Políticas públicas e saneamento básico na gestão municipal de Belém, Ananindeua e Castanhal-PA: Aplicação de um modelo de correlação no período entre 2010 a 2018 / The participation of public policies in the municipal management of Belém, Ananindeua and Castanhal-PA: Application of a correlation model in the period between 2010 to 2018

Educélio Gaspar Lisbôa, Mayra Herminia Simões Hamad Farias do Couto, Bruno Soeiro Vieira, Fabrini Quadros Borges

Abstract


O presente artigo buscou estudar o comportamento de uma das principais variáveis de Saneamento Básico, nos municípios de Belém, Ananindeua e Castanhal do estado do Pará como forma mostrar as eficácias e mazelas dos municípios com a questão do Saneamento evidenciado com as Política Públicas. Para tanto recorreu-se a uma análise quantitativa, utilizando o modelo de correlação de Pearson, e constatou-se que estes três principais municípios,  estão comprometidos com relação aos investimentos públicos para as variáveis estudadas (população, população sem acesso a agua, com acesso a agua, com coleta de esgoto e sem coleta de esgoto), e estes municípios em todas as variáveis  apresentaram correlações péssimas ou baixas, evidenciando assim que os investimentos são escassos quanto se trata de Saneamento Básico, constatando que o crescimento populacional no horizonte de tempo estudado não é acompanhado por ações eficazes,  no que tange a aplicação de Políticas Públicas, por parte das Gestões Municipais.


Keywords


Variáveis, Saneamento Básico, Políticas Públicas, Modelo de Correlação, Investimentos Públicos e Gestões Municipais.

References


AGUM, RR; MENEZES, Monique; RISCADO, Priscila. Políticas Públicas: Conceitos e Análise em Revisão. Agenda Política, v. 3, 2015.

AZEVEDO, Sérgio de. Políticas públicas: discutindo modelos e alguns problemas de implementação. In: SANTOS JÚNIOR, Orlando A. Dos (et. al.). Políticas públicas e gestão local: programa interdisciplinar de capacitação de conselheiros municipais. Rio de Janeiro: FASE, 2003.

BARROS, R. T. V. et al. Saneamento. Belo Horizonte: Escola de Engenharia da UFMG, 1995. (Manual de saneamento e proteção ambiental para os municípios – volume 2).

Composição Técnica e proposições. “Plano Municipal de Saneamento Básico de Abastecimento de Água e Esgotamento Sanitário do Município de Belém do Pará, 2014- volume 2). Disponível em www3.belem.pa.gov.br/www/wp.../PMSB-Belém-PA_Volume-I2.pd

HELLER, L.; CASTRO, J.E. Política pública de saneamento: apontamentos teórico-conceituais. Revista de Engenharia Sanitária e Ambiental. Rio de Janeiro, v. 12, n. 3, p. 284-295, 2007.

HELLER, L. Saneamento e saúde. Organização Panamericana de Saúde da Organização Mundial da Saúde. Representação do Brasil. Brasília, 1997.

INSTITUTO TRATA BRASIL SANEAMENTO NO MUNDO disponível em

Jornal, O Liberal, edição de 6 de maio de 2019.

KINGDON, J. Agendas, Alternatives and Public Policies . New York: Longman, 2003.

LINDBLOM, C. E. The Science of Mudding Though. Public Administration Review. 1959.

LOWI, T. J. Four Systems of Policy, Politics, and Choice. Public Administration Review, Vol. 32, No. 4., 1972.

NUNES, X. P.; ALMEIDA, J. R. G. S.; NUNES, X. P. Anemia ferropriva, enteroparasitoses e esgotamento sanitário. Petrolina-PE. Rev. Bra. Pesq. Saúde, 2014.

MARTINS, G. A.; DOMINGUES, O. Estatística Geral e Aplicada. 6. Ed. São Paulo: Editora Atlas, 2017.

TUDE, J. M. Conceitos Gerais de Políticas Públicas. (2009).

FREY, K. Governança urbana e participação pública. In: ENCONTRO ANUAL DA ANPAD, 28., 2004, Curitiba. Anais... Curitiba: Anpad, 2000.

GUIMARÃES, A. J. A.; CARVALHO, D. F. de; SILVA, L. D. B. da. Saneamento básico. Disponível em: Acesso em: 15 ago. 2007.

ROSEN, George. Uma história da Saúde Pública. São Paulo: Ed. Unesp, 1994

SWYNGEDOUW, E. (2004). Social Power and the Urbanization of Water. Flows of Power. London, Oxford University Press.

SCHULTZ, Duane P.; SCHULTZ, Sydney Ellen. Revista brasileira de geociências. 16. ed. São Paulo: Cultrix, 1992.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n7-189

Refbacks

  • There are currently no refbacks.