HQs: histórias em quadrinhos como ferramenta de leitura e escrita dos problemas vivenciados / Comics: stories in comics as a reading and writing tool of the problems experienced

Ednalva da Silva Santos, Maria Joselania dos Santos Gomes, Antônio Maxuel Lima da Silva, Maria Eudair de Oliveira Silva, Karolina Felizardo dos Santos, Antonia Patrícia do Carmo Trajano, Luiz Marivando Barros, Vanda Lucia Roseno Batista

Abstract


A literatura em quadrinhos tem ganhado espaço nas salas de aula por ser um gênero conhecido e simpatizante pelos alunos, torna-se mais fácil e viável utilizar as HQs como instrumento didático pedagógico; o uso de HQs nesta metodologia de ensino que permitiu maior aproximação entre alunos e problemas socioambientais vivenciados na comunidade que decorrem de ações humanas, despertando neles maior consciência ambiental quanto à suas ações, contribuindo na sua aprendizagem e na sua postura enquanto ser social. A presente pesquisa foi realizada na EEMTI -Escola de Ensino Médio Tempo Integral Wilson Gonçalves, localizada na cidade do Crato, sendo aplicada em duas turmas (2018.2 e 2019.1), tendo como público alunos do 1º, 2º e 3º ano. Para a realização, foi utilizado a metodologia exploratória, onde o aluno é objeto de estudo e também participante ativo de todo processo. A oficina foi proposta, aplicada e analisada por bolsistas do Programa Institucional de Iniciação à Docência – PIBID, os discentes conseguiram compreender a proposta de moda a superar as expectativas, ao analisar as questões com criticidade e propor soluções sustentáveis. A pesquisa com o uso de HQs além de ter estimulado a leitura e a escrita dos alunos envolvidos, superou ainda o desafio da escola nos tempos atuais das tecnologias e da imagem. Ficando evidente que é possível encontrar caminhos atrativos para melhorar o processo ensino aprendizagem.


Keywords


Histórias em Quadrinhos, Metodologia alternativa, Problemas Socioambientais, Ensino-aprendizagem.

References


AMORIM, A. C. R. O que foge do olhar das reformas curriculares: nas aulas de Biologia, o professor como escritor das relações entre ciência, tecnologia e sociedade. Ciência & Educação, Bauru, v. 7 (1), p.47-65, 2001.

AUSUBEL, D. P.; NOVAK J. D.; HANESIAN, H. Psicologia Educacional. Tradução para o português de Eva Nick et al., da segunda edição de Education Psychology: a cognitive view. Rio de Janeiro: Interamericana, 1980.

BORDA, O.F. Aspectos teóricos da pesquisa participante. In Pesquisa Participante. C. R. Brandão (Ed.), São Paulo: Brasiliense, 1999, pp. 42-62.

BRANDÃO, C. R. (Org.). Repensando a pesquisa participante. São Paulo: Brasiliense, 1985.

BRASIL. Ministério de Educação e Cultura – MEC. Parâmetros Curriculares Nacionais:

CALDAS, G. O valor do conhecimento e da Divulgação Científica para a construção da cidadania. Comunicação & Sociedade. INSS impresso: 01012657, ano 33, n. 56, p 7-28, jul/dez 2011.

CALDAS, G. O valor do conhecimento e a Divulgação Científica: a necessária parceria. Jardim Botânico – material didático slides CG-1, 2015.

Introdução. Brasília: Secretaria de Educação Fundamental, 1997.

______. Ministério de Educação e Cultura – MEC. Parâmetros Curriculares Nacionais : Ensino Médio. Brasília: Secretaria de Educação Média e Tecnológica, 1999.

CAMPANINI, B. D. Análise da contribuição das histórias em quadrinhos na problematização de questões ambientais no ensino fundamental, 2016. 132f. Dissertação (Mestrado em Ciência, Tecnologia e Educação) – Programa de Pós-Graduação em Ciência, Tecnologia e Educação, Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca – CEFET, RJ, 2016.

CARUSO, F.; SILVEIRA, C. Quadrinhos para a cidadania. História, Ciências, Saúde – Manguinhos, v. 16, n. 1, p.217-236, jan-mar, 2009.

FRANÇA-CARVALHO, A. D.; MARTINS, C. H. R.; CONDE, E. P.; MONTEIRO, H. R. de S. (org.) Estratégias de ensino: propostas multidisciplinares de aprendizagens significativas. Teresina, EDUFPI, 2013.

FREIRE, P. Pedagogia da Autonomia: saberes necessários à prática educativa. 2 ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra; 1997.

LE BORTEF, G. Pesquisa participante: proposta e reflexões metodológicas. In: Repensando a Pesquisa Participante (C. R. Brandão, org.), São Paulo: Brasiliense, p. 51-81, 1984.

