A prática de atividade física no período de isolamento social / The practice of physical activity in the period of social isolation

Bruna Licker Cabral, Thalia Pinheiro Fogiatto de Oliveira, Morgana Christmann, Aline Gerlach, Leonardo dos Santos Brum, Jonas Alexis Skupien

Abstract


A pandemia do covid-19 (SARs-Cov-2) trouxe mudanças exponenciais no estilo de vida das pessoas, especialmente pelas estratégias para controle do contágio, tanto por meio do distanciamento social, quanto pelas medidas de higiene. As medidas adotadas têm levado a população a ficar reclusa em casa, redescobrindo formas de reorganizar a vida na nova dinâmica social que se coloca. Mesmo diante destas necessidades momentâneas de isolamento, sabe-se que a prática de exercícios físicos regularmente previne diversas doenças, sendo elas as metabólicas, psicológicas ou físicas. O objetivo do estudo foi identificar a prática de atividade física durante a pandemia. Trata de uma pesquisa bibliográfica na literatura científica brasileira, artigos científicos que apontam para os níveis de atividade física dos brasileiros. Os artigos incluídos foram aqueles publicados entre janeiro de 2020 e março de 2021, em português e inglês, de acesso gratuito, na biblioteca virtual Scielo, PudMed e Google Acadêmico. Foram utilizados como descritores SARs-Cov-2; Exercício Físico; Pandemia. A pesquisa teórica resultou em 20 artigos publicados. Dentre os artigos observou-se que houve uma significativa diminuição da população que praticava exercícios durante a pandemia e, portanto, aumento nos níveis de sedentarismo. Assim como as atividades de lazer mudaram com maior utilização de telas, como a televisão e computadores. Cabe ressaltar que com a necessidade de readaptação, os exercícios e aparelhos ganharam novas formas e objetos, com o que há em casa, para que essa parcela da população continuasse ativa. O grupo mais afetado pela mudança de hábitos como sono, alimentação e atividade física parece ser o mais jovem (18-40 anos). Conclui-se, portanto, com base nos estudos que houve uma diminuição da prática de atividade física durante a pandemia. O isolamento social teve um impacto negativo na saúde nesse período, o que levou as pessoas a terem um comportamento mais sedentário.

 

 


Keywords


SARs-Cov-2, Exercício Físico, Pandemia.

References


BEZERRA, A. C. V.; SILVA, C. E. M.; SOARES, F. R. G. et al. Fatores associados ao comportamento da população durante o isolamento social na pandemia de COVID-19. Ciência & Saúde Coletiva, v. 25, p. 2411-2421, 2020.

BENTLAGE, E.; AMMAR, A. COMO, D. et al. Practical recommendations for maintaining active lifestyle during the COVID-19 pandemic: a systematic literature review. International journal of environmental research and public health, v. 17, n. 17, p. 6265, 2020.

BOTERO, J. P.; FARAH, B. Q.; CORREIA, M. A. et al. Impact of the COVID-19 pandemic stay at home order and social isolation on physical activity levels and sedentary behavior in Brazilian adults. Einstein (São Paulo), v. 19, 2021.

BRITO, L. M. S.; LIMA, V. A.; MASCARENHAS, L. P. et al. Physical activity, eating habits and sleep during social isolation: from young adult to elderly. Revista Brasileira de Medicina do Esporte, v. 27, p. 21-25, 2021.

COSTA, C. L. A.; COSTA, T. M.; BARBOSA FILHO, V. C. et al. Influência do distanciamento social no nível de atividade física durante a pandemia do COVID-19. Revista Brasileira de Atividade Física & Saúde, v. 25, p. 1-6, 2020.

CROCHEMORE-SILVA, I; KNUTH, G.; WENDT, A., et al. Prática de atividade física em meio à pandemia da COVID-19: estudo de base populacional em cidade do sul do Brasil. Ciência & Saúde Coletiva, v. 25, p. 4249-4258, 2020.

