Estratégias didáticas alternativas sobre educação em saúde destinadas a estudantes da educação básica / Alternative didactic strategies on health education for basic education students

Islana dos Reis Fonseca, Daiana Kelly Moraes Lisboa, Gabriele Marisco

Abstract


Ações de promoção da saúde e de educação em saúde desenvolvidas dentro das escolas, garantem a formação integral dos alunos. As metodologias ativas de ensino e de aprendizagem tem demonstrado resultados positivos, de forma a gerar conhecimento e possibilitar a aprendizagem por competências. O uso dos diferentes recursos didáticos dentro da sala de aula pode ser uma alternativa poderosa para a promoção do aprendizado. Nesse sentido, considerando a importância da relação escola e saúde, o objetivo desse trabalho foi propor oficinas a partir de estratégias didáticas alternativas para abordar aspectos sobre como ter uma vida saudável, além de medidas profiláticas para doenças que afetam a população e para acidentes com animais peçonhentos para contribuir com o processo de ensino aprendizagem. Nesse estudo, a partir de uma revisão bibliográfica integrativa, propôs-se cinco oficinas, fazendo uso de metodologias como tempestade de ideias, uso de materiais como cartolina, argila, lápis de cor e massa de modelar, modelos didáticos, jogos e dinâmicas que podem contribuir na criatividade e aprendizado. Assim, propostas metodológicas alternativas para temáticas sobre educação em saúde podem auxiliar em atividades docentes, e inspirar ideias para outras temáticas e assuntos.


Keywords


Aprendizagem significativa, Ensino fundamental, Intervenções educativas, Oficinas de aprendizagem, Saúde na escola.

References


BACH, M;R.; CARVALHO, M.A.B. Metodologia da problematização de docentes em nível médio: práticas e possibilidades, 2008.

BORNEAVE, J. D.; PEREIRA, A. M. Estratégias de Ensino-Aprendizagem. 24. ed. Revista Contabilidade Vista & Revista, v.25, n. 2, p. 38-58, maio/ago. 2012.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Saúde na escola. Brasília, 2009.

CAMPOS, H. M. PAIVA, C. G. A. MOURTHÉ, I. C. A. FERREIRA, Y. F. ASSIS, M. C. D. FONSECA, M. C. Diálogos com adolescentes sobre direitos sexuais na escola pública: intervenções educativas emancipatórias! Pesquisas e Práticas Psicossociais. V.13(3), São João del Rei, julho-setembro de 2018.

FRANCHI, V.C.Z.; GIMENEZ, K.M. Atividades lúdicas como ferramenta pedagógica na construção de um aprendizado significativo, 2007.

LAMPERT, J.B. Educação em saúde no Brasil: para não perder o trem da história. Cadernos ABEM, v.2, p.81-88, jun 2006.

LEITE, E. C.; BRANCALHÃO, R. M. C. Atividade lúdica no ensino de verminoses: Ascaris lumbricoides. 2008.

LINHARES, Iraci; TASCHETTO, Onildes Maria. A citologia no ensino fundamental. O professor PDE e os desafios da escola pública paranaense. 1ed. Curitiba: SEED, v. 1, p. 1- 25, 2011.

LUDWIG, Rafael. A educação lúdica como processo mediador de aprendizagem. Cuiabá: KCM, 2006

MATOZINOS, C. R. O ensino de verminoses para alunos cegos do ensino fundamental com a utilização de materiais didáticos tridimensionais. Dissertação (mestrado). Universidade Federal de Ouro Preto. Instituto de Ciências Exatas e Biológicas. 2017.

MELO, G. S.; ALVES, L. A.; Dificuldades no processo de ensino-aprendizagem de biologia celular em iniciantes do Curso de graduação em Ciências Biológicas. 2011. 37p. Trabalho de Conclusão de Curso. Universidade Presbiteriana Mackenzie, 2011.

MENDES, et al. Revisão integrativa: método de pesquisa para a incorporação de evidencias na saúde e na enfermagem. Texto Contexto Enferm., Florianópolis, 2008 out-dez;17(4):758-64. 2019.

MORBECK, Lorena Lôbo Brito; SILVA, Tatiano Gomes da. Utilização de Modelos Didáticos como Instrumento Pedagógico de Aprendizagem em Citologia. Id on Line Rev.Mult. Psic., 2019, vol.13, n.45, p. 594-608.

