Restrição hídrica em teste de sanidade de diásporos de Myracrodruon urundeuva Fr. All. / Water restriction in sanity test in diaspores of Myracrodruon urundeuva Fr. All.

Ritielly Laiany Carvalho Senigalia, Dagma Kratz, Maria de Fatima Barbosa Coelho Coelho, Elisangela Clarete Camili, Cárita Rodrigues de Aquino Arantes, Adeisany Stephany Ramos Machado dos Santos

Abstract


A inibição do processo de germinação das sementes em testes de sanidade é essencial na avaliação da ocorrência de fungos, especialmente por melhorar a precisão e a operacionalidade da análise. O objetivo neste trabalho foi avaliar a influência do uso de soluções de restrição hídrica à base de NaCl sobre a qualidade fisiológica e sanitária de diásporos de Myracrodruon urundeuva Fr. All (aroeira). Foram determinados potenciais osmóticos de 0,00; -0,25; -0,50; -0,75; -1,00 e -1,25 MPa e os diásporos foram caracterizados quanto ao teor de água e peso de mil. A qualidade fisiológica foi avaliada por meio da porcentagem e do índice de velocidade de germinação (IVG) e a qualidade sanitária pela porcentagem de incidência de patógenos. Os ensaios foram conduzidos em delineamento inteiramente casualizado com quatro repetições de 50 sementes cada. Os diásporos de M. urundeuva germinaram no dia dois e a partir de -0,75 MPa não houve germinação. Potenciais osmóticos abaixo de -0,75 MPa, podem ser utilizados nos testes de sanidade de sementes de aroeira para inibição da germinação. A utilização do restritor à base de NaCl não prejudicou a incidência micótica nos testes de sanidade.


Keywords


aroeira, blotter test, Cloreto de sódio, germinação, potencial osmótico.

References


ALBUQUERQUE, R. J. M.; RODRIGUES, L. V.; VIANA, G. S. B. Análise clínica e morfológica da conjuntivite alérgica induzida por ovalbumina e tratada com chalcona em cobaias. Acta Cirúrgica Brasileira, v. 19, n. 1, p. 43-68, 2004.

BARNETT, H. L.; HUNTER, B. B. Illustrated genera of imperfect fungi. 3. ed. Minnesota: Burgess Publishing Company, 1999. 24 p.

BRAGA, L.F.; SOUSA, M.P.; BRAGA, J.F.; SÁ, M.E. Efeito da disponibilidade hídrica do substrato na qualidade fisiológica de sementes de feijão. Revista Brasileira de Sementes, Brasília, v.21, n.2, p.95-102, 1999.

CALDEIRA, S.F.; PEREZ, S.C.J.G.A., BATISTA, H.L.P. Micofauna em sementes armazenadas de aroeira, Myracrodruon urundeuva (Engl.) Fr. All. e o seu controle com fungicidas. Informativo Abrates, Pelotas, v.15, n 1/2/3, p. 304, 2005.

CALDEIRA, S.F., PEREZ, S.C.J.G.A. Qualidade de diásporos de Myracrodruon urundeuva fr. All. armazenados sob diferentes condições. Revista Brasileira de Sementes, vol. 30, nº 3, p. 185-194, 2008.

CARVALHO, N. M.; NAKAGAWA, J. Sementes: ciência, tecnologia e produção. 5. ed. Jaboticabal: FUNEP, 2012.

CINTRA, T. C. Avaliações energéticas de espécies florestais nativas plantadas na região do Médio Paranapanema, SP. 2009, 84f. Dissertação (Mestrado Ciências Florestais), ESALQ, Piracicaba, 2009.

COUTINHO, W.M., MACHADO, J.C., VIEIRA, M.G.G.C., GUIMARÃES, R.M., FERREIRA D. Uso da restrição hídrica na inibição ou retardamento da germinação de sementes de arroz e feijão submetidas ao teste de sanidade em meio ágar-água. Revista Brasileira de Sementes 1:127-135, 2001.

KOBAYASTI, L.; ADORIAM, A. I.; PAIVA NETO, V. B.; ALVES, C. Z.; REZENDE, M. C. incidência de fungos em sementes de pinhão-manso. Pesquisa Agropecuária Tropical, Goiânia, v. 41, n. 3, p. 385-390, jul./set. 2011.

LIMA, B. G.; TORRES, S. B. Estresses hídrico e salino na germinação de sementes de Zizyphus joazeiro Mart. (Rhamnaceae). Revista Caatinga, Mossoró, v. 22, n. 4, p. 93-99, 2009.

MACHADO, J.C. et al. Controle da germinação de sementes de soja em testes de sanidade pelo uso da restrição hídrica. Revista Brasileira de Sementes, vol. 25, nº 2, p.77-81, 2003.

NOBRE-JÚNIOR, H.V.; OLIVEIRA, R.A.; MAIA, F.D.; NOGUEIRA, M.A.S.; MORAES, M.O.; BANDEIRA, M.A.M.; ANDRADE, G.M. & VIANA, G.S.B. Neuroprotective effects of chalcones from Myracrodruon urundeuva on 6-hydroxydopamineinduced cytotoxicity in rat mesencephalic cells. Neurochemical Research 34, 2009.

RIBEIRO M.C.C.; MARQUES, B.M.; AMARRO FILHO, J. Efeito da salinidade na germinação de sementes de quatro cultivares de girassol (Helianthus annuus L.). Revista Brasileira de Sementes, 23: 281-284. 2001.

ROSA, L. S. da; FELIPPI, M.; NOGUEIRA, A. C.; GROSSI, F. Avaliação da germinação sob diferentes potenciais osmóticos e caracterização morfológica da semente e plântula de Ateleia glazioviana BAILL(TIMBÓ). Cerne, Lavras, v. 11, n. 3, p. 306-314, jul./set. 2005.

SALISBURY, F. B.; ROSS, C. W. Plant Physiology. 4 ed. Belmonte: Wadsworth. 1992. 682p.

SANTOS A. F.; MEDEIROS A. C. S.; SANTANA D. L. Fungos associados a espécies arbóreas da Mata Atlântica. Boletim de Pesquisa Florestal, Colombo, n. 42, p. 57-70, 2001.

SCALON, S.P.Q.; MOTA, L.H.S., MUSSURY, R.M. Osmotic conditioning and shading on the germination and on the initial growth of Myracrodruon urundeuva Allemão seedlings. An. Acad. Bras. Ciênc. [online]. 2013, vol.85, n.2, pp.799-812. Epub May 17, 2013.

SECCO, L. B. et al. Germinação de sementes de melão (Cucumis melo L.) em condições de estresse salino. Revista Verde de Agroecologia e Desenvolvimento Sustentável, Mossoró, v. 4, n. 4, p. 129-135, 2010.

VIANA, V. M. et al. Manejo de la regeneración natural de especies arbóreas nativas para la formación de sistemas silvopastoriles en las zonas de bosques secos del sureste de Brasil. Agroforesteria en las Americas, v. 9 n. 33-34, 2002.

VIRGENS, I.O. et al. Comportamento fisiológico de sementes de Myracrodruon urundeuva Fr. All. (Anacardiaceae) submetidas a fatores abióticos. Ciência Florestal, Santa Maria, v.22, n.4, p.681-692, 2012.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n7-564

Refbacks

  • There are currently no refbacks.