LE BOTERF, G. Pesquisa participante: propostas e reflexões metodológicas. In: BRANDÃO, C. R. (Org.). Repensando a pesquisa participante. São Paulo: Brasiliense, 1999, p. 51-81.

LINSINGEN, L.V. Mangás e sua utilização pedagógica no Ensino de ciências sob a perspectiva CTS. Ciência & Ensino, v. 1, número especial, novembro de 2007.

LUYTEN, Sonia M. Bibe. História em quadrinhos: um recurso de aprendizagem. São Paulo: Ano XXI. Boletim 01. Abr., 2011.

MELLO, D. A.; ROUQUAYDROL, M. Z.; ARAÚJO, D.; AMADEI, M., SOUSA, J.; BENTO, L. F.; GONDIN, J.; NASCIMENTO, J. Promoção à saúde e educação: diagnóstico de saneamento através da pesquisa participante articulada à educação popular (Distrito São João dos Queiroz, Quixadá, Ceará, Brasil). Caderno de Saúde Pública, 14, 1998, p. 583-595.

OLIVEIRA, J. R. S.; QUEIROZ, S. L. Construção participativa do material didático “Comunicação e linguagem científica: guia para estudantes de Química”. Revista Electrónica de Enseñanza de las Ciencias, vol. 6, n. 3, 2007, p. 673-690.

PEREIRA, J. P; SILVA, L. S; RODRIGUES, J. M. C; SANTOS. W. S; SILVA, J. F. D; SILVEIRA, G. E; EIDELWEIN, T; EIDELWEIN, M. P. Braz. J. of Develop., Curitiba, v. 6, n. 3,p.16257-16266 mar. 2020. ISSN 2525-8761

PEREIRA, E. G. C. Educação Ambiental na escola: Ações Pedagógicas no contexto Lixo-Água-Saúde. 2008. 145f. Dissertação (Mestrado em Ensino em Biociências e Saúde) – Programa de Pós-Graduação em Ensino em Biociências e Saúde, Instituto Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro.

PEREIRA, E. G. C; FONTOURA, H. A. da. Oficinas de Histórias em Quadrinhos como recurso de avaliação. Latin American Journal in Science Education. A publication sponsored by the Latin American Science Education Research Association. No prelo a.

PEREIRA, E. G. C; FONTOURA, H. A. Educação Ambiental (EA) na perspectiva do ensino de Ciências. Revista Interacções, No prelo b.

PEREIRA, E. G. C.; SANTOS, T. C. dos. O uso de Oficinas de Histórias em Quadrinhos como instrumento de avaliação no ensino de Ciências. In: SIMPÓSIO EM ENSINO DE CIÊNCIAS E MEIO AMBIENTE DO RIO DE JANEIRO, 1, 2009, Volta Redonda. Anais do I Simpósio em Ensino de Ciências e Meio Ambiente do Rio de Janeiro. Volta Redonda, 2009, p. 75.

PIZARRO, M.V.; JUNIOR, J.L. A história em quadrinhos como recurso didático no ensino de indicadores da alfabetização Científica nas séries iniciais. In: Encontro Nacional Pesquisa em Ensino de Ciências, 7, 2009, Atas VII ENPEC, Florianópolis, SC, novembro de 2009.

PRAIA, J.; PÉREZ, G. D.; VILCHES, A. O papel da natureza da ciência na educação para a cidadania. 2007. Disponível em:

RAMA, A.; VERGUEIRO, W. org.; BARBOSA, A.; RAMOS, P.; VILELA, T. Como usar as histórias em quadrinhos na sala de aula. São Paulo: Contexto; 2004.

SANTO, C. E.; FREIRE, I. M. “Quissamã somos nós!”: construção participativa de hipertexto. Ciência da Informação, v.33, n.1, 2004, p. 155-168.

SANTOS, T. C.; PEREIRA, E. G. C.; Histórias em quadrinhos como recurso pedagógico. Revista práxis | ano V | nº 9 | Junho de 2013

SANTOS, T. C.; PEREIRA, E. G. C. Oficinas de Histórias em Quadrinhos como recurso pedagógico no ensino de Ciências. In: CONGRESO INTERNACIONAL SOBRE INVESTIGACIÓN EN DIDÁCTICA DE LAS CIENCIAS, 9, 2013, set. 9-12, Burgos, Espanha. Trabalho aceito.

SILVA, K. S. As Histórias em Quadrinhos como fator didático-pedagógico: alguns aspectos da sua produção acadêmica entre 1990 e 2002. In: CONGRESSO NACIONAL DE EDUCAÇÃO – EDUCERE, 10, 2011, Curitiba. Anais do X Congresso Nacional de Educação – EDUCERE. Curitiba, 2011, p. 16415-16424.

VYGOTSKY, L.S. A formação social da mente. São Paulo: Martins Fontes; 1988.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n7-329

Refbacks

  • There are currently no refbacks.