Câncer de colo de útero / Cervical Cancer

Ana Beatriz Barbosa Lopes, Barbara Silva Bravo, Maria Beatriz Tijolin, Priscila Luzia Pereira Nunes, Silvano Farias Dias Junior, Thalia Lenhani, Fernanda Biscaro de Carvalho

Abstract


O câncer de colo de útero é um problema de saúde pública que acomete inúmeras mulheres em todo o mundo e sua etiologia e patogenia estão intrinsecamente ligadas ao HPV, uma IST viral que, dependendo de seus subtipos, lesiona as células do cérvix uterino e a longo prazo induz a formação de neoplasias. O êxito quanto ao tratamento e a procura por um bom prognóstico da doença está relacionado ao tempo de instalação do câncer até a sua descoberta, pois quanto mais precoce for a identificação do problema, melhores, mais efetivas e eficazes são as alternativas de tratamento. Contudo, o acesso à saúde é uma questão difícil para muitos grupos femininos,fator que interfere negativamente no número de diagnósticos precoces e na cura que se torna cada vez mais remota à medida que o câncer evolui.


Keywords


Câncer De Colo De Útero, Prevenção, Tratamento.

References


ADORNO, A. F. et al. A utilidade da captura híbrida para o HPV de alto risco em pacientes com atipia de células escamosas na colpocitologia. Jornal Brasileiro de Patologia e Medicina Laboratorial: v. 56, p. 1-6, 2020.

ARAÚJO, David Felipe, et al. Análise de toxicidade hematológica e bioquímica da quimioterapia em mulheres diagnosticadas com câncer do colo do útero. Jornal Brasileiro de Patologia e Medicina Laboratorial, Rio de Janeiro, v. 56, 2020.

BUSKWOFIE, A., DAVID-WEST, G., CLARE, C. A. A Review of Cervical Cancer: Incidence and Disparities. Journal of the National Medical Association: v. 112, n. 6, 2020.

CAMPELO, Rômulo Costa et al. Teste de micronúcleo para detecção de instabilidade genômica em lesão cervical por papilomavírus humano/Micronucleus test to detect genomic instability in cervical lesion by human papillomavirus. Journal of Nursing and Health, v. 10, n. 2, 2020.

CORREIA, Rafaella Araújo et al. Disfunção sexual após tratamento para o câncer do colo do útero. Revista da Escola de Enfermagem da USP, São Paulo, v. 54, 2020.

CORREIA, Rafaella Araújo et al. Qualidade de vida após o tratamento do câncer do colo do útero. Escola Anna Nery, Rio de Janeiro, v. 22, n. 4, 2018.

HU, Zheng; MA, Ding. The precision prevention and therapy of HPV?related cervical cancer: new concepts and clinical implications. Cancer medicine: v. 7, n. 10, p. 5217-5236, 2018.

INSTITUTO NACIONAL DE CÂNCER (Brasil), Plano de ação para redução da incidência e mortalidade por câncer do colo do útero: sumário executivo/ Instituto Nacional de Câncer, Rio de Janeiro: INCA, 2010.

LIMA, Camila Vasconcelos Carnaúba e Póvoa, RANER Miguel Ferreira. Mulheres Submetidas à Quimioterapia e suas Funções Cognitivas. Revista Psicologia: Ciência e Profissão, Brasília-DF, v. 37, n. 04, 2017.

MARTINS, JUMARA MARTINS - Fatores associados à variação no comportamento e diâmetro vaginal após radioterapia pélvica para câncer de colo de uterino, Campinas - SP. 2016

MESQUITA, Anthagoras Dantas et al. Conhecimentos, atitudes e práticas de mulheres frente ao exame preventivo do câncer do colo uterino/Knowledge, attitudes and practices of women in the face of preventive cervical cancer test/Conocimiento, actitudes y practicas de mujeres en la cara.. Journal Health Npeps, v. 5, n. 1, p.

