A experiência educativa na perspectiva de John dewey (1859-1952)/ Educational experience in John Dewey's perspective (1859-1952)

Helton Adriano de Souza, Maria Inalva Galter, Jorge Antonio Vieira

Abstract


Examinamos a perspectiva de John Dewey referente à experiência educativa a partir das críticas a pedagogia tradicional e as teorias renovadoras da educação presentes na sua obra Experiência e educação. Pressupondo a historicidade dos fenômenos humanos, situamos o pensamento deweyano, no contexto das mudanças na forma burguesa de organização da produção, das instituições e da ciência em fins do século XIX e primeira metade do século XX. Atento às demandas decorrentes do desenvolvimento da indústria, da ciência e da vida social, particularmente aquelas afetas aos Estados Unidos, o autor, defendeu a necessidade de reformas na educação e na pedagogia escolar. Nesse intuito, criticou a pedagogia tradicional e as teorias renovadoras alertando sobre o desproposito de polarizarem os elementos fundantes do processo educativo que são, de um lado, a criança, e, de outro, os fins, ideias e valores sociais representados pela experiência do adulto. O problema educativo que a seu ver necessitava ser compreendido numa totalidade era concebido por essas abordagens, cada uma a sua maneira, em termos de oposição entre a criança e o programa de estudos e entre a natureza individual e a experiência social. Concluímos que Dewey ressignificou a pedagogia escolar burguesa ao postular como base da teoria da experiência o papel ativo do aluno no processo pedagógico especialmente ao problematizar o programa de estudos articulado ao saber empírico e por conceber que essa relação favorecia a interação e a continuidade pedagógica, princípios tidos como constituintes da experiência humana adquirindo especial significado na educação escolar. Assim concebendo a experiência educativa, competia aos educadores, mais que negar a tradição, o esforço intelectual deliberado de apreender o papel fulcral da inteligência e/ou do pensamento reflexivo na formação das novas gerações tendo em vista a promoção e a condução da vida social numa perspectiva democrática.


Keywords


John Dewey, teoria da experiência educativa, formação das novas gerações.

References


ABBAGNANO, Nicola. Dicionário de filosofia. Tradução da 1ª edição brasileira coordenada e revisada por Alfredo Bossi; revisão e tradução dos novos textos Ivone Castilho Benedetti. – 5ª ed. – São Paulo: Martins Fontes, 2007.

BIASOTTO, Karine. Experiência e Educação escolar em John Dewey (1859-1952). 2016. 125 f. Dissertação( Mestrado em Educação) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Cascavel, 2016. Disponível em: < http://tede.unioeste.br/bitstream/tede/3391/5/Karine_Biasotto2016.pdf >. Acesso em: 20 set. 2019.

BLOCH, Marc. Apologia da História ou do ofício do historiador. Rio de Janeiro: Cortez, 1965.

BORGES, Bruno Gonçalves; GATTI JR., Décio. O ensino de história da educação na formação de professores no Brasil atual. Revista HISTEDBR On-line, Campinas, n.40, p. 24-48, dez.2010 - ISSN: 1676-2584. Dissertação (Mestrado em Educação) – Unioeste, Cascavel/PR, 2016.

CAMBI, Franco. História da Pedagogia. São Paulo: Editora Unesp, 1999.

CAVALLARI FILHO, Roberto. Experiência, filosofia e educação em John Dewey: As “muralhas” sociais e a unidade da experiência. Dissertação (Mestrado em Educação) – UNESP, Marília, São Paulo, 2007. Disponível em: . Acesso em: 30 ago. 2018.

CUNHA, Marcos Vinícius da. John Dewey: uma filosofia para educadores em sala de aula. 6. ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2011.

GALIANI, Claudemir. John Dewey e a mediação social da escola pública no final do século XIX e nas primeiras décadas do século XX nos Estados Unidos. 210 f. Tese (Doutorado em Educação) – Universidade Estadual de Maringá – UEM, Maringá/PR, 2014. Disponível em: . Acesso em: 25 jan. 2018.

DEWEY, John. Democracia e Educação. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 1979.

____________. Experiência e Educação. São Paulo: Editora Nacional, 1971.

MANACORDA, Mario Alighiero. História da educação: da antigüidade aos nossos dias. São Paulo: Cortez, 1989.

PAGNI, Pedro Angelo. Leituras sobre as contribuições de John Dewey para a educação. In: FÁVERO, Altair Alberto; TONIETO, Carina (Organizadores). Leituras sobre John Dewey e a educação. Campinas, SP: Mercado de Letras, 2011. p. 43-60.

SAVIANI, Dermeval. Pedagogia histórico-crítica: primeiras aproximações. 11. ed. rev. Campinas: Autores Associados, 2011. 137p.

SOUZA. Rosa Fatima de. As disputas pelo currículo e a renovação da escola primária nos Estados Unidos na transição do século 19 para o século 20. Revista de História da Educação. Porto Alegre. v. 20 n. 48. Jan./abr., 2016. p. 35-53

TEIXEIRA, Anísio. A Pedagogia de Dewey: esboço da teoria de Educação de John Dewey. In: DEWEY, John. Vida e Educação. São Paulo: Abril Cultural, 1978.

TRINDADE, Christiane Coutheux. Educação, sociedade e democracia no pensamento de John Dewey. 125 f. Dissertação (Mestrado) – Faculdade de Educação, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2009.

WESTBROOK, Robert B.; TEIXEIRA, Anísio; ROMÂO, José Eustáquio; RODRGUES, Verone Lane (Org.). John Dewey. Recife: Fundação Joaquim Nabuco; Editora Massangana, 2010.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n6-292

Refbacks

  • There are currently no refbacks.