Marketing verde: uma perspectiva bibliométrica da produção brasileira / Green marketing: a bibliometric perspective of Brazilian production

Ilton Belchior Cruvinel, Gabriel Fernando Pereira de Sousa, Eder Luz Xavier dos Santos, Rassan Solarevisky de Jesus, Paula Roberta de Castro, André Chagas de Sousa, Flávio do Carmo Almeida, Joelmir Divino Carlos Feliciano

Abstract


O presente estudo tem como objetivo examinar a produção acadêmica nacional de sobre marketing verde, mensurar o perfil e a produtividade dos pesquisadores e dos fatores associados a produção, identificar os dados dos estudos levantados quando ao gênero, ano, titulação, instituição e estado. O teor metodológico foi exploratório, com a utilização da bibliometria. Para critérios de inclusão buscou-se as produções nacionais. Para os critérios de exclusão, foram desprezados os termos “marketing” e “verde”, quando estes eram encontrados separadamente do título e das palavras-chave e separadamente. A base de dados foram os portais da Scielo, Periódico da Capes e Google Scholar. Foi utilizado o software SPSS, versão 22 para a análise dos dados, e Microsoft Word 2016. Foram selecionados 45 artigos. O recorte cronológico foi de dezembro de 2005 a dezembro de 2019. Verificou-se um aumento do interesse no marketing verde com o passar dos anos. O ano que mais publicou foi 2017. Predominou-se o Qualis B4. A Instituição de ensino com a maior ocorrência na formação do primeiro autor dos artigos foi a Universidade de São Paulo. Os artigos são escritos, em sua maioria por 3, 4 autores. As palavras mais utilizadas nos artigos são “produto” e “verde”. Autores internacionais são mais citados que autores nacionais.


Keywords


Marketing Verde, Bibliometria, Produção Acadêmica

References


ARAÚJO, C. A. Bibliometria: evolução histórica e questões atuais. Em Questão. Porto Alegre, v. 12, n. 1, p. 11-32, jan./jun. 2006.

BAGNALL, M. T. S. Casos de ensino: Uma análise bibliométrica das publicações do ENANPAD de 2013 a 2017. 2018. 34 f. Monografia (Especialização) - Curso de Ciências Contábeis, Faculdade de Ciências Contábeis, Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2018.

BARATA, R. C. B. Dez coisas que você deveria saber sobre o Qualis. RBPG, Revista Brasileira de Pós-Graduação, v. 13, n. 30, p. 13-40, 2016.

BRADFORD, S. C. Sources of information on specific subjects. Engineering, v. 137, p. 85-86, 1934.

BUOGO, F. P.; ZILLI, J. C.; VIEIRA, A. C. P. Marketing verde como diferencial competitivo: Um estudo em uma indústria química do Sul de Santa Catarina. Revista Eletrônica Científica do CRA-PR-RECC, v. 2, n. 2, p. 60-73, 2016.

CAPES. Plataforma Sucupira. Disponível em: , 2014a. Acesso em 5 maio 2019.

CAPES. História e Missão. Disponível em: , 2014b. Acesso em 21 outubro 2019.

DE BRITO, A. G. C.; QUONIAM, L.; MENA-CHALCO, J. P. Exploração da Plataforma Lattes por assunto: proposta de metodologia. Transinformação, v. 28, n. 1, p. 77-86, 2016.

DIAS, R. Gestão ambiental: responsabilidade social e sustentabilidade. São Paulo: Atlas, 2006.

FRANÇA, Isabela Kronemberger Mantelli et al. Marketing social e ambiental e sua relação com as certificações e selos socioambientais/Social and environmental marketing and its relation to social and environmental certifications. Brazilian Journal of Development, v. 5, n. 8, p. 12724-12773, 2019.

GORE, A. Earth in the balance: ecology and the human spirit. New York: Rodale, 1993.

GOULART, S.; CARVALHO, C. A. O caráter da internacionalização da produção científica e sua acessibilidade restrita. RAC-Revista de Administração Contemporânea, v. 12, n. 3, p. 835-853, 2008.

HYMAN, M. R.; YANG, Z. International marketing serials: a retrospective. International Marketing Review, v. 18, n. 6, p. 667-718, 2001.

