. Direitos do homem, imprensa e poder. Covilhã: Livros LabCom, 2009.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n9-251

Refbacks

  • There are currently no refbacks.