Um breve histórico sobre inovações em compras e licitações públicas no Brasil / A brief history of innovations in procurement and public bidding in Brazil

Vera Regina Ramos Pinto

Abstract


Este artigo tem o propósito de apresentar as principais inovações ocorridas, ao longo dos últimos 25 anos, na área de compras e licitações públicas, no Brasil. Uma das suas principais externalidades positivas é a produção de material que pode apoiar estudantes e professores de Administração, especialmente aqueles que estudam os processos compras e licitações realizados no âmbito das organizações públicas. O que se constata é dinamismo da área, principalmente, após o desenvolvimento de tecnologias da informação e comunicação pelo governo federal, de maneira gradual, envolvendo estados, Distrito Federal e municípios, que culminaram em sistemas, tais como o Sistema Integrado de Administração de Serviços Gerais (SIASG) e no Portal de Compras do Governo Federal  (COMPRASNET), que viabilizam a  celeridade, bem como maior controle e transparência nos processos públicos de compras.


Keywords


Licitações, Compras públicas, Inovações.

References


AGÊNCIA BRASIL. Pequenas empresas garantem saldo positivo de empregos, mostra Sebrae. 01/07/2019. Disponível em: https://agenciabrasil.ebc.com.br/educacao/noticia/2019-07/pequenas-empresas-garantem-saldo-positivo-de-empregos-mostra-sebrae#:~:text=As%20micro%20e%20pequenas%20empresas,gerados%20pelas%20empresas%20no%20pa%C3%ADs. Acesso em: 14 mai. 2020.

ALMEIDA, W. A. C. de; ALMEIDA, L. T.; GUARNIERI, P. A Participação e o Sucesso das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte em Compras Públicas no Brasil: Uma Replicação. EnANPAD 2017 São Paulo / SP - 01 a 04 de Outubro de 2017.

AMORIM, V. A. J. Licitações e contratos administrativos: teoria e jurisprudência. 2 ed. Brasília: Senado Federal, Coordenação de Edições Técnicas, 2018.

ARAÚJO, W. F. G. As estatais e as PPPs: o project finance como estratégia de garantia de investimentos em infra-estrutura. Revista do Serviço Público Brasília 57 (2): 169-190 Abr/Jun 2006.

BRASIL. Decreto-Lei nº 2.300, de 21 de novembro de 1986. Dispõe sobre licitações e contratos da Administração Federal e dá outras providências. Brasília, 1986.

BRASIL. Constituição Federal, 1988. Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília, 1988.

BRASIL. Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993. Regulamenta o artigo 37, inciso XXI, da Constituição Federal, institui normas para licitações e contratos da Administração Pública, e dá outras providências. Brasília, 1993.

BRASIL. Decreto nº 1.094, de 23 de março de 1994. Dispõe sobre o Sistema de Serviços Gerais (SISG) dos órgãos civis da Administração Federal direta, das autarquias federais e fundações públicas, e dá outras providências. Brasília, 1994.

BRASIL. Lei nº 9.648, de 27 de maio de 1998. Altera dispositivos das Leis no 3.890-A, de 25 de abril de 1961, no 8.666, de 21 de junho de 1993 (...). Brasília, 1993.

BRASIL. Lei nº 10.520, de 17 de julho de 2002. Institui, no âmbito da União, Estados,

Distrito Federal e Municípios, nos termos do art. 37, inciso XXI, da Constituição Federal, modalidade de licitação denominada pregão, para aquisição de bens e serviços comuns, e dá outras providências. Brasília, 2002.

BRASIL. LEI nº 11.079, de 30 de dezembro de 2004. Institui normas gerais para licitação e contratação de parceria público-privada no âmbito da administração pública. Brasília, 2004.

BRASIL. Lei Complementar nº 123, de 14 de dezembro de 2006. Institui o Estatuto Nacional da Microempresa e da Empresa de Pequeno Porte; altera dispositivos (...). Brasília, 2006.

BRASIL. Lei nº 12.349, de 15 de dezembro de 2010. Altera as Leis nos 8.666, de 21 de junho de 1993, 8.958, de 20 de dezembro de 1994, e 10.973, de 2 de dezembro de 2004; e revoga o § 1o do art. 2o da Lei no 11.273, de 6 de fevereiro de 2006. Brasília, 2010.

BRASIL. Decreto nº 7.546, de 2 de agosto de 2011. Regulamenta o disposto nos §§ 5º a 12 do art. 3º da Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993, e institui a Comissão Interministerial de Compras Públicas. Brasília, 2011.

BRASIL. Lei nº 12.462, de 4 de agosto de 2011. Institui o Regime Diferenciado de Contratações Públicas - RDC; altera a Lei (...). Brasília, 2011.

BRASIL. Decreto nº 7.892, de 23 de janeiro de 2013. Regulamenta o Sistema de Registro de Preços previsto no art. 15 da Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993. Brasília, 2013.

BRASIL. Lei Complementar nº 147, de 7 de agosto de 2014. Altera a Lei Complementar nº 123, de 14 de dezembro de 2006, e as Leis (...) e 8.666, de 21 de junho de 1993; e dá outras providências. Brasília, 2018.

BRASIL. Decreto nº 9.412, de 18 de junho de 2018. Atualiza os valores das modalidades de licitação de que trata o art. 23 da Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993. Brasília, 2018.

