A influência da dieta na erosão dental: revisão de literatura/ The influence of diet on dental erosion: literature review

Rebeka Katharinne de Holanda Costa Carvalho, Thayse Roberta da Silva Lins, Jhulliana Vitorio dos Santos, Juniélyson Souza Hilário, João Victor Pinheiro Costa, Carlos Henrique Alécio de Vasconcelos Filho, João Pedro Matar Lemos, Maria Izabel de Mendonça Alves

Abstract


A erosão dental é caracterizada pela desmineralização da camada superficial do esmalte, seguido pela perda da estrutura dentária devido ao contato frequente com ácidos. Esse desgaste é facilmente confundido com a abrasão e a atrição, que também acometem a superfície dos dentes, porém têm origem através de processos físico mecânicos. A evolução do processo erosivo resulta em lesões que, concomitantemente, acarretam problemas estéticos e funcionais, incluindo efeitos psicossociais negativos. Devido a ingestão desmedida, do paciente, à alimentos ácidos, o acompanhamento e a supervisão da dieta relacionada a essa patologia são primordiais para uma etapa de prevenção, antes de intervir com algum procedimento restaurador. O método reparador, com materiais odontológicos, previne a progressão, porém, o tratamento não deve ser feito de forma isolada. O presente estudo consiste em uma revisão bibliográfica para construção de uma investigação proposta baseado em livros, artigos e revistas disponíveis nas bases de dados Scielo, PubMed, Google Acadêmico e Bireme-BVS, considerando que as adaptações na dieta do paciente têm grande influência nas causas e consequências do desgaste dental, existindo a necessidade de acompanhamento multiprofissional e especializado.


Keywords


Erosão Dentária, