Segurança do paciente por meio do uso e conformidade de pulseiras de identificação: relato de experiência / Patient safety through the use and conformity of identification bracelets: experience report

Flávia Camef Dorneles, Nathália Fortes Schlotfeldt, Carla da Silveira Dornelles

Abstract


Objetivo: relatar a experiência de acadêmicas de enfermagem na identificação do paciente por meio de pulseiras em uma unidade clínica, durante estágio curricular da Disciplina de Enfermagem no Cuidado do Adulto. Método: relato de experiência em uma Unidade Clínica de um hospital filantrópico da região centro oeste do Rio Grande do Sul, no período de Maio a Junho de 2019. Resultados: A partir da conferência em cada leito que dos 22 leitos visitados apenas sete estavam devidamente identificados com pulseira, enquanto 15 pacientes não faziam uso. Conclusão: Por meio da realização dessa atividade foi possível identificar a importância e relevância de um cuidado voltado à práticas que corroborem com a segurança do paciente. Para tanto, a vivência contribuiu para fomentar a necessidade de sensibilização e conhecimento dos profissionais frente às práticas de segurança do paciente.


Keywords


Segurança do Paciente; Enfermagem; Equipe de Assistência ao Paciente.

References


Laurindo VRF, Menezes MF, Nadai TR. A implantação do protocolo de identificação segura como ferramenta de segurança do paciente. Revista Qualidade HC. 2016; 7 (4):14-20.

Silva AT, Camelo SHH, Terra FS, Dazio EMR, Sanches RS, Resck ZMR. Segurança do paciente e a atuação do enfermeiro em hospital. Rev enferm UFPE on line. 2018;12(6):1532-8.

Macedo MCS, Almeida LF, Assad LG, Rocha, RG, Ribeiro GSR, Pereira LMV. Identificação do paciente por pulseira eletrônica numa unidade de terapia intensiva geral adulta. Revista de Enfermagem Referência Série. 2017; IV (13):63-70.

Hemesath MP, Santos HB, Torelly EMS, Barbosa AS, Magalhães AMM. Estratégias educativas para melhorar a adesão à identificação do paciente. Rev Gaúcha Enferm. 2015;36 (4):43-8.

Cavalcante AKCB; Rocha RC; Nogueira LT, Avelino FVSD; Rocha SS. Cuidado seguro ao paciente: contribuições da enfermagem. Revista Cubana de Enfermería, 2015; 31 (4):1-13.

Cestari VRF, Ferreira MA, Garces TS, Moreira TMM, Pessoa VLMP, Barbosa IV. Aplicabilidade de inovações e tecnologias assistenciais para a segurança do paciente: revisão integrativa. Cogitare Enferm. 2017; 22 (3): e45480.

Ministério da Saúde (Brasil), Anvisa. Protocolo de identificação do paciente. Brasília: Ministério da Saúde; 2013.

Lippi G, Chiozza L, Mattiuzzi C, Plebani M. Patient and Sample Identification. Out of the Maze?. J Med Biochem. 2017 Apr; 36(2): 107–112.

Silva AT, Terra FS, Dazio EMS; Sanches RS, Resck ZMR. Os enfermeiros e a segurança do paciente na práxis hospitalar. Cogitare Enferm. 2016; 21(esp: 01-08).

Rebello LKZ, Quemel FS, Peterlini OLG. Estratégias para a implantação do protocolo de identificação do paciente em um hospital de médio porte no Noroeste do Paraná. R. SaúdePúbl. Paraná. 2019; 2(Suppl 1): 31-37.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n6-249

Refbacks

  • There are currently no refbacks.