Um breve estudo dos efeitos da reforma trabalhista no movimento sindical da construção civil em Fortaleza/CE / A brief study of the effects of labor reform on the civil construction union movement in Fortaleza/CE

Paulo Torres Júnior, Silvio Roberto Dias da Silva, Deliane Amaro Duarte

Abstract


The present study aims to analyze the impact of Labor Reform on the civil construction union movement in Fortaleza-CE and its repercussions for workers. As a methodology, qualitative and quantitative analysis was adopted, given the need for a more adequate interpretation for examining the problem. Its purpose is to give an overview of the current situation of the civil construction union in Fortaleza-CE, based on the impacts suffered with the new legal text. As a result, there is the identification of the main conflicts observed in the sector, as well as the strategies adopted for the continuity of its institutional functions.


Keywords


Labor Reform, Civil Construction Union, Labor conflicts

References


ANDRADE, L. G.; PALVELSKI, A. P. Reflexos da reforma trabalhista na contribuição sindical: tributo que persiste com caráter obrigatório. Curitiba: 2017. Disponível em: https://juslaboris.tst.jus.br/bitstream/handle/20.500.12178/122550/2017_andrade_luiz_reflexo s_reforma.pdf?sequence=1&isAllowed=y. Acesso em 25/08/18.

BRASIL. Decreto Lei nº 5.452 de 1º de maio de 1943. Consolidação das leis do Trabalho. Disponível em : http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Decreto-Lei/Del5452.htm. Acesso em 26/08/18.

BRASIL. Lei nº 13.467 de 13 de julho de 2017. Altera a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), aprovada pelo Decreto-Lei no 5.452, de 1o de maio de 1943, e as Leis nos 6.019, de 3 de janeiro de 1974, 8.036, de 11 de maio de 1990, e 8.212, de 24 de julho de 1991, a fim de adequar a legislação às novas relações de trabalho. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2015-2018/2017/lei/L13467.htm. Acesso em 26/08/18.

CERVO, A. L.; BERVIAN, P. A (1999). Metodologia Científica. 4. ed. São Paulo: Makron Books.

DANTAS JÚNIOR, A. R. Fim da contribuição sindical obrigatória: consequências para as entidades sindicais e categorias representadas = The end of syndicates obliged contribution : consequences for trade unions entities and represented categories. Revista do Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região, Belo Horizonte, MG, n. especial, p. 271-287, nov. 2017.

DUARTE, E.N; RAMALHO, F. A.; AUTRAN, M. M. M.; PAIVA, E. B.; ARAÚJO, M. B. S. Estratégias Metodológicas Adotadas nas Pesquisas de Iniciação Científica Premiadas na UFPB. Rev. Eletr. Bibliotecon. Ci. Inf., ISSN 1518- 2924, Florianópolis, v. 14, n. 27, p.170-190.

GIL, A. C. Métodos e Técnicas de Pesquisa Social. 4. ed. São Paulo: Atlas, 1999.

MARTELOZZO, M. Com nova lei trabalhista, contribuição sindical será opcional: entenda o que muda. G1. Site de Notícia Globo. com, Caderno Economia. Disponível em http://g1.globo.com/economia/noticia/contribuicaosindical-sera-opcional-na-nova-lei- trabalhistaentenda-o-que-mudou.ghtml. Acesso em 22/08/18.

MINAYO, M. C. (2000). Pesquisa social: teoria, método e criatividade. 17. ed. Petrópolis: Vozes.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n7-298

Refbacks

  • There are currently no refbacks.