A aplicabilidade da terapia manual nas disfunções da articulação temporomandibular – Revisão de literatura / The applicability of manual therapy in temporomandibular joint dysfunctions - Literature review

Jackeline Dantas de Sousa, Tatielle de Sousa Tiburcio, Matheus Henrique Loiola Mourão, Palloma Bezerra Borges, Nayra Letícia De Freitas Aquino, Thalia Fernanda de Jesus Santana, Dayane da silva cipriano, Camila Da Silva Santos, Samara Rodrigues de Carvalho, Larissa do Nascimento Alves, Noelly Lays de Sousa Marques, Cristiane Alves de Franca, Denise de Carvalho Almeida, Asriel Delaias Dantas de Sousa Santos

Abstract


As articulações são importantes estruturas que, ao longo do corpo, permitem a execução de movimentos indispensáveis ao indivíduo. A articulação Temporomandibular (ATM), consiste em uma dessas junturas e é frequentemente acometida por disfunções que podem causar desconforto até incapacidade na realização da função. A terapia Manual, surge como meio de intervenção na resolução ou minimização dessas disfunções. O estudo tem como finalidade analisar a aplicabilidade da terapia manual nas disfunções temporomandibulares e ressaltar a importância da fisioterapia. Foi realizada uma revisão bibliográfica, nos meses de Outubro de 2017 a Março de 2018, nas bases de dados da Biblioteca Virtual de Saúde (BVS) e em suas bases indexadas como o LILACS (Literatura Latino-Americana em Ciências da Saúde), Scielo (Scientific Electronic Library Online) e Pubmed. Utilizou-se as palavras-chaves dos descritores de saúde: Terapia Manual, Disfunções Temporomandibulares e Fisioterapia. A abordagem fisioterapêutica na DTM é capaz de diminuir ou eliminar a dor, reestabelecer a função articular e muscular, devolvendo a função normal. Apresenta avaliação precisa de fatores como: cognitivo-psicológica, controle motor de técnicas e programas que promovem a reeducação. Verificou-se que o tratamento da DTM possui uma análise criteriosa, com uma complexidade considerável, os recursos de terapia manuais utilizados além de demonstrarem sua eficácia ainda possuem a vantagem de serem de fácil realização e não apresentarem um grande custo financeiro com a aquisição de aparelhos específicos. 


Keywords


Terapia manual. Disfunções temporomandibulares. Fisioterapia.

References


ANDRADE, T. N. C.; FRARE, J. C. Estudo comparativo entre os efeitos de técnicas de terapia manual isoladas e associadas à laserterapia de baixa potência sobre a dor em pacientes com disfunção temporomandibular. Revista Goiana de Odontologia, Porto Alegre, v. 56, n.3, p. 287-295, jul./set. 2008. Disponível em: http://www.revistargo.com.br/viewarticle.php?id=880&layout=abstract. Acesso em: 03/09/2017.

BARBOSA, I. A. M. S.; SILVA, P. E.; SILVA, K. A. F. Tratamento das disfunções da articulação temporomandibular por meio da técnica de dígito pressão. Revista Eletrônica “Saúde CESUC” - Nº 01 - Ano de 2010. Disponível em: http://www.portalcatalao.com/painel_clientes/cesuc/painel/arquivos/upload/temp/f289ee5da1c9eeebe602bb119f89963d.pdf. Acesso em: 04/09/2017.

CALIXTRE, L. B. et al. Efeitos da mobilização cervical e exercício na dor, movimento e função em indivíduos com distúrbios temporomandibulares: um teste pré-pós de um único grupo. Journal of Applied Oral Science. vol.24 no.3 Bauru May./June 2016.

Disponível em http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1678-77572016000300188. Acesso em: 03/09/2017.

CLELAND, J.; PALMER, J. Effectiveness of Manual Physical Therapy, Therapeutic Exercise, and Patient Education on Bilateral Disc Displacement Without Reduction of the Temporomandibular Joint: ASingle-Case. Design ublished: Journal of Orthopaedic & Sports Physical Therapy, 2004 V 34 Issue:9 Pages:535–548. 2014. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/15493521. Acesso em: 30/08/2017.

DAMASCENO, F. M.; BARBIERI, L. G. O tratamento fisioterapêutico nas disfunções da articulação temporomandibular: uma revisão integrativa. Revista Digital Formar Interdisciplinar. V. 1, n.5, jul/dez 2014. Disponível em: http://www.efdeportes.com/efd188/tratamento-da-articulacao-temporomandibular.htm . Acesso em: 04/09/2017.

FERNANDES, W. V. B.; MICHELOTTO, A. B.; KIMURA, S. Comparação entre Técnicas Osteopáticas e Fisioterapia Convencional para o Tratamento das Desordens Temporomandibulares. Revista inspirar. Vol.1, n.1, Junho/Julho, 2009. Disponível em: https://www.inspirar.com.br/revista/titulo-exemplo-suplemento-revista-edicao-3/. Acesso em: 06/09/2017.

FERREIRA, C. L. P.; SILVA, M. A. M. R.; FELÍCIO, C. M. Sinais e sintomas de desordem temporomandibular em mulheres e homens. CoDAS, vol.28, n.1, São Paulo, Jan./Feb. 2016. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/codas/v28n1/2317-1782-codas-28-01-00017.pdf. Acesso em: 06/09/2017.

