Educação inclusiva: refletindo sobre a relação escola-família/Inclusive education: reflecting on the school-family relationship

Paloma Roberta Euzebio Rodrigues, Claudia Gomes

Abstract


O texto aqui apresentado se caracteriza como um recorte de uma pesquisa de Mestrado em Educação cuja temática é “educação inclusiva”. O objetivo inicial desta investigação foi compreender os desafios e limites da relação escola-família na perspectiva da educação inclusiva. Foram convidadas para esta investigação 10 professoras de uma instituição de educação infantil pública regular localiza numa cidade do sul de Minas Gerais. Para a investigação foi empregada a abordagem qualitativa do tipo interventiva. Como recursos para a construção das informações foram utilizados dois instrumentos de coleta de dados: o questionário de caracterização e a dinâmica de grupo de discussão. Os dois instrumentos excitaram questionamentos diretivos quanto aos desafios e limites da relação escola-família. As informações foram analisadas qualitativamente a partir de dois indicadores de análise contemplados pelo núcleo de significação denominado “Da Representação à Constituição da Educação Infantil”. Ao concluir a investigação, pôde-se evidenciar que os desafios e as limitações da relação escola-família parecem ter como base o desconhecimento das funções do profissional da educação infantil por parte da família, bem como da concepção limitante de família advindas das professoras e de suas dificuldades em estabelecer relação com os pais/responsáveis das crianças. Esses percalços evidenciam o necessário debate sobre a formação docente, inicial e continuada, que abarque a relação com a diversidade de famílias que frequentam as instituições de ensino regular, dando condições de os profissionais da educação infantil elaborarem estratégias eficazes que envolvam a família na escolarização das crianças rumo à efetivação de uma educação cada vez mais democrática.


Keywords


Educação Inclusiva, Educação Infantil, Família, Formação Docente.

References


AGUIAR, Wanda; OZELLA, Sergio. Núcleos de significação como instrumento para a apreensão da constituição dos sentidos. Revista Psicologia: ciência e profissão. v. 26, n. 2, Brasília, jun., 2013. ISSN 1414-9893.

BAPTISTA, Marisa Todescan Dias da Silva; NOGUCHI, Natália Felix de Carvalho; CALIL, Simone Dalla Barba Walckoff. A Pesquisa Interventiva na Psicologia: Análise de Três Experiências. Psicologia para América Latina, 2006.

BRASIL. Referencial Curricular Nacional para a Educação Infantil - RCNEI. Vol. 1; 1998.

FACION, José Raimundo. Inclusão Escolar e suas Implicações. Curitiba: editora IBPEX. 2005.

FIGUEIRA, Emílio. O que é educação inclusiva. São Paulo: Editora Brasiliense, 2011. (Coleção Primeiros Passos).

GATTI, Bernadete. Formação Continuada de Professores: A Questão Psicossocial. Cadernos de Pesquisa, n. 119, p. 191-204, julho/ 2003.

GIUNTA, Elaine; LINHARES, Clarice Schneider. A Democratização da Escola através da Participação Efetiva da Comunidade Escolar. PDE - Programa de Formação Continuada do Estado do Paraná, 2009.

GOMES, Candido Alberto Pacheco. A Escola de Qualidade para Todos: Abrindo as Camadas da Cebola. Ensaio: aval. pol. públ. Educ., Rio de Janeiro, v.13, n.48, p. 281-306, jul./set. 2005.

HOLANDA, Adriano. Questões sobre pesquisa qualitativa e pesquisa fenomenológica. Aná. Psicológica [online]. 2006, vol.24, n.3, pp. 363-372. ISSN 0870-8231.

KASSAR, Mônica de Carvalho Magalhães. Integração/Inclusão: desafios e contradições. In: BAPTISTA, Claudio Roberto; BEYER, Hugo Otto et al. (org). Inclusão e escolarização: múltiplas perspectivas. Porto Alegre: Mediação, 2006, p. 119–126.

LIBÂNEO, José Carlos. A Escola Brasileira em Face de um Dualismo Perverso: Escola do Conhecimento para os Ricos, Escola do Acolhimento Social para os Pobres. X Encontro de Pesquisa em Educação da Anped-Centro Oeste; jul., 2010.

LOPES, Claudia Cristina Garcia Piffer; GUIMARÃES, Célia Maria. A Relação com as Famílias na Educação Infantil: Demanda de Formação dos Profissionais. 2004.

MANTOAN, Maria Teresa Eglér. Inclusão Escolar: o que é? por quê? como fazer? 2ª edição. São Paulo: Moderna, 2006.

MANTOAN, Maria Teresa Eglér; PRIETO, Rosângela Gavioli. Inclusão escolar: pontos e contrapontos. Valéria Amorim Arantes (org.). 4ª edição. São Paulo: Summus Editorial, 2006. (pontos e contrapontos)

MEIRA, Marisa Eugênia Melillo. Desenvolvimento e aprendizagem: reflexões sobre suas relações e implicações para a prática docente. Ciência e Educação, vol. 5 (2), 1998.

MOREIRA, Antônio Flávio Barbosa. A Formação de Professores e o Aluno das Camadas Populares: subsídios para debate. In: ALVES, Nilda (org.). Formação de Professores: pensar e fazer. 11ª edição. São Paulo: Cortez, Volume 30, 2011.

OLIVEIRA, Cynthia Bisinoto Evangelista de; MARINHO-ARAÚJO, Claisy Maria. A relação família-escola: intersecções e desafios. Estudos de Psicologia.Campinas.27(1).99-108. janeiro – março, 2010.

PATTO, M. H. S. Políticas atuais de inclusão escolar: reflexão a partir de um recorte conceitual. In: BUENO, J. G. S.; MENDES, G. M. L.; SANTOS, R. A. dos. Deficiência e escolarização: novas perspectivas de análise. Araraquara, SP: Junqueira & Marin; Brasília, DF: Capes, 2008. p. 25-42.

PEREIRA, Cleide Lucia; SANTOS, Marilane. Educação Inclusiva: Uma Breve Reflexão sobre Avanços no Brasil após a Declaração de Salamanca. Revista da Católica, Uberlândia, v. 1, n. 2, p. 265-274, 2009.

PETRONI, Ana Paula. Autonomia de Professores: Um Estudo da Perspectiva da Psicologia. PUC/Campinas. Dissertação de Mestrado, 2008.

RODRIGUES, Paloma Roberta Euzébio. Práticas Pedagógicas de Leitura e Escrita, no ensino da criança com Paralisia Cerebral. Monografia do curso de Pedagogia. Universidade Federal de Ouro Preto/UFOP. 2014. 63 p.

SANTOS, Cecília. O Grupo de Discussão e os Estudos Sociológicos em Contextos Escolares. 2008.

SILVA, Cirlene Maria da. Os Desafios da Educação Inclusiva e a Escola Hoje. Anuário de produções acadêmico-científicas dos discentes da faculdade Araguaia. v. 3, 2015, p. 133-146.

SILVA, Maria Odete Emygdio da. Da Exclusão à Inclusão: concepções e práticas. Revista Lusófona de Educação, 2009,13, 135-153.

ZANELLA, Andrea; et al. Participação dos Pais na Escola: Diferentes Expectativas. In: ______. Psicologia e Práticas Sociais. Rio de Janeiro: Centro Edelstein de Pesquisas Sociais, 2008. p. 132-141.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n7-323

Refbacks

  • There are currently no refbacks.