Educação em saúde para crianças e adolescentes como sujeitos de direitos e prioridades nas políticas públicas: um relato de experiência / Health education for children and adolescents as subjects of rights and priorities in public policies: an experience report

Bruna Roberta Gonçalves, Sulaene da Silva Brito, Jamile Raiany da Silva Moraes, Dhuliane Andreza Souza Dias, Francilma Cabral dos Santos, Jamille da Costa Salvador, Michele Lobo Vieira

Abstract


 Desde o princípio, sabe-se que as crianças e adolescentes eram sujeitos desprovidos de direitos e prioridades, além disso eram considerados como desajustados na sociedade. No entanto para que houvesse mudança nesta realidade, notou-se a necessidade de incrementar políticas públicas voltadas a este público. Desta forma, em 1990 criou-se o Estatuto da criança e do adolescente (ECA), e mais tarde em 2007 o Programa Saúde na Escola (PSE), os quais contribuíram fortemente para dar subsídios e ampliação a eficácia e concretização de direitos e prioridades, tanto na saúde como educação de crianças e adolescentes. Por esta razão, este estudo teve por objetivo relatar a vivência de estudantes de enfermagem no desenvolvimento de atividades inerentes à área da saúde de crianças e adolescentes como sujeitos de direitos e prioridades nas políticas públicas, ao abordar a metodologia da problematização, por meio das etapas do arco de Charles Maguerez. Trata-se de um relato de experiência a partir da realização de ações educativas e do diagnóstico situacional da realidade, de crianças de 6 a 8 anos de uma unidade de Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) e adolescentes de 11 a 15 anos de uma escola de ensino fundamental, em um município no interior da Amazônia. A partir da ação educativa desenvolvida, ficou evidente a falta de conhecimento do público alvo relacionado aos seus direitos e deveres constante no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), o que reforça a importância do tema abordado e a intensificação das políticas públicas voltadas a crianças e adolescentes como sujeitos de direitos e prioridades.


Keywords


Políticas Públicas, ECA, Educação em Saúde.

References


BRASIL, Ministério da Saúde. Estatuto da Criança e do Adolescente. Estatuto da criança e do adolescente-Eca. Lei Federal Número 8.069 de 13 de Julho de 1990. Brasília: Senado Federal, p. 115, Versão Atualizada, 2017. Disponível em: https://www.chegadetrabalhoinfantil.org.br/wpcontent/uploads/2017/06/LivroECA_2017_v05_INTERNET.pdf. Acesso em: Abril de 2020.

_______, Ministério da Saúde e Ministério da Educação. Passo a Passo Programa Saúde na Escola - PSE. Tecendo Caminhos da Intersetorialidade, Brasília – DF, 2011. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/passo_a_passo_programa_saude_escola.pdf. Acesso em: Abril de 2020.

_______, Fundação Abrinq. Cenário da Infância e Adolescência no Brasil, 2019. Disponível em: https://www.fadc.org.br/sites/default/files/2019-05/cenario-brasil-2019.pdf. Acesso em: Abril de 2020.

BENEVIDES, J; DANIEL, R; BERWIG, S.E. Políticas Públicas e Estatuto da Criança e do Adolescente – Materialização dos Direitos das Crianças e Adolescentes. III Seminário Internacional de Ciências Sociais- Ciência Política de 18 a 22 de agosto, 2014.

BERBEL, N.A.N. A Problematização e a aprendizagem baseada em problemas: diferentes termos ou diferentes caminhos? Interface — Comunicação, Saúde, Educação, v.2, n.2, Botucatu, 1998. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/icse/v2n2/08.pdf. Acesso em: 23 de Março, 2020.

CARVALHO, F, F, B. A SAÚDE VAI À ESCOLA: A PROMOÇÃO DA SAÚDE EM PRÁTICAS PEDAGÓGICAS. Revista de Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, 2015.

GAVASSI, S, L. Os desafios da escola pública paranaense na perspectiva do professor PDE. Versão Online ISBN 978-85-8015-080-3; Cadernos PDE; vol. 1; Paraná, 2014.

GOMES, A. et al. REFLECTING ON HEALTH EDUCATION PRACTICE WITH ADOLESCENTS IN THE SCHOOL SPACE: AN EXTENSION REPORT. Revista Conexão UEPG. Ponta Grossa, volume 11 número3 - set./dez. 2015.

ORTH, M. R. B. CONFORTIN, A. Ações do ECA em escolas de Ensino fundamental. Perspectiva, Erechim. v.34, n.128, p. 23-38, 2010.

RIO DE JANEIRO. Secretaria Municipal de Saúde. Linha de Cuidado da Atenção Integral à Saúde do Adolescente. Rio de Janeiro, 2010. Disponível em: http://subpav.org/download/prot/CLCPE/S.adolescente/s.adolescente.pdf. Acesso em: Março de 2020.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n7-175

Refbacks

  • There are currently no refbacks.