Auto-hemoterapia como tratamento de escabiose felina - relato de caso / Self-hemotherapy as a treatment of feline scabies - case report

Kerolay Carrijo Silva, Karolyne Almeida Souza, Karla Irigaray Nogueira Borges, Isis Assis Braga, Eric Mateus Nascimento de Paula, Lorraine Silveira Silva, Juliana Evangelista Bezerril

Abstract


As dermatoses figuram entre as maiores casuísticas em felinos dentre as quais destaca-se a sarna, chamada também de escabiose felina ou sarna notoédrica, causado pelo ácaro Notoedres cati. As sintomatologias clínicas são apresentados com maior frequência em face e pavilhão auricular, podem se difundir pelo corpo, prurido, alopecia, crostas, descamação de pele, eritema, e infecção secundária. O tratamento se baseia em amolecer as crostas, seguido de aplicação do acaricida, banhos com cal sulfurado, sulfito de selênio de 1% também são recomendados. Outros produtos também pode serem eficazes, tais quais: selamectina e a ivermectina, embora essas não sejam licenciadas para tratamento em felinos. Adicionalmente, existe a possibilidade de tratamento com auto-hemoterapia (AHT), a qual consite em retirada do sangue venoso e com a aplicação intramuscular. A AHT tem como objetivo estimular a defesa imunológica por ativação do sistema mononuclear fagocitário. Foi atendido em 2019 na Clínica Veterinária Help Vet, um felino com 6 meses, com sinais compatíveis com a escabiose, foram realizados exames e confirmou-se a enfermidade. Optou-se por realizar a AHT, foram realizados quatro sessões que obtiveram resultados positivos.


Keywords


Dermatose, Leucocitose, Notoedres cati.

References


ABRAHAMSOHN Paulo. FREITA Vanessa. Estruturas histológica da pele e histologia da pele. Disponível em: http://mol.icb.usp.br/index.php/15-4-pele/ acesso dia 04/06/2020

BAKÓ et al. Casuística de dermatopatias em pequenos animais atendidos na clínica escola de veterinária (cevet) da universidade estadual do centro oeste (unicentro). In: Anais da SIEPE - Semana de Integração Ensino, Pesquisa e Extensão, 2009, Paraná. Anais... Paraná: Unicentro, 2009, p. 4

CARAMALAC et al. Alternativas diagnósticas de escabiose felina. Arquivo Brasileiro Medicina Veterinária e Zootecnia, Belo Horizonte MG, n.5, p.1541-1544, v.71, 2019.

FARIA et al. Auto-hemoterapia em cães. Enciclopédia Biosfera. Centro Científico Conhecer , Goiânia GO, n.19, p.184, v.10, 2014.

FERNANDES, Rafael Martins; SOUZA, Suelen Leite; FERNANDES, Edilaine Sarlo. Uso da auto-hemoterapia em cão com demodicose. In: Núcleo Interdisciplinar de Pesquisa. Anais do Simpósio da Centro universitário de Desenvolvimento do Centro Oeste, 2017, Luziânia. Anais... Luziânia GO, UNIDESC, 2017, p. 14.

LIMA. Gabriela, S; ALVES. Rafael, M; NEVES, Maria, F. Sarna notoédrica: notoedres cati. Revista Científica Eletrônica de Medicina Veterinária. Garças SP, n. 12, Ano vii, 2009.

LOBO, Mariana. Brito. Dermatologia de pequenos animais. 2006. 55f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Goiás, Centro de Ciências Agrária. Campus Jataí, Jataí GO.

MAGALHÃES, Claudia da Silva. Auto-hemoterapia: revisão e aplicação experimental em cães. 2016. 69 f. Tese (Pós Graduação em Ciências Animal). Universidade Federal do Piauí. Teresina/Piauí.

MELO et al. Auto-hemoterapia no pré-operatório de cadelas e gatas submetidas a ovariosalpingohisterectomia. 2019. Universidade Federal de Piauí.

PAIS. Rosa Maria Miranda. Tricograma como método de estudo de alopécia em felinos. 2013. 101f. Dissertação (Mestre em Medicina Veterinária) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias. Faculdade de Medicina Veterinária. Lisboa.

QUESSADA et al. Auto-hemoterapia como adjuvante no tratamento de mastocitoma em cão: relato de caso. Revista Brasileira Cientifica Veterinária, Niterói RJ, n. 3/4, p. 108-110, v. 17, 2010.

ROCHA et al. Freqüência de ácaros em cães e gatos no município de mossoró, rio grande do norte. Acta Scientiae Veterinariae, n. 3, p. 263-26. v. 36, 2008.

RODRIGUES et al. Efeito da auto-hemoterapia sobre os parâmetros hematológico em cães. In: 38º Congresso Brasileiro da Anclivepa, Recife. Anais... Recife PE, 2017, p.1620.

SANTOS et al. Escabiose felina no gato errante – relato de caso. Brazilian Jornal of Development, Curitiba, v. 5, n. 12, p. 32269-32276. 2019.

SANTOS et al. Uso da auto-hemoterapia no tratamento da papilomatose oral canina. In: 7ª Mostra cientifica em ciências agrárias. Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia-Unesp. 2011. Botucatu. Anais...Botucatu/SP, 2011.

SILVA, Kerolay Carrijo. PAULA, Eric Matheus Nascimento. Auto-hemoterapia como técnica terapêutica alternativa na clínica de pequenos animais. In: IV Colóquio Estadual de Pesquisa Multidisiplinar. 2019, Mineiros. Anais... Mineiros GO. UNIFIMES, 2019, p. 6

SOUZA. Fábio. Borges. Auto hemoterapia como terapia auxiliar no tumor venereo transmissivel. 2009. 27 f. Monografia (Especialista em Clinica médica e cirurgia em pequenos animais). Universidade Católica de Brasília. Goiania GO.

TAYLOR, M. A. WALL, R. L. Parasitas de cães e gatos. In:______. Parasitologia veterinária. 4. ed. Rio de janeiro: Guanabara Koogan, 2017. Cap 12, p.652.

TREVISANIL et al,. Análise dos níveis de imunoglobulinas séricas e monócitos de pacientes em tratamento com auto-hemoterapia. Arquivo Ciência Saúde UNIPAR, Umuarama PR, n. 2, p, 101-107, v. 19, 2015.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n7-183

Refbacks

  • There are currently no refbacks.