Condições físicas e higiênico-sanitárias do abate bovino nas cidades de Araguanã e Zé Doca/MA / Physical and hygienic-sanitary conditions of cattle slaughter in the cities of Araguanã and Zé Doca / MA

Davina Camelo Chaves, José Sebastião Cidreira Vieira, Efraim Costa Pereira, Clesia Lima Silva, Adriana Sales Silva, Mohama Paz de Melo Silva

Abstract


A contaminação da carne bovina pode ocorrer quando o animal ainda está vivo, devido ao alto grau de contaminantes encontrados nos meios externo e interno, causada pela invasão de microrganismos, por não ser adotado as práticas de higiene adequadas antes e depois do abate. Com o objetivo de descrever as características de dois abatedouros das cidades de Araguanã- MA e Zé DocaMA, e se necessário indicar medidas, para minimizar o problema. Foi realizado um estudo de campo, onde se observou as instalações, as condições higiênico-sanitária, ferramentas e utensílios usados, características dos desinfetantes, qual a frequência que era usado, condições de higiene dos manipuladores. De acordo com os resultados existe a necessidade de uma adaptação das características do ambiente e capacitação dos profissionais, bem como de todas as instalações, ferramentas e utensílios que se encontram impróprios para o abate, com risco de contaminação. Portanto, averiguando as condições de exigência mínima para a manipulação, instalações, ferramentas e utensílios para o abate de animais e para o consumo humano, precisam ser adequados de acordo com o decreto de nº 2.244 de 4 de julho de 1997, bem como as Boas Práticas de Manipulação.


Keywords


manipulação, higiene, saúde.

References


BADARÓ, A. C. L.; AZEREDO, R. M. C.; ALMEIDA, M. E. F. Vigilância Sanitária de Alimentos: Uma revisão. Revista Nutrir Gerais, v. 1, p. 7, 2007.

BRASIL. Ministério da Agricultura, do Abastecimento Departamento de Inspeção de Produtos de Origem Animal – DIPOA. Disponível em www3.servicos.ms.gov.br/iagro_ged/pdf/182_GED.pdf. Acesso em 10 de maio de 2011.

EVANGELISTA, J. Tecnologia de Alimentos. São Paulo: Editora Atheneu, 2008. p. 171-174

FORSYTHE, S. J. Microbiologia da Segurança Alimentar. Porto Alegre: Atheneu, 2002. p. 11-301

__________ FOOD AND AGRICULTURE ORGANIZATION OF THE UNITED NATIONS. Food quality and safety systems: a training manual on food hygiene and the hazard analysis and critical control point (HACCP) system. Rome: FAO, 1998. 232p.

GOMIDE, L. A. de M., Tecnologia de abate e tipificação de carcaças. Viçosa: UFV, 2006. p. 19- 123

SCHREINER, L. L. Boas Práticas de Fabricação de Sorvetes: condições higiênico-sanitárias das indústrias, qualidade microbiana do produto e eficiência do instrumento inspeção. 2003. 136p. Dissertação (mestrado em Ciências de alimentos). Faculdade de Farmácia - Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2003.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n9-244

Refbacks

  • There are currently no refbacks.