MOREIRA, Marco Antonio; MASINI, Elcie F. Salzano. Aprendizagem significativa: a teoria de David Ausubel. São Paulo: Centauro, 2001.

OLIVEIRA, N. D. C.; DAMASCENO, E. C. G. Jogos e Brincadeiras como Recursos facilitadores da aprendizagem na Educação Infantil da Escola Bom Jesus da Lapa no Distrito de Gergelim, Araripina- PE. Id on Line Multidisciplinary and Psycology Journal. v.11, n. 36., p.407-434, 2017.

PAES, C.C.D.C; PAIXÃO, A.N.P. A importância da abordagem da educação em saúde. Revasf, v.6, n.11, 2016.

PARÓQUIA SANTO ANTÔNIO. Onde moramos? História. 2009. Disponível em: http: //santoantoniokids.webnode.com.br/products/onde-moramos-/.Acesso em: ago 2019.

PROJETO DA ESCOLA SÁ PEREIRA. Maquete das casas dos Porquinhos. Ensino Fundamental. Rio de Janeiro. 2015. Disponível em: http://www.escolasapereira.com.br/pagina/1146/ Acesso em: ago.2019.

SANTOS, K. R. S. et al. Jogo lúdico e educativo como ferramenta de ensino e aprendizagem em parasitologia. Rev. Bra. Edu. Saúde, v. 10, n.1, p. 70-79, jan-mar, 2020.

SÃO PAULO. Prefeitura do município de São Paulo. Secretaria Municipal da Saúde. Gerência de Vigilância Ambiental – Coordenadoria de Vigilância e Saúde. Centro de Controle de Zoonoses. Criando um amigo: manual de prevenção contra agressões por cães e gatos. São Paulo: CCZ, 2004. 30 p.

SILVA, E. G. et al. Jogos Interativos: uma abordagem metodológica para auxiliar no processo ensino aprendizagem dos alunos do 6º e 7º anos na Escola Campos Sales em Juscimeira/MT. Revista Monografias Ambientais - REMOA Revista do Centro do Ciências Naturais e Exatas - UFSM, Santa Maria ED. ESPECIAL IFMT - Licenciatura em Ciências da Natureza - v.14, 2015, p.23-40.

SILVA, Artemisa Amorim; DA SILVA, Raimunda Trajano; FREITAS, Silvia Regina Sampaio. Utilização de modelo didático como metodologia complementar ao ensino da anatomia celular. Biota Amazônia (Biote Amazonie, Biota Amazonia, Amazonian Biota), v. 6, n. 3, p. 17-21, 2016.

SOUZA, D. C.; ANDRADE, G. L. P.; NASCIMENTO JÚNIOR, A. F. Produção de material didático-pedagógico alternativo para o ensino do conceito pirâmide ecológica: um subsídio a educação científica e ambiental. Fórum Ambiental da Alta Paulista, v. 4, n. 2008, p. 97-130, 2008.

SOUZA, D.; VERGOTTINI, V.; BERNINI, D. S. D. Educação dos tempos modernos através da aprendizagem colaborativa: uma abordagem sobre EDUSCRUM. Brazilian Symposium on Computers in Education (Simpósio Brasileiro de Informática na Educação - SBIE), [S.l.], p. 51, out. 2018. ISSN 2316-6533. Disponível em: . Acesso em: 20 maio 2020.

TORTAJADA, J. F.; GARCÍA, J. A. O.; VERA, J. A.; MARTÍN, A. O.; CASTELL, J. G. Introducción: el niño y el medio ambiente. Anales Españoles de Pediatría, v. 56, n. 6, 2002.

TORRES, P.; ALCANTARA, P.; IRALA E. Grupos de Consenso: Uma proposta de aprendizagem colaborativa para o processo de ensino-aprendizagem. Revista Diálogo Educacional, Curitiba, 2014.

VALLA, V. V. Educação, saúde e cidadania: investigação científica e assessoria popular. Cadernos de Saúde Pública, v. 8, n.1, p. 30-40, Jan. /Mar. 1992.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n6-470

Refbacks

  • There are currently no refbacks.