Modelagem da dinâmica vegetacional da pastagem natural utilizando a abordagem de tipos funcionais de plantas / Modeling the vegetation dynamics of natural grasslands using the plant functional types approach

Carlos Eduardo Nogueira Martins, Fernando Luiz Ferreira de Quadros

Abstract


O objetivo deste trabalho foi modelar espacialmente a dinâmica vegetacional de uma pastagem natural submetida a diferentes distúrbios baseada em autômatos celulares utilizando a abordagem de tipos funcionais de plantas. A resolução temporal da simulação foi mensal quando a dimensão espacial considerada foi de 0,0625 m², caracterizando a escala reduzida. A escala ampla foi considerada quando a resolução temporal foi anual e a dimensão espacial foi de 306,25 m². Os fatores testados foram pastejo, queima e posição de relevo. O modelo constitui-se por uma matriz tridimensional, sendo a primeira caracterizada pela dimensão temporal e as outras duas dimensões espaciais planas, sendo cada célula um tipo funcional de planta, a qual se alterava a cada passo no tempo conforme a composição da própria célula e de oito células vizinhas. Nas comunidades pastejadas, a trajetória foi determinística no sentido da dominância dos tipos funcionais B e A. Nas comunidades excluídas do pastejo e sem queima, a tendência da trajetória foi no sentido do tipo funcional C. O modelo avaliado demonstrou ser eficiente na predição da dinâmica da vegetação da pastagem natural podendo ser utilizado para simular diferentes cenários. A limitação do modelo está na correta determinação do nível de distúrbio.

 

 


Keywords


autômatos celulares, diversidade, queima, pastejo, simulação.

References


AL HAJ KHALED, R.; DURU, M.; THEAU, J.P. et al. Variation in leaf traits through seasons and N-availability levels and its consequences for ranking grassland species. Journal of Vegetation Science, v.16, p.391-398, 2005.

BALZTER, H.; BRAUN, P.W.; KOHLER, W. Cellular automata models for vegetation dynamics. Ecological Modelling, n. 107, p. 113-125, 1998.

CARVALHO, P.C.F.; MORAES, A. Comportamento ingestivo de ruminantes: bases para o manejo sustentável do pasto. In: CECATO, U.; JOBIM, C. C. (Org.). Manejo Sustentável em Pastagem. Maringá-PR: UEM, 2005. v.1, p.1-20.

CASTILHOS, Z.M.S. Dinâmica vegetacional e tipos funcionais em áreas excluídas e pastejadas sob diferentes condições iniciais de adubação. Porto Alegre, RS, 2002. 114p. Tese (Doutorado em Zootecnia) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 2002.

CHENG, X.; AN, S.; CHEN, J. et al. Spatial relationships among species, above-ground biomass, N, and P in degraded grasslands in Ordos Plateau, northwestern China. Journal of Arid Environments, v.68, p.652-667, 2007.

CINGOLANI, A.M.; NOY-MEIR, I.; DÍAZ, S. Grazing effects on rangeland diversity: a synthesis of contemporary models. Ecological Applications, v.15, n.2, p.757-773, 2005.

COLASANTI, R.L.; HUNT, R.; WATRUD, L. A simple cellular automaton model for high-level vegetation dynamics. Ecological Modelling, v.203, p.363-374, 2007.

CRUZ, P.; DURU, M.; THÉROND, O. et al. Une nouvelle approche pour caracteriser les prairies naturelles et leur valeur d’usage. [A new approach to the characterization of natural grasslands and their use value]. Fourrages, v.172, p.335–354, 2002.

DÍAZ, S.; NOY-MEIR, I; CABIDO, M. Can grazing response of herbaceous plants be predicted from simple vegetative traits? Journal of Applied Ecology, v.38, p.497-508, 2001.

DURU, M.; TALLOWIN, J.; CRUZ, P. Functional diversity in low-input grassland farming systems: characterization, effect and management. Agronomy Research, v.3, n.2, 125-138, 2005.

GARAGORRY, F. Construção de uma tipologia funcional de gramíneas em pastagens naturais sob diferentes manejos. Santa Maria: UFSM, 2008. 176p. Dissertação (Mestrado em Zootecnia) – Universidade Federal de Santa Maria, 2008.

GRIME, J.P. Evidence for the existence of three primary strategies in plants and its relevance to ecological and evolutionary theory. The American Naturalist, v.111, n.982, p.1169-1194, 1977.

GRIST, E.P.M. The significance of spatio-temporal neighbourhood on plant competition for light and space. Ecological Modelling, v.121, p.63-78, 1999.

KAMINSKI, J.; RHEINHEIMER, D.S.; SANTOS, A.C. et al. Resposta de biótipos da grama forquilha à calagem e à frequência de corte. Ciência Rural, v.28, n.4, p.581-586, 1998.

LOAGUE, K.; GREEN, R.E. Statistical and graphical methods for evaluating solute transport models: overview and application. Journal of Contaminant Hydrology, v.7, p.51-73, 1991.

