Utilização da caderneta de saúde da pessoa idosa na atenção primária: revisão integrativa / Use of the child's health chair in primary care: integrative review

Anny Gabrielle Mesquita Santiago, Ana Ofélia Portela Lima, Francisco Rodolfo Eufrásio da Silva, Francisca Andrea Marques de Albuquerque, Fátima Dayanne Wirtzbiki Ferreira, Maria Virginia Lopes dos Santos, Isana Sousa Gomes da Silva, Sabrina Maria Nascimento da Silva

Abstract


Analisar as evidências disponíveis na literatura sobre a utilização da Caderneta da Saúde da Pessoa Idosa (CSPI) na atenção primária. Metodologia: Revisão integrativa, realizada nas bases de dados BVS, Scielo e Google Acadêmico. Os critérios de inclusão foram: artigos em língua portuguesa, publicados nos últimos 10 anos, disponíveis na íntegra. Os descritores foram “Idoso”, “Caderneta de Saúde da Pessoa Idosa” e “Atenção primária à Saúde”. Selecionaram-se 07 artigos. A busca compreendeu o período de novembro de 2020. Resultado e Discussão: Constatou-se que 57% artigos eram com abordagem quantitativa. Foram estabelecidas duas categorias temáticas, a saber: a) Caderneta de saúde da pessoa idosa: ferramenta de cuidado e gestão; b) Entraves na implementação da caderneta. Conclusão: Conclui-se que há dificuldades na implementação da caderneta de saúde da pessoa idosa na Atenção Primária à Saúde. Tal fato se dá pela alta demanda de tarefas que os profissionais necessitam cumprir, causando-os desinteresse, pois os mesmos têm uma visão de que esse processo exigirá muito trabalho, mesmo sabendo da importância que a mesma tem no processo de saúde desses indivíduos.


Keywords


Caderneta de Saúde da Pessoa Idosa, Idoso, Atenção Primária à Saúde.

References


ALMEIDA, Cristina Vaz de. Modelo de comunicação em saúde ACP: As competências de comunicação no cerne de uma literacia em saúde transversal, holística e prática. Literacia em saúde na prática, p. 46-52, 2019. Disponível em: http://repositorio.ispa.pt/handle/10400.12/7662 Acesso em: 20 nov 2012.

ALVES, Viviane da Silva et al. Atuação dos profissionais da Estratégia Saúde da Família na prevenção de quedas no idoso. Geriatrics, Gerontology and Aging, v. 6, n. 1, p. 33-39, 2012. Disponivel em: http://ggaging.com/details/211/pt-BR Acesso em 17 nov. 2020

BALIEIRO, Vanessa do Socorro Lisboa et al. Utilização da caderneta do idoso como estratégia de consulta de enfermagem: um relato de experiência/Use of the older chair as a strategy for nursing consultation: an experience report. Brazilian Journal of Development, v. 6, n. 5, p. 31748-31766, 2020. Disponivel em https://www.brazilianjournals.com/index.php/BRJD/article/view/10757 Acesso em 17 nov. 2020

BRASIL. Ministério da Saúde. Portaria nº 2.528, de 19 de outubro de 2006. Aprova a Política Nacional de Saúde da Pessoa Idosa. Diário Oficial da União, Brasília, out. 2006. Seção 1, p.142. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2006/prt2528_19_10_2006.html Acesso em: 16 mar.2020.

BRASIL. Ministério da Saúde. PORTARIA Nº 2.669, DE 3 DE NOVEMBRO DE 2009. Estabelece as prioridades, objetivos, metas e indicadores de monitoramento e avaliação do Pacto pela Saúde, nos componentes pela Vida e de Gestão, e as orientações, prazos e diretrizes do seu processo de pactuação para o biênio 2010 - 2011. Diário Oficial da União, Brasília, abr. 2009. Seção 1, p. 58-60.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção À Saúde Departamento de Ações Programáticas Estratégicas. CADERNETA DE SAÚDE DA PESSOA IDOSA. 5. ed. Brasília: Ministério da Saúde, 2018a. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/caderneta_saude_pessoa_idosa_5ed.pdf Acesso em: 16 mar. 2020.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção À Saúde. Departamento de Ações Programáticas Estratégicas. Manual para utilização da Caderneta de Saúde da Pessoa Idosa. Brasília: Ministério da Saúde, 2018b. Disponível em: https://www.saude.gov.br/images/pdf/2019/abril/05/manual-utilizacao-caderneta-pessoa-idosa--9-.pdf Acesso em: 16 mar. 2020.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria Executiva. Departamento de Apoio à Descentralização. Coordenação-Geral de Apoio à Gestão Descentralizada. Diretrizes operacionais: pactos pela vida, em defesa do sus e de gestão. 2. ed. Brasília: Ministério da Saúde, 2006b. 1 v. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/PactosPelaVida_Vol1DiretOperDefesaSUSeGestao.pdf Acesso em: 1 jun. 2020.