BRASIL. Decreto nº 10.024, de 20 de setembro de 2019. Regulamenta a licitação, na modalidade pregão, na forma eletrônica, para a aquisição de bens e a contratação de serviços comuns, incluídos os serviços comuns de engenharia, e dispõe sobre o uso da dispensa eletrônica, no âmbito da administração pública federal. Brasília, 2019.

BRASIL. Câmara dos Deputados. Projeto de Lei PL 1292/1995. Estabelece normas gerais de licitação e contratação para as administrações públicas diretas, autárquicas e fundacionais da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios; altera as Leis (...). Disponível em: https://www.camara.leg.br/proposicoesWeb/fichadetramitacao?idProposicao=16526. Acesso em: 11 jun. 2020.

BRASIL. Portal de Compras do Governo Federal. Sistema Integrado de Administração de Serviços Gerais (SIASG). Disponível em: https://www.comprasgovernamentais.gov.br/index.php/sisg/siasg. Acesso em: 10 jun. 2020a.

CARDOSO, A. G. O Regime Diferenciado de Contratações Públicas: A questão da publicidade do orçamento estimado. Informativo Justen, Pereira, Oliveira e Talamini, Curitiba, nº 58, dezembro de 2011. Disponível em: https://www.justen.com.br/pdfs/IE58/Andre_RDC.pdf. Acesso em: 10 jun. 2020.

DINIZ, E. H. et al. O governo eletrônico no Brasil: perspectiva histórica a partir de um modelo estruturado de análise. RAP — Revista de Administração Pública, v. 43, n. 1, p. 23-48, jan./fev. 2009.

FERNANDES, C. C. C. Transformações na gestão de compras da administração pública brasileira. 8º Congreso Internacional del CLAD sobre la Reforma del Estado y de la Administración Pública, Panamá, 28-31 de outubro de 2003. Disponível em: https://repositorio.enap.gov.br/bitstream/1/1713/1/Transforma%c3%a7%c3%b5es%20na%20gest%c3%a3o%20de%20compras%20da%20adm%20p%c3%bablica%20brasileira%20Ciro%20Fernandes.pdf. Acesso em: 10 jun. 2020.

FERNANDES, C. C. C. Compras Públicas no Brasil: Tendências de inovação, avanços e dificuldades no período recente. Administração Pública e Gestão Social, vol. 11, núm. 4, 2019.

FIUZA, E. P. S.; MEDEIROS, B. A. A reforma da Lei 8.666/93 e do arcabouço legal de compras públicas no Brasil: contribuições do Ipea à Consulta Pública do Senado. Nota técnica IPEA, nº 8, Brasília, 2013.

FIUZA, E. P. S.; MEDEIROS, B. A. de. A agenda perdida das compras públicas: rumo a uma reforma abrangente da lei de licitações e do arcabouço institucional. Texto para discussão, Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada. Brasília: IPEA, 2014.

INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔNICA APLICADA (IPEA). Programas visam inserir micro e pequenas empresas nas compras governamentais. 23/11/2018. Disponível em: https://www.ipea.gov.br/portal/index.php?option=com_content&view=article&id=34435%3Aprogramas-visam-inserir-micro-e-pequenas-empresas-nas-compras-governamentais&catid=6%3Adinte&directory=1&Itemid=1. Acesso em: 14 mai. 2020.

JACOBY FERNANDES, J. U. Sistema de registro de preços e pregão. Belo Horizonte: Fórum, 2003.

MATIAS, V. R. S.; DUARTE, M. B. Análise da política pública de governo eletrônico na Região Metropolitana de Belo Horizonte-MG. Brazilian Journal of Development, v. 5, n. 12, p. 33224-33247,dec. 2019. Disponível em:

https://www.brazilianjournals.com/index.php/BRJD/article/view/5771/5206. Acesso em: 24 ago. 2020.

PECI, A.; SOBRAL, F. A. Parcerias Público-Privadas: análise comparativa das experiências britânica e brasileira. Cadernos Ebape. BR, 2007, 5-2: 1-14.

PIGHINI, B. C.; GOMES, M. F. Da margem de preferência nas licitações e empresas estrangeiras. Direito, Estado e Sociedade n. 42 p. 24 a 48 jan/jun 2013.

PINTO, S. L. A aplicação da tecnologia da informação às compras governamentais na administração federal. Revista Informática Pública, v. 3, n. 4, p. 56-89, 2002.

PROENÇA JUNIOR, M.; PROENÇA, S. de F. F. S.; DUENHAS, R. A. Eficiência no Pregão Eletrônico: Um estudo sob a perspectiva da celeridade. In: ENCONTRO DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA DA ANDAP, 8, 2019, Fortaleza. Anais do VIII Encontro de Administração Pública da ANPAD – EnAPG, Fortaleza: APG, 2019.

RAUEN, A. T. Margens de preferência: limites à avaliação de resultados e impactos. Nota técnica, nº 29. Brasília, DF, IPEA, 2016.

SERVIÇO BRASILEIRO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS (SEBRAE). Perfil das microempresas e empresas de pequeno porte. 2018. Disponível em: https://m.sebrae.com.br/Sebrae/Portal%20Sebrae/UFs/RO/Anexos/Perfil%20das%20ME%20e%20EPP%20-%2004%202018.pdf. Acesso em 14 mai. 2020.

TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO (TCU). Licitações e contratos: orientações e jurisprudência do TCU. Brasília: TCU, 2010.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n8-680

Refbacks

  • There are currently no refbacks.