MACHADO, J.M. Morfogênese de gramíneas nativas sob níveis de adubação nitrogenada. Santa Maria: UFSM, 2010. 77p. Dissertação (Mestrado em Zootecnia) – Universidade Federal de Santa Maria, 2010.

McCUEN, R.H.; SNYDER, W.M. Hydrologic modeling: statistical methods and applications. Englewood Cliffs: Prentice Hall, 1986.

McGLINN, D.J.; PALMER, M.W. Modeling the sampling effect in the species-time-area relationship. Ecology, v.90, n.3, p.836-846, 2009.

MOUISSIE, A.; APOL, M.E.F.; HEIL, G.W. et al. Creation e preservation of vegetation patterns by grazing. Ecological Modelling, v.218, n.24, p.60-72, 2008.

MULLER, S.C.; OVERBECK, G.E.; PFADENHAUER, J. et al. Plant functional types of woody species related to fire disturbance in forest-grassland ecotones. Plant Ecology, v.189, n.1, p.1-14, 2007.

NAVARRO, T.; ALADOS, C.L.; CABEZUDO, B. Changes in plant functional types in response to goat and sheep grazing in two semi-arid shrublands of SE Spain. Journal of Arid Environments, v.64, n.2, p.298-322, 2006.

NOY-MEIR, I. Interactive effects of fire and grazing on structure and diversity of Mediterranean grasslands. Journal of Vegetation Science, v.6, n.5, p.701-710, 1995.

PAUSAS, J.G. The effect of landscape pattern on Mediterranean vegetation dynamics: A modelling approach using functional types. Journal of Vegetation Science, n.14, p.365-374, 2003.

PEDROSA, B.M. Ambiente Computacional para Modelagem Dinâmica Espacial. São José dos Campos, SP, 2003. 85p. Tese (Doutorado em Computação Aplicada) - INPE, 2003.

PEREIRA, A.R.; ANGELOCCI, L.R.; SENTELHAS, P.C. AGROMETEOROLOGIA: Fundamentos e Aplicações Práticas. Guaíba: Agropecuária, 2001. 478p.

PESSOA, A.C.S.; KAMINSKI, J.; RHEINHEIMER, D.S. Recuperação de fósforo de diferentes fontes por capim-pensacola colonizado por fungos micorrízicos arbusculares. Acta Scientiarum, v.22, n.4, p.979-984, 2000.

QUADROS, F.L.F.; PILLAR, V.D. Dinâmica vegetacional em pastagem natural submetidaa tratamentos de queima e pastejo. Ciência Rural, v.31, n.5, p.863-868, 2001.

R DEVELOPMENT CORE TEAM. R: A language and environment for statistical computing. R Foundation for Statistical Computing, Vienna, Austria. http://www.R-project.org . 2009.

RHEINHEIMER, D. S.; SANTOS, J.C.P.; KAMINSKI, J. et al. Crescimento de leguminosas forrageiras afetado pela adição de fósforo, calagem do solo e micorrizas, em condições de casa de vegetação. Ciência Rural, v.27, n.4, p.571-576, 1997.

RHEINHEIMER, D.S.; KAMINSKI, J. Resposta do capim pensacola à adubação fosfatada e à micorrização em solo com diferentes valores de pH. Revista Brasileira de Ciência do Solo, Campinas, v. 18, p. 201-205, 1994.

ROHDE, K. Cellular automata and ecology. Oikos, v.110, n.1, p.203-207, 2005.

ROSSI, G.E. Avaliação da dinâmica e da diversidade de uma pastagem natural submetida a diferentes distúrbios. Santa Maria: UFSM, 2009. 121p. Dissertação (Mestrado em Zootecnia) – Universidade Federal de Santa Maria, 2009.

SILVEIRA, V. Farmer Integrated Decision Model: integration between beef cattle and Rice production in Rio Grande do Sul, Brasil. Edinburgh: University of Edinburgh, 1999. 224p. Thesis (Philosophical Doctor in Resource Management) – University of Edinburgh, 1999.

SOSINSKI Jr., E.E. Modelos de simulação espacial de efeitos de pastejo em vegetação campestre. Porto Alegre: UFRGS, 2005. 125p. Tese (Doutorado em Ecologia) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 2005.

SOSINSKI Jr., E.E.; PILLAR, V.D. Respostas de tipos funcionais de plantas à intensidade de pastejo em vegetação campestre. Pesquisa Agropecuária Brasileira, v.39, n.1, p.1-9, 2004.

STRECK, N.A.; BURIOL, G.A.; HELDWEIN, A.B. et al. Associação da variabilidade da precipitação pluvial em Santa Maria com a Oscilação Decadal do Pacífico. Pesquisa Agropecuária Brasileira, v.44, n.12, p.1553-1561, 2009.

WESTOBY, M.; WALKER, B.; NOY-MEIR, I. Opportunistic management for rangelands not at equilibrium. Journal of Range Management., v.42, p.266-274, 1989.

WOLFRAM, S. Statistical mechanics of cellular automata. Reviews of Modern Physics. v.55, p.601-644, 1983.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n7-165

Refbacks

  • There are currently no refbacks.