Abordagem química e toxicidade em modelo zebrafish de geoprópolis de melipona fasciculata Smith / Chemical approach and toxicity in zebrafish model of geipropolis of melipona fasciculata Smith

Josianne Rocha Barboza, Francisco Assis Nascimento Pereira, José Antônio Costa Leite, Denise Fernandes Coutinho, Maria Nilce de Sousa Ribeiro

Abstract


Melipona fasciculata Smith, espécie nativa do Maranhão, é uma abelha sem ferrão que produz mel, cera e geoprópolis, que é constituído por material resinoso coletado das plantas, secreções salivares, cera e barro ou terra. A espécie é bastante cultivada no estado do Maranhão, principalmente nas regiões da Baixada e Cerrado, criada comercialmente em agrupamentos de colônias, denominados meliponários, que constituem a meliponicultura. Estudos demonstram que a geoprópolis possui atividades biológicas como antimicrobiana, leishmanicida, antioxidante, anti-helmíntica, antiproliferativa mostrando ser um produto natural promissor para novas pesquisas. Desta forma, o artigo tem como objetivo verificar o perfil químico dos extratos de geoprópolis de Melipona fasciculata Smith e investigar a toxicidade dos extratos frente ao modelo zebrafish. As amostras foram coletadas diretamente das colmeias dos meliponários no município de Pinheiro e Viana, no estado do Maranhão. Foram secas, separadamente, extraídas por maceração com álcool etílico 70% por 48 horas, obtendo as soluções extrativas, as quais foram filtradas e concentradas em evaporador rotativo e liofilizadas, obtendo-se o EHGP e EHGV. A composição química foi avaliada por abordagem fitoquímica, CCD e HPLC/UV-Vis e a toxicidade aguda dos extratos foram avaliados frente Danio rerio. A composição química por CLAE-UV-vis demonstrou a predominância de compostos de baixa polaridade nos tempos de retenção a partir de 40 min. A CCD revelou a presença de saponinas, terpenos e esteroides. Os dois extratos apresentaram baixa toxicidade, sendo o EHGP com menor toxicidade (1222,38


Keywords


Melipona fasciculata. Geoprópolis. Toxicidade

References


ABNT. Ecotoxicologia aquática: Toxicidade aguda – método de ensaio com peixes. NBR 15088: 2011. Rio de Janeiro: Associação Brasileira de Normas Técnicas, 2011.

ALVES, R. M. O.; SOUZA, B. A.; SODRE, G. S.; FONSECA, A. A. O. Desumidificação: uma alternativa para a conservação do mel de abelhas sem ferrão. Mensagem Doce. 91: 2-8, 2007.

ABREU, B. V. B; DUTRA, R. P.; BATISTA, M. C. A; AZEVEDO, C. C.; NOGUEIRA, A.M. C; COSTA, M. C. P; RIBEIRO, M. N. S. Polifenóis de geoprópolis de Melipona fasciculata Smith coletado no Cerrado maranhense. Revista de Ciências da Saúde, 8, 1, 18-24, 2006.

ARAÚJO, M. J. A. M. Geoprópolis de Melipona fasciculata Smith: ações citotóxicas, imunomoduladora, antibacteriana e antifúngica. Tese (Doutorado) – Programa de Pós-Graduação em Patologia, Faculdade de Medicina de Botucatu, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Botucatu/SP, 2013.

ARAÚJO, M.J.A.M.; BÚFALO, M.C.; CONTI, B.J.; FERNANDES JR, A.; TRUSHEVA, B.; BANKOVA, V.; SFORCIN, J.M. The chemical composition and pharmacological activities of geopropolis produced by Melipona fasciculata Smith in Northeast Brazil. Journal of Molecular Pathophysiology, v. 4, p.12-20, 2015.

BARBAZUK, W.B., KORF, I., KADAVI, C., HEYEN, J., TATE, S., WUN, E., BEDELL, J.A., MCPHERSON, J.D., JOHNSON, S.L. The syntenic relationship of the zebrafish and human genomes. Genome Res. 10, 1351-1358, 2000.

BATISTA, M. C. A. Composição química e atividade antioxidante de geoprópolis de Melipona fasciculata Smith do município de Palmeirândia, Maranhão, Brasil. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade Federal do Maranhão, São Luís, 2011.

