Alegoria à educação: uma aplicação da metodologia de análise do autor Joaquim Severino na obra a república, de Platão / Allegory to education: an application of the analysis methodology of the author Joaquim Severino in the work the republic, of Plato

Joaquina Ianca dos Santos Miranda, Bianca Marinho de Souza, Ariana Souza Carneiro, Amanda da Silva Barata, Renan Augusto Moura Cardoso, Sebastião Augusto Bentes da Silva Neto

Abstract


Busca-se atingir dois objetivos com este trabalho: demonstrar a metodologia proposta por Severino (1996) para leitura, análise e interpretação de textos; e compreender o conceito de educação intrínseco à Alegoria de Platão. Para tanto, realizou-se as três análises das diretrizes para a leitura, análise e interpretação de textos – textual, temática e a crítico interpretativa – propostas por Severino (1996). O Livro VII da obra A República, de Platão, apresenta uma alegoria introduzida pela percepção de verdade do homem em relação ao mundo, desenvolvida em torno do pensamento da existência de uma realidade dessa verdade (mundo inteligível), que deve ser descoberta pelo homem para que saia da ignorância, concluindo que a educação correta (presente para ele no ensino do cálculo e da aritmética) leva o homem à reflexão e conduz a alma para o ser, relacionando conhecimento e educação, além de destacar a suas influências na política. Conclui-se que essas diretrizes possibilitam a compreensão e crítica de textos teóricos e tornam mais fluida a leitura a análise textual, possibilitando chegarmos à consideração do pensamento platônico como atemporal e influenciador no campo da educação.


Keywords


Fundamentos da Educação. Platão. Metodologia.

References


ABBAGNANO, N. Dicionário de filosofia. 5. ed. Tradução: Ivone Castilho Benedetti. São Paulo: Martins Fontes, 2007.

ARISTÓTELES. Metafísica, A 6, 987 a 30 a 988 a 15. In: REALE, G. Aristóteles: Metafísica. Tradução: Marcelo Perine. São Paulo: Edições Loyola, 2002. pp. 35-39.

ARROYO, M. G. Currículo, território em disputa. Petrópolis: Vozes, 2011.

BULFINCH, T. O Livro de Ouro da Mitologia-História de Deuses e heróis. 28. ed. Rio de Janeiro: Ediouro, 2002.

CAMBI, F. História da pedagogia. São Paulo: Fundação Editora da UNESP (FEU), 1999.

CHAUÍ, M. Iniciação à filosofia: ensino médio. 2. ed. São Paulo: Ática, 2014.

CORTELLA, M. S. A escola e o conhecimento: fundamentos epistemológicos e políticos. São Paulo: Cortez Editora, 2017.

ELIADE, M. Mito e Realidade. São Paulo: Perspectiva, 2002.

FERREIRA, A. B. H. Novo dicionário Aurélio da língua portuguesa. 4. ed. Curitiba: Positivo, 2009.

FREIRE, P. Pedagogia da indignação: Cartas pedagógicas e outros escritos. São Paulo: UNESP, 2000.

HARE, R. M. Platão. 2. ed. São Paulo: Edições Loyola, 2014.

HOMEM, L. M. Quais os nossos deveres em relação às gerações futuras?/What are our duties towards future generations?. Brazilian Journal of Development, v. 5, n. 6, p. 4372-4399, 2019.

MAGEE, B. História da filosofia. São Paulo: Edições Loyola, 1999.

MARX, C.; ENGELS, F. Tesis sobre Feuerbach. Moscú: Editorial Progreso, 1981.

PINASSI, M. Apresentação. In: MÉSZÁROS, István. A Teoria da Alienação em Marx. Tradução: Nélio Schneider. São Paulo: Boitempo Editorial, 2017. p. 7-13.

PLATÃO. Os sofistas. São Paulo: Abril Cultural, 1974.

PLATÃO. Livro VII. In: ______. A República. Belém: UFPA, 1988.

PAVIANI, J. Platão & a República. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2003.

ROUSSEAU, J. J. Do contrato social: princípios de direito político. Tradução: Antônio P. Machado. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2011.

ROSSI, R. Introdução à filosofia. São Paulo: Edições Loyola, 1996.

SANTOS, M. J. Os pré-socráticos. Juiz de Fora: UFJF, 2001.

SEVERINO, A. J. Diretrizes para a leitura, análise e Interpretação de textos. In: ______. Metodologia do trabalho científico. 20. ed. São Paulo: Cortez, 1996.

VERNANT, J. P. Mito e Sociedade na Grécia Antiga. Rio de Janeiro: José Olympio, 1992.

VERNANT, J. P. O universo, os deuses, os homens. São Paulo: Companhia das Letras, 2000.

ZILHÃO, A. Animal racional ou bípede implume? Lisboa: Guerra e Paz, 2010.

ZYLBERSZTAJN, A. Galileu: um cientista e várias versões. Caderno Brasileiro de Ensino de Física, Florianópolis, v. 5, p. 36-48, jun. 1988.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n6-345

Refbacks

  • There are currently no refbacks.