JÚNIOR, N. S. M.; DE SOUSA, P. H. R.; DEMO, G. Análise do composto de marketing em empresas de turismo: um estudo bibliométrico. Revista Turismo-Visão e Ação, v. 20, n. 2, p. 324, 2018.

KASILINGAM, R. Opportunities and Challenges in Green Marketing. Studies in Indian Place Names, v. 40, n. 3, p. 3412-3415, 2020.

KOTLER, P.; ARMSTRONG, G. Princípios de Marketing. 15 ed. São Paulo: Pearson Education do Brasil, 2015.

LAKATOS, E. M.; MARCONI, M. A. Fundamentos de metodologia científica. 8. ed. São Paulo: Atlas, 2017.

LIMA, T. C. S.; MIOTO, R. C. T. Procedimentos metodológicos na construção do conhecimento científico: a pesquisa bibliográfica. Revista Katálysis, v. 10, n. 1, p. 37-45, 2007.

LOTKA, A. J. The frequency distribution of scientific productivity. Journal of the Washington academy of sciences, v. 16, n. 12, p. 317-323, 1926.

MACCARI, E. A. et al. Sistema de avaliação da pós-graduação da Capes: pesquisa-ação em um programa de pós-graduação em Administração. Revista Brasileira de Pós-Graduação, v. 5, n. 9, 2008.

MARIANO, A. Me.; ROCHA, M. S. Revisão da Literatura: Apresentação de uma Abordagem Integradora. In: XXVI Congreso Internacional de la Academia Europea de Dirección y Economía de la Empresa (AEDEM). Anais [...], Reggio Calabria. 2017.

POLONSKY, M. J. An introduction to green marketing. Electronic Green Journal. v. 1, n. 2, nov, 1994.

PRITCHARD, A. et al. Statistical bibliography or bibliometric. Journal of documentation, v. 25, n. 4, p. 348-349, 1969.

RAVICHANDRA RAO, I. K. Métodos quantitativos em biblioteconomia e ciência da informação. Brasília: ABDF, 1986. 272 p.

REVISTA PESQUISA FAPESP. Titulação de Doutorado no Brasil. São Paulo: Pesquisa Fapesp, v. 277, mar. 2019. Disponível em: . Acesso em: 27 out. 2019.

RIBEIRO, H. C. M.; CORRÊA, R.; DE SOUZA, M. T. S. Marketing verde: uma análise bibliométrica e sociométrica dos últimos 20 anos. Revista Gestão & Sustentabilidade Ambiental, v. 3, n. 2, p. 87-112, 2014.

ROSSI, C. A. V.; BORTOLI, L. V.; CASTILHOS, R. B. Análise bibliométrica da contribuição de marketing para outras ciências. Revista de Ciências da Administração, p. 29-44, 2014.

SANTOS, R. N. M.; KOBASHI, N. Y. Bibliometria, cientometria, infometria: conceitos e aplicações. Pesq. bras. Ci. Inf, v. 2, n. 1, p. 155-172, 2009.

SCHARF, E. R; SCHWINGEL, A. T.; FRANZON, F. Um Estudo Bibliométrico Sobre A Produção Científica De Marketing: O Final Da Primeira Década Dos Anos 2000. Revista Visão: Gestão Organizacional, v. 2, n. 1, p. 5-26, 2013.

TORRENTE, M.; FREIRE, O. B. L. Uma análise bibliométrica da produção científica internacional sobre marketing verde. In: SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE GESTÃO DE PROJETOS, INOVAÇÃO E SUSTENTABILIDADE, 394., 2018, São Paulo. Anais do VI SINGEP [...]. São Paulo: 2018. Tema: Estratégia e Marketing, p. 01-16. Disponível em: < https://singep.org.br/7singep/resultado/394.pdf >. Acesso em: 27 out. 2019.

TROCCOLI, I. R. et al. Comportamento do consumidor: Um estudo bibliométrico nos Enanpads 2007-09. Revista Organizações em Contexto, v. 7, n. 14, p. 165-189, 2011.

VIEIRA, F. G. D. Narciso sem espelho: a publicação brasileira de marketing. Revista de Administração de Empresas – RAE, São Paulo, v. 43, n. 1, p. 81-90, 2003.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n7-246

Refbacks

  • There are currently no refbacks.