BATISTA, M.C.A.; ABREU, B.V.B; DUTRA, R. P; CUNHA, M.S; AMARAL, F.M.M; TORRES, L.M.B; RIBEIRO, M.N.S. Chemical composition and antioxidant activity of geopropolis produced by Melipona fasciculata (Meliponinae) in flooded fields and cerrado areas of Maranhão State, northeastern Brazil. Acta Amazônica. v.46(3), p. 315– 322, 2016.

CUNHA, M.S.; DUTRA, R.P.; BATISTA, M.C.A.; ABREU, B.V.B.; SANTOS, J.R.;

NEIVA, V.A.; AMARAL, F.M.M.; RIBEIRO, M.N.S. Padronização de extrativos de

geoprópolis de Melipona fasciculata Smith (tiúba). Cadernos de Pesquisa, v. 16, n. 3, p. 31-38, 2009.

CUNHA, M. S. Composição química e atividade antitumoral de Melipona fasciculata Smith. Tese (Doutorado em Ciências da Saúde). Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde. Universidade Federal do Maranhão. São Luís. 2017.

DA CUNHA, M. G.; FRANCHIN, M.; GALVÃO, L. C. DE C.; DE RUIZ, A. L. T. G.; DE CARVALHO, J. E.; IKEGAKI, M.; DE ALENCAR, S. M.; KOO, H.; ROSALEN, P. L. Antimicrobial and antiproliferative activities of stingless bee Melipona scutellaris geopropolis. BMC Complementary and Alternative Medicine, v.13, p.1-9, 2013.

DUTRA, R. P. Bioprospecção da geoprópolis de Melipona fasciculata Smith como insumo na geração de produtos leishmanicidas. Tese (Doutorado em Biotecnologia) - Universidade Federal do Maranhão, São Luís, 2012.

DUTRA, R. P.; ABREU, B. V. B.; CUNHA, M. S.; BATISTA, M. C. A.; TORRES, L. M. B.; NASCIMENTO, F. R. F.; RIBEIRO, M. N. S.; GUERRA, R. N. M. Phenolic acids, hydrolyzable tannins, and antioxidant activity of geopropolis from the stingless bee Melipona fasciculata Smith. Journal Agriculture Food Chemical. 26;62(12):2549-57, 2014.

KARI, G.; RODECK, U; DICKER, A.P. Zebrafish: an emerging model system for human disease and drug discovery. Clinical Pharmacolology and Therapeutis, v.82, n.1, 2007.

KERR, W. Abelhas indígenas brasileiras (meliponíneos) na polinização e na produção de mel, pólen, geoprópolis e cera. Informe Agropecuário. v.13, p.15-27, 1987.

LIESCHKE, J.G.; CURRIE, P.D. Animal models of human disease: Zebrafish swim into view. Nature Reviews-Genetics, v.8, n.5, 2007.

MATOS, F.J. A. Introdução a fitoquímica experimental. 2.ed. Fortaleza: Edições UFC, 2009.

NOGUEIRA-NETO, P. A vida e criação de abelhas indígenas sem ferrão (Meliponinae). São Paulo: Nogueirapes, 1997.

PALAZUELOS BALLIVIAN, J. M. P. Abelhas nativas sem ferrão – M?g. São Leopoldo, Oikos, 2008.

SANTOS, C. M., CAMPOS, J. F., SANTOS, H. F., BALESTIERI, J. B. P., SILVA, D. B., PICOLI SOUZA, K., CAROLLO, C. A., ESTEVINHO, L. M., & SANTOS, E. L. Chemical composition and pharmacological effects of geopropolis produced by Melipona quadrifasciata anthidioides. Oxidative Medicine and Cellular Longevity, 2017.

SILVA, E.C.C; MUNIZ, M.P; NUNOMURA, R.C.S. Constituintes fenólicos e atividade antioxidante da geoprópolis de duas espécies de abelhas sem ferrão amazônicas. Quim. Nova, v.36, n.5, p.628-633, 2013.

STERN, H.M. & ZON, L.I. Cancer genetics and drug discovery in the zebrafish. Nature Rev. Cancer 3, 1-7, 2003.




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv2n6-059

Refbacks

  • There are currently no refbacks.