Análise problematizada de vivências do estágio de observação no ensino de ciências e biologia / problematized analysis of observation stage experiences in science and biology teaching

Mônica Dias Soares, Antônia Nádia Brito dos Santos, Janielle Barbosa Brito, Norma Suely Ramos Freire Bezerra, Francileide Vieira Figueiredo, Cicero Magerbio Gomes Torres, Antonia Sandosleide Martins, Filipe Gutierre Carvalho de Lima Bessa

Abstract


O estágio de observação faz parte do processo inicial de formação direcionada aos futuros docentes nos quais tem por finalidade analisar criticamente na prática suas construções teóricas, identificando as principais metodologias de ensino e dificuldades enfrentadas durante processo de aprendizagem. A partir das percepções dos participantes da pesquisa, buscou-se analisar o significado dos conceitos trabalhados nas disciplinas de Ciências e Biologia para os estudantes, as implicações no processo de formação inicial, na ocasião do estágio obrigatório, além de avaliar metodologias utilizadas e de que forma podem melhor contribuir com o processo de aprendizagem. Foram aplicados questionamentos para: professores, coordenação pedagógica, alunos do ensino fundamental e médio de uma escola da rede privada no Município de Sobral- CE. Observou-se que a totalidade dos alunos questionados apreciam e entendem a finalidade de estudar Ciências e Biologia, embora tenha sido evidenciada a nítida carência de métodos de ensino diferenciados. Nesse sentido, fica claro entre os participantes que o estudo de Ciências e Biologia não pode limitar-se apenas à sala de aula, em seus contextos tradicionais. Entende-se que os discentes compreendem a importância e as contribuições da ciência, a qual transcendem para além da simples composição da nota em um processo avaliativo. Tais constatações representam um forte arcenal de elementos constitutivos para a ação reflexiva e composição identitária dos professores em formação inicial.


Keywords


Ensino de Ciências e Biologia, Processo de Aprendizagem, Formação Inicial e Continuada, Ambiente de Prática.

References


BORGES, R.M.R.; LIMA, V.M.R. Tendências contemporâneas do ensino de Biologia no Brasil. Revista Electrónica de Enseñanza de lãs Ciencias, Espanha, v. 6, n. 1, p.165-175, 2007.

CAON, C.M. Concepções de professores sobre o ensino e a aprendizagem de ciências e de biologia (Mestrado em Educação de Ciências e Matemática). Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre (RS), p. 9- 87, 2005.

LEITE, Y. GIORGI, C. Saberes docentes de um novo tipo na formação profissional do professor: alguns apontamentos. Santa Maria, v.29, n.2, p. 135-145, 2004. Disponível em Acessado em: 20 junho. 2019.

MALAFAIA, G; BÁRBARA, V. F; RODRIGUES, A. S. Análise das concepções e opiniões de discentes sobre o ensino da Biologia. Revista Eletrônica de Educação. São Carlos, SP: UFSCar, v.4, no. 2, p. 165-182, nov. 2010. Disponível em .

PEREIRA, M. A. A Importância do Ensino de Ciências: Aprendizagem Significativa na Superação do Fracasso Escolar. Universidade Estadual de Marília – SP, Programa de Desenvolvimento Educacional (PDE), SEED, Estado do Paraná, p. 7-25, 2008.

Neri, I. C, Nascimento, C. B, Torres, S. M. G., França, T. A, Bessa, F. G. C. L, Bezerra, N. S. R. F, Figueiredo, F. V, Torres, C. M. G. Aprendizagem significativa e jogos didáticos: a utilização da roleta e tabuleiro com cartas (rtcbio) no ensino de biologia. Braz. J. of Develop., Curitiba, v. 6, n.5, p.28728-28742 may. 2020.

NICOLA, J. A.; PANIZ, C. M. A importância da utilização de diferentes recursos didáticos no ensino de biologia. Infor, Inov. Form., Rev. NEaD-Unesp, São Paulo, v. 2, n. 1, p.355-381, 2016. ISSN 2525-3476.Disponivel em:< https://ojs.ead.unesp.br/index.php/nead/article/download/InFor2120167/pdf> Acessado em: 24 julho 2019.

RAMALHO, E.J.; SIMÃO, F; PAULO, A. B. Aprendizagem por meio de jogos digitais: um estudo de caso do jogo animal crossing. Ensaios Pedagógicos. Revista Eletrônica do Curso de Pedagogia das Faculdades OPET ISSN 2175-1773 – p. 1-13, 2014. Disponível em:. Acessado em: 02 de agosto de 2019.

SOARES, A.S. A Autoridade do Professor e a Função da Escola. Educ. Real., Porto Alegre, v. 37, n. 3, p. 841-861, set./dez. 2012. Disponível em: http://www.ufrgs.br/edu_realidade. Acessado em: 01 de agosto 2019.

TARDIF, M. Saberes docentes e formação profissional. Petrópolis: Vozes, 2002.

THEODORO, F.; COSTA, J.; ALMEIDA, L. Modalidades e recursos didáticos mais utilizados no ensino de Ciências e Biologia. Estação Científica (UNIFAP) Macapá, v. 5, n. 1, p. 127-139. 2015. Disponível em Acessado em: 30 julho 2019.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n6-298

Refbacks

  • There are currently no refbacks.