PAULA, Lívia Loamí Ruyz Jorge de. Comparação do itinerário diagnóstico de mulheres em tratamento de câncer do colo do útero usuárias do Sistema Único de Saúde e do Sistema de Saúde Suplementar. Tese (Doutorado)-Fundação Antônio Prudente. São Paulo,2018..

PIPPO, A. et al. Tabaquismo y género: conocimiento sobre enfermedades tabaco-dependientes en la mujer, entre usuarias hospitalizadas en hospitales públicos de Montevideo 2017. Revista Uruguaya de Medicina Interna: Montevideo, vol. 3, n. 2, jul. 2018.

PRIMO, W. Q. S. P.; SPECK, N. M. G.; ROTELI-MARTINS, C. M. Chamada para eliminar o câncer de colo de útero na próxima década com foco no Brasil. Revista Femina: v. 49, n. 1, p. 12-3, 2020.

PRIMO, W. Q. S. P.; SPECK, N. M. G.; ROTELI-MARTINS, C. M. Chamada para eliminar o câncer de colo de útero na próxima década com foco no Brasil. Revista Femina: v. 49, n. 1, p. 12-3, 2020.

RODRIGUEZ, J. et al. Fractales: ayuda diagnóstica para células preneoplásicas y cancerígenas del epitelio escamoso cervical confirmación de aplicabilidad clínica. Revista de la faculdad de medicina: vol. 24, n.1, Bogotá, Jan./Jun. 2016.

RODRIGUEZ, J. et al. Fractales: ayuda diagnóstica para células preneoplásicas y cancerígenas del epitelio escamoso cervical confirmación de aplicabilidad clínica. Revista de la faculdad de medicina: vol. 24, n.1, Bogotá, Jan./Jun. 2016.

ROLIM, Ana Emília Holanda, COSTA, Lino João e RAMALHO, Luciana Maria Pedreira. Repercussões da radioterapia na região orofacial e seu tratamento. Revista de Radiologia Brasileira, São Paulo, v. 44, n. 6, 2011.

ROZARIO, S. et al. Caracterização de mulheres com câncer cervical atendidas no Inca por tipo histológico. Revista de Saúde Pública: v. 53, n. 88, 2019.

ROZARIO, S. et al. Caracterização de mulheres com câncer cervical atendidas no Inca por tipo histológico. Revista de Saúde Pública: v. 53, n. 88, 2019.

SANTANA, Perla Machado. Retardo do tratamento de mulheres com câncer de colo de útero, Brasil. 79 f. il. Dissertação (Mestrado em Biotecnologia em Saúde e Medicina Investigativa) - Fundação Oswaldo Cruz, Instituto Gonçalo Moniz, Salvador, 2016.

SHRESTHA, Aamod Dhoj et al. Cervical Cancer Prevalence, Incidence and Mortality in Low and Middle Income Countries: A Systematic Review. Asian Pacific Journal of Cancer Prevention: v. 19, n. 2, 2018.

SILVA SANTOS, M. J.; ALVES RIBEIRO, A. Estratégias Utilizadas para Melhorar a Qualidade dos Exames Citopatológicos. Revista Brasileira de Cancerologia,16 mar. 2020.

SILVA, Carlos Gester Valiatti; MISSIATTO, Leandro Aparecido Fonseca; FEITOSA, Fabio Biasotto. Estratégias de Coping Utilizadas por Pacientes Oncológicos em uma Cidade do Interior da Amazônia Legal. Revista Brasileira de Cancerologia, v. 66, n. 4, 2020.

TALLON, B. et.al. Tendências da mortalidade por câncer de colo no Brasil em 5 anos (2012-2016). Revista Debate em Saúde: Rio de Janeiro, v. 44, n. 125, p. 362-

, ABR-JUN. 2020.

TALLON, B. et.al. Tendências da mortalidade por câncer de colo no Brasil em 5 anos (2012-2016). Revista Debate em Saúde: Rio de Janeiro, v. 44, n. 125, p. 362-371, ABR-JUN. 2020




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv4n4-159

Refbacks

  • There are currently no refbacks.