O conhecimento de matrizes e o envio de mensagens codificadas / The knowledge of matrices and the submission of coded messages

Igor Sthaynny Costa do Nascimento, Elizieb Luiz Liberato Pereira, Mônica Paula de Sousa

Abstract


Aplicativos móveis desonestos são responsáveis por 28% dos ataques de fraudes observados pela RSA (2018),RivestShamirAdleman, no segundo trimestre de 2018 e mais de 70% das transações fraudulentas foram originadas no canal de telecomunicação. Sabendo disso mostraremos um método bastante intuitivo, com operações fáceis, que pode ser utilizado por pessoas comuns para enviar e receber mensagens com mais segurança. Assim, visando um entendimento geral, porém simplificado, utiliza-se matrizes com um conjunto de números para simplificar a manipulação das transformações de letras para números e vice-e-versa. No procedimento o remetente utiliza uma matriz para codificar a mensagem e o destinatário usa uma outra matriz associada à anterior por uma relação de inversão para decodificá-la. Dada a mensagem, cada letra é associada à um número que são ordenados em uma matriz. Para codificar, a mensagem é multiplicada com a matriz do remetente e o resultando é enviado como a matriz resultante. Para decodificar, o destinatário utiliza sua matriz e multiplica pela matriz recebida, resultando na matriz original, assim podendo converter para suas letras associadas. Portanto, tem-se por finalidade mostrar a importância de divulgar um conhecimento científico que torna a tecnologia mais segura, já que a criptografia é um método aplicável em qualquer meio de comunicação, basta que haja os três objetos: o emissor, o transformador e o receptor, e que a segurança a partir da troca de informações ao utilizar esses métodos seja de forma discreta entre emissor e receptor, inclusive a existência de duas matrizes invertíveis em suas mensagens.


Keywords


Criptografia; Matriz; Codificar, Decodificar.

References


DIG. 3 bilhões de pessoas no mundo usam redes sociais ativamente. 2017. Disponível em: . Acesso em: 17 ago. 2018.

G1. WhatsApp bate recorde de mensagens trocadas no Ano Novo. 2018. Disponível em: . Acesso em: 10 ago. 2018.

GOMES, Helton Simões. Jovens brasileiros trocam Facebook por aplicativos de mensagens. 2013. Disponível em: . Acesso em: 17 ago. 2018.

RSA. Security Solutions to Address Cyber Threats. Disponível em: . Acesso em: 18 ago. 2018.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv5n5-1552

Refbacks

  • There are currently no refbacks.