FRANCO, A. L. et al. Fisioterapia no tratamento da dor orofacial de pacientes com disfunção temporomandibular crônica. Revista Cubana Estomatol, Ciudad de La Habana , v. 48, n. 1, p. 56-61, 2011. Disponível em: http://scielo.sld.cu/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-75072011000100008&lng=es&nrm=iso. Acesso em: 05/10/2017.

FREITAS, D. G. et al. Os efeitos da desativação dos pontos-gatilho miofasciais, da mobilização articular e do exercício de estabilização cervical em uma paciente com disfunção temporomandibular: um estudo de caso. Fisioterapia Movimento, Curitiba, v. 24, n. 1, p. 33-38, jan./mar. 2011. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/fm/v24n1/v24n1a04. Acesso em: 05/09/2017.

GRONDIN, F.; HALL, T. Alterações no comprometimento do movimento cervical e dor após tratamento orofacial em pacientes com transtorno temporomandibular artrilgico crônico com dor: uma série de casos prospectivos. International Journal of Physical Therapy. Physiother Theory Pract. Vol. 33 (1): 52-61. Janeiro. 2017. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/27911133. Acesso em 01/09/2017.

KUTZKE, J. L.; STIGAR, P. Estabilização Segmentar Cervical no tratamento das Disfunções Temporomandibulares. Revista Eletrônica Multidisciplinar FACEAR. V.3. 2014. Disponível em: http://www.revista.facear.edu.br/artigo/$/estabilizacao-segmentar-cervical-no-tratamento-das-disfuncoes-temporomandibulares. . Acesso em: 06/09/2017.

MARCHESI, L. M. Efeito da terapia manual no tratamento de disfunções temporomandibulares. 2015. 19f. Trabalho de Conclusão de Curso (Especialista em Fisioterapia Ortopédica) - Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2015. Disponível em: http://hdl.handle.net/1843/BUBD-A8TGXL. Acesso em: 06/09/2017.

MELCHIOR, M. O. et al. Efeito do tratamento fonoaudiológico após a laserterapia de baixa intensidade em pacientes com DTM: estudo descritivo. CoDAS., vol.28, n.6, pp.818-822. ISSN 2317-1782, Nov./Dec. 2016. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S2317-17822016000600818&lng=en&nrm=iso&tlng=en. Acesso em: 06/09/2017.

MOTTA, L. J. et al. Disfunção Temporomandibular segundo o Nível de Ansiedade em Adolescentes. Psicologia: Teoria e Pesquisa. Vol.31, n.3, Brasília, July/Sept. 2015. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-37722015000300389. Acesso em: 06/09/2017.

MOURÃO, N. L. A; MESQUITA, V. T. A Importância da Fisioterapia no Tratamento das Disfunções da ATM. Revista Terapia Manual. Vol.04, n.16, Londrina, Abril/Junho 2006. Disponível em https://scholar.google.com.br/scholar?q=A+Import%C3%A2ncia+da+Fisioterapia+no+Tratamento+das+Disfun%C3%A7%C3%B5es+da+ATM.&hl=pt-BR&as_sdt=0&as_vis=1&oi=scholart&sa=X&ved=0ahUKEwiHvYPvk9zWAhVFFZAKHSpHAbkQgQMIJTAA. Acesso em: 06/09/2017.

OLIVEIRA, K. B. et al. A abordagem fisioterapêutica na disfunção da articulação temporomandibular. Revisão da literatura. Revista Med Reabil; 29(3); 61-4, 2010. Disponível em http://files.bvs.br/upload/S/0103-5894/2010/v29n3/a1669.pdf.

Acesso em 28/08/2017

SILVA, G. R. et al. O efeito de técnicas de terapias manuais nas disfunções craniomandibular. Rev Bras Cien Med Saúde. 1(1):17-22. Jul/Dez 2011. Disponível em: http://www.rbcms.com.br/detalhes/5/o-efeito-de-tecnicas-de-terapias-manuais-nas-disfuncoes-craniomandibular. Acesso em: 06/09/2017.

SPILLERE, A.; ROSAS, R. F. Tratamento fisioterapêutico na disfunção da articulação temporomandibular (atm) Um estudo de caso. Revista Brasileira Fisioterapia. vol. 2. Ano 2002. Disponível em: http://files.fisiodtm.webnode.com.pt/200000003-6f4767041d/TTO%20FISIOTERAPIA%20DTM.pdf. Acesso em 25/08/2017.

TORRES, F. et al. Efeitos dos tratamentos fisioterapêutico e odontológico em pacientes com disfunção Temporomandibular. Fisioterapia em Movimento. v. 25, n. 1, Curitiba, jan./mar. 2012. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/fm/v25n1/a12v25n1.pdf. Acesso em: 06/09/2017.

VIANA, M. O. et al. Avaliação de sinais e sintomas da disfunção temporomandibular e sua relação com a postura cervical. Revista de Odontologia da UNESP. Vol.44, n.3, Araraquara, May/June 2015. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-25772015000300125. . Acesso em: 06/09/2017.

WITTIG, D. S. et al. Prevalência de sinais e sintomas em pacientes com disfunção temporomandibular. Revista Científica JOPEF. v21_n 01. ISSN 1806-1508. ano2016. Disponível em http://www.revistajopef.com.br/revista_jopef_v21_numero01_ano2016.pdf. Acesso em 02/09/2017




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv4n5-120

Refbacks

  • There are currently no refbacks.