A influência da liga acadêmica como ferramenta na formação em saúde: um relato de experiência / The influence of the academic league as a tool in health training: an experience report

Gabriel Vinícius Reis de Queiroz, Felipe Gomes Pereira, Maira Isabelle de Miranda Cardoso, Yuri Gomes da Silva, Antônio Henrique Pereira Azevedo, Roberta Lima Monte Santo, Jose Efrain de Medeiros Alcolumbre, Onayane dos Santos Oliveira

Abstract


Introdução: As Ligas Acadêmicas são entidades de grande abrangência, que proporcionam ao acadêmico maior contato com a sociedade e/ou comunidades. São protagonizadas por alunos e orientadas por professores que mediam o aprendizado e articulam a promoção de atividades pautadas em três pilares: ensino, pesquisa e extensão Objetivo: Descrever a experiência de criação e estruturação da Liga Acadêmica Multidisciplinar de Políticas em Saúde (LAMPS), assim como relatar o desenvolvimento das ações e atividades realizadas pela liga e apresentar a composição deste projeto desde a sua criação até os dias atuais. Metodologia: Trata-se de um estudo do tipo relato de experiência construído a partir da vivência dos membros da LAMPS quanto à trajetória da liga, as reuniões científicas e atividades realizadas no (s) ano (s) de 2018/2019 em uma instituição de ensino superior (IES) privada em Belém-PA. Resultados: A liga acadêmica supramencionada utiliza de metodologias ativas para o aprimoramento do processo ensino-aprendizagem, colocando em discussão as políticas públicas em saúde em diversos cenários histórico-políticos, a fim de contribuir na formação pessoal e profissional do ligante e acrescentar o conhecimento na área de estudo, pautados no ensino-serviço-comunidade, essenciais para obter resultados que instiguem o pensamento e à prática social em torno destas questões. Conclusão: A experiência na LAMPS proporcionou o fortalecimento das competências e habilidades de seus integrantes, os transformando em acadêmicos mais críticos e reflexivos quanto as políticas públicas e de saúde, contribuindo para a formação qualificada dos futuros profissionais de saúde.


Keywords


Ligas Acadêmicas; Políticas em Saúde; Educação.

References


BOLLELA, V. R.; et al. Aprendizagem baseada em equipes: da teoria à prática. Rev. Medicina (Ribeirão Preto); 47(3): 293-300, 2014.

BORDENAVE, J. D.; PEREIRA, A. M. Estratégias de ensino-aprendizagem. 33. ed. Petrópolis (RJ): Vozes, 2017. 2ª reimpressão.

BOROCHOVICIUS, E.; TORTELLA, J. C. B. Aprendizagem baseada em problemas: um método de ensino-aprendizagem e suas práticas educativas. Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, Rio de Janeiro, v. 22, n. 83, p. 263-294, abr./jun. 2014 .

CAVALCANTE, A. S. P.; et al. As ligas acadêmicas na área da saúde: lacunas do conhecimento na produção científica brasileira. Rev. Bras Educação Médica; 42(1): 197-204, 2018.

COSTA, B. E. P. et al. Reflexões sobre a importância do currículo informal do estudante de medicina. Revista Scientia Medica, Porto Alegre, v. 22, n. 3, p. 162-168, jul./set. 2012.

FERNANDES, P. M. P.; MARIANI, A. W. O ensino médico além da graduação: ligas acadêmicas. Rev. Diagn Tratamento, 16(2): 50-1, 2011.

HAMAMOTO FILHO, P. T. et al. Normatização da abertura de ligas acadêmicas: a experiência da Faculdade de Medicina de Botucatu. Revista Brasileira de Educação Médica, Rio de Janeiro, v. 34, n. 1, p. 160-167, jan./mar. 2010.

KELLER-FRANCO, E. et al. Inovação Curricular na Formação dos Profissionais da Saúde. Rev e-curriculum 8(2)1-14. 2012.

QUEIROZ, S. J.; et al. A importância das ligas acadêmicas na formação profissional e promoção de saúde. Fragmentos de cultura; Goiânia, v. 24, p. 73-78, dez; 2014.

SILVA, A. J. C.; CRUZ, S. R. M.; SAHB, W. F. Metodologias ativas no ensino superior: uma proposta de oficina sobre aprendizagem por pares; Sala de aula invertida; Aprendizagem baseada em problema e Rotação por estações de trabalho. Anais Simpósio Tecnologias e Educação a distância no Ensino Superior, UFMG; 2018.

TORRES, A. R. et al. Academic Leagues and medical formation: contributions and challenges. Translated by Philip Sidney Pacheco Badiz. Interface. Comunicação, Saúde e Educação, Selected edition. Botucatu-SP, v. 4, 2008.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n6-526

Refbacks

  • There are currently no refbacks.