Seroma cervical como sequela do trauma cérvico-facial penetrante / Cervical seroma as a sequel of penetrating cervic-facial trauma

Rosa Rayanne Lins de Souza, Priscilla Sarmento Pinto, Ruan de Sousa Viana, Carolina Pereira da Silva, Andreza Veruska Lira Correia

Abstract


O seroma é um acúmulo de líquido embaixo da pele, comumente próximo a uma cicatriz cirúrgica - principalmente em áreas de grande concetração de tecido adiposo -, originado de uma reação inflamatória causada pelo próprio sistema imunológico do paciente. A região cervical se destaca por sua alta complexidade e traumatismos nessa região são de elevada morbidade, conferindo grande relevância no atendimento nos serviços de emergência.  O grupo de maior risco são homens adultos jovens, refletindo a maior exposição a situações de violência. Este artigo objetiva expor a ocorrência de um caso de seroma cervical após trauma penetrante por arma de fogo.


Keywords


Lesões do Pescoço, Seroma, Traumatismos Faciais.

References


Cassimiro AD, Maciente BA, Júnior DJC, Moreira DRM, Almeida EG, Couto e Silva GC, et. al. Abordagem do trauma cervical penetrante na zona II. Rev Med Minas Gerais 2010; 20:48-50

Pingel K, Kademani D. Tratamento do Trauma Torácico Não Penetrante. In: Fonseca, RJ. Trauma bucomaxilofacial. 4. ed. San Louis: Elsevier, 2015.

DiMartino M, Namis FX, Novo NF, Kimura AK, Ferreira LM. Seroma em lipoabdominoplastia e abdominoplastia: estudo ultrassonográfico comparativo. Rev. Bras. Cir. Plást. 2010; 25: 679-87.

Grazer FM, Goldwyn RM. Abdominoplasry assessed by survey, with emphasis on complications. Plast Reconstr Surg. 1977; 59: 513-17.

Mudge M, Hughes LE. Incisional hernia: a 10-year prospective study of incidence and attitudes. Br J Surg. 1985;72: 70-1.

Hafezi F, Nouhi A. Safe abdominoplasty with extensive liposuctioning. Ann Plast Surg. 2006;57:149-153.

van Bastelaar J, Granzier R, van Roozendaal L M, van Kuijk S M J, Lerut A V, Beets G, et al. Analysis of TNF-α and interleukin-6 in seroma of patients undergoing mastectomy with or without flap fixation: is there a predictive value for seroma formation and its sequelae?. Surg Oncol. 2019;28:36‐41.

Azevedo LP, Ribeiro LC, Teixeira LRM, Barbosa LBS, Guimarães MCC, DO Carmo RC, et al. Manejo do trauma de coluna cervical em pacientes politraumatizados. Rev Med Minas Gerais. 2009; 19: 130-5.

Meeske K A, Sullivan-Halley J, Smith A W, McTiernan A, Baumgartner K B, Harlan L C, Bernstein L. Risk factors for arm lymphedema following breast cancer diagnosis in Black women and White women. Breast Cancer Res Treat. 2009;113:383‐391.

Cammarota MC, Júnior IR, De Lima RQ, De Almeida CM, De Moura LG, Daher LMC, et al. Estudo do uso de pontos de adesão para minimizar a formação de seroma após mastectomia com reconstrução imediata. Rev. Bras. Cir. Plást. 2016;31:158-165.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n7-398

Refbacks

  • There are currently no refbacks.