GUIMARÃES, T.T; SANTOS, H.M B.; SANCTOS, R. T. M. Physical inactivity, chronic diseases, immunity and covid-19. Revista Brasileira de Medicina do Esporte, v. 26, p. 378-381, 2020.

KIENLE, G. S., WERTHMANN, P., GROTEJOHANN, B., Addressing COVID-19 challenges in a randomised controlled trial on exercise interventions in a high-risk population. BMC geriatrics, v. 21, n. 1, p. 1-12, 2021.

LÓPEZ-VALENCIANO, A. et al. Impact of COVID-19 pandemic on university students' physical activity levels: an early systematic review. Frontiers in psychology, v. 11, 2020.

MALTA, D. C. et al. A pandemia da COVID-19 e as mudanças no estilo de vida dos brasileiros adultos: um estudo transversal, 2020. Epidemiologia e Serviços de Saúde, v. 29, 2020.

MURUKESU, R. R., SINGH, D. K. A., SHAHAR, S., & Subramaniam, P. Physical Activity Patterns, Psychosocial Well-Being and Coping Strategies Among Older Persons with Cognitive Frailty of the “WE-RISE” Trial Throughout the COVID-19 Movement Control Order. Clinical Interventions in Aging, v. 16, p. 415, 2021.

PAZ, L. E. S.; BEZERRA, B. J. S.; MELO, T. M. M. et al. covid-19: A importância da Fisioterapia na recuperação da Saúde do Trabalhador. Revista Brasileira de Medicina do Trabalho, v. 19, n. 1, p. 94-106, 2021.

PEIXOTO, S. V.; NASCIMENTO- SOUZA, M. A.; MAMBRINI, J. V. M. et al. Comportamentos em saúde e adoção de medidas de proteção individual durante a pandemia do novo coronavírus: iniciativa ELSI-COVID-19. Cadernos de Saúde Pública, v. 36, 2020.

SÁ, C. S. C.; POMBO, C.; LUZ, C. et al. Covid-19 social isolation in brazil: Effects on the physical activity routine of families with children. Revista Paulista de Pediatria, v. 39, 2020.

SAULLE, R.; MINOZZI, S. AMATO, L. et al. Impatto del distanziamento sociale per covid-19 sulla salute fisica dei giovani: una revisione sistematica della letteratura. Recenti Progressi in Medicina, v. 112, n. 5, p. 347-359, 2021.

SIEGLE, C. B. H.; POMBO, C.; LUZ, C. et al. Influences of family and household characteristics on children’s level of physical activity during social distancing due to covid-19 in Brazil. Revista Paulista de Pediatria, v. 39, 2020.

SILVA, L. C. O.; PINA, T. A.; JACÓ, L. S. O. Fisioterapia e funcionalidade em pacientes pós covid19: revisão de literatura. Hígia-revista de Ciências da Saúde e Sociais Aplicadas do Oeste Baiano, v. 6, n. 1, 2021.

STOCKWELL, S.;Mike Trott, M.; Tully, M. et al. Changes in physical activity and sedentary behaviours from before to during the COVID-19 pandemic lockdown: a systematic review. BMJ Open Sport & Exercise Medicine, v. 7, n. 1, p. e000960, 2021.

VIOLANT-HOLZ, V.; Gallego-Jiménez, M. G.; González-González, C. S. et al. Psychological health and physical activity levels during the COVID-19 pandemic: a systematic review. International journal of environmental research and public health, v. 17, n. 24, p. 9419, 2020.

WERNECK, A. O.; SILVA, D. R.; MALTA, D. C. et al. Lifestyle behaviors changes during the COVID-19 pandemic quarantine among 6,881 Brazilian adults with depression and 35,143 without depression. Ciencia & saude coletiva, v. 25, p. 4151-4156, 2020.

.




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv4n5-216

Refbacks

  • There are currently no refbacks.