DA SILVA, Terezinha Nunes; CHACON, Paula Ferreira. Caderneta de saúde da pessoa idosa como ferramenta de literacia para a saúde. Revista Família, Ciclos de Vida e Saúde no Contexto Social, v. 8, p. 1064-1070, 2020. Disponivel em: http://seer.uftm.edu.br/revistaeletronica/index.php/refacs/article/view/5023 Acesso em 17 nov. 2020

DE ALBUQUERQUE, Mário Roberto Tavares Cardoso et al. Caderneta de Saúde da Pessoa Idosa: Qualificando Agentes Comunitários de Saúde. Brazilian Journal of Health Review, v. 3, n. 5, p. 13315-13324, 2020. Disponivel em https://www.brazilianjournals.com/index.php/BJHR/article/view/17259 Acesso em 17 nov. 2020

FORTALEZA. Sistema de informação e monitoramento de doenças e agravos. CENSO IBGE 2010. Disponível em: http://www.tc1.sms.fortaleza.ce.gov.br/simda/simSinasc/pupulacaoSexoBairro. Acesso em: 20 nov 2012.

FRAZÃO, Paulo; NAVEIRA, Miguel. Prevalência de osteoporose: uma revisão crítica. Revista Brasileira de Epidemiologia, v. 9, p. 206-214, 2006. Disponivel em: https://www.scielosp.org/article/rbepid/2006.v9n2/206-214/pt/ Acesso em 20 nov. 2020

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) 2017. Brasília: IBGE, 2017. Disponível em: https://www.ibge.gov.br/estatisticas/sociais/trabalho/17270-pnad-continua.html?edicao=24437&%3Bt=sobre&t=o-que-e Acesso em: 3 jun. 2020.

MAIA, Evanira Rodrigues; BARROS, Terezinha Barbosa de; PAGLIUCA, Lorita Marlena Freitag. Facilidades e dificuldades na assistência ao idoso na estratégia de saúde da família. 2011. Disponivel em: http://repositorio.ufc.br/handle/riufc/4701 Acesso em 20 nov. 2020

MENDES, Karina Dal Sasso; SILVEIRA, Renata Cristina de Campos Pereira; GALVAO, Cristina Maria. Revisão integrativa: método de pesquisa para a incorporação de evidências na saúde e na enfermagem. Texto contexto - enferm., Florianópolis , v. 17, n. 4, p. 758-764, dez. 2008 . Disponível em http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-07072008000400018&lng=pt&nrm=iso . Acesso em 17 nov. 2020. https://doi.org/10.1590/S0104-07072008000400018.

MONTEIRO, Jefferson de Abreu et al. Perfil de idosos atendidos pelo programa de atenção à saúde do idoso em Belém, Pará. Geriatrics, Gerontology and Aging, v. 7, n. 1, p. 39-45, 2013. Disponivel em https://scholar.google.com.br/scholar?hl=pt-BR&as_sdt=0%2C5&q=Perfil+de+idosos+atendidos+pelo+Programa+de+Aten%C3%A7%C3%A3o+%C3%A0+Sa%C3%BAde+do+Idoso+em+Bel%C3%A9m%2C+Par%C3%A1.&btnG= Acesso em 17 nov. 2020

RAMOS, Luiza Vargens; OSÓRIO, Neila Barbosa; NETO, Luiz Sinésio. CADERNETA DE SAÚDE DA PESSOA IDOSA NA ATENÇÃO PRIMÁRIA: UMA REVISÃO INTEGRATIVA. Humanidades & Inovação, v. 6, n. 2, p. 272-280, 2019. Disponível em: https://revista.unitins.br/index.php/humanidadeseinovacao/article/view/1008 Acesso em 06 mar 2020.

ROCHA, Francisca Cecília Viana et al. Perfil de idosos assistidos por equipe da Estratégia Saúde da Família em Teresina, Piauí. Revista Interdisciplinar NOVAFAPI, Teresina, v. 4, n. 4, p. 36-41, 2011.. Disponivel em: https://revistainterdisciplinar.uninovafapi.edu.br/revistainterdisciplinar/v4n4/pesquisa/p6_v4n4.pdf Acesso em 17 nov. 2020

SCHMIDT, Alessandra et al. PREENCHIMENTO DA CADERNETA DE SAÚDE DA PESSOA IDOSA: RELATO DE EXPERIÊNCIA. SANARE-Revista de Políticas Públicas, v. 18, n. 1, 2019. Disponivel em: https://sanare.emnuvens.com.br/sanare/article/view/1310 Acesso em 17 nov. 2020

SILVA, Kelly Maciel; VICENTE, Fernanda Regina; SANTOS, Silvia Maria Azevedo dos. Consulta de enfermagem ao idoso na atenção primária à saúde: revisão integrativa da literatura. Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia, v. 17, n. 3, p. 681-687, 2014. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1809-98232014000300681&script=sci_arttext Acesso em: 20 nov 2012.

SILVA, Terezinha Nunes. Tendências de pesquisas sobre literacia em saúde: estudo bibliométrico. In: SABOGA-NUNES, Luís et al (org.). O papel da literacia para a saúde e educação para a saúde na promoção da saúde. Curitiba: CRV; 2019. p. 79-92.

UNITED NATIONS. Department of Economic and Social Affairs. World Population Ageing 2019: Highlights. New York: United Nations, 2019.

WHO. World Health Organization. Envelhecimento ativo: uma política de saúde. Brasília: Organização Pan-Americana da Saúde, 2005. Trad. Suzana Gontijo. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/envelhecimento_ativo.pdf Acesso em: 16 mar.2020.




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv4n4-003

Refbacks

  • There are currently no refbacks.