Romance histórico: do clássico ao contemporâneo/Historical romance: from classic to contemporary

Marta Roque Branco

Abstract


Este artigo apresenta um quadro de algumas pesquisas sobre o Romance Histórico, as origens desse subgênero, os traços principais que o caracterizavam enquanto forma clássica e suas modificações nos diferentes momentos e sociedades. O percurso de investigação se inicia com György Lukács (2011), passa por Fredric Jameson (2007), Linda Hutcheon (1991), e se encerra com algumas discussões atuais que trazem para o centro do debate as recorrências e transformações por que passou o romance histórico. Essas discussões estão presentes no livro Romance Histórico: recorrências e transformações (2000), que reúne textos resultantes de debates realizados em simpósios que contemplam o assunto.


Keywords


Romance Histórico tradicional, Novo Romance Histórico, Metaficção Historiográfica.

References


BAMGARTEN, Carlos Alexandre. O novo romance histórico. In: Via Atlântica, n. 4, out 2000.

BOECHAT, Maria Cecília Bruzzi et al. Romance histórico: recorrência e transformações. Belo Horizonte: FALE/UFMG, 2000.

HUTCHEON, Linda. Poética do pós-modernismo: história, teoria, ficção. Tradução: Ricardo Cruz. Rio de Janeiro: Imago Editora, 1991.

JAMESON, Frederic. O romance histórico ainda é possível? Tradução de Hugo Mader. Novos Estudos, São Paulo: CEBRAP, n. 77, mar. 2007.

LUKÁCS, György. O romance histórico. Tradução de Ruben Enderle. São Paulo: Boitempo, 2011.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n7-241

Refbacks

  • There are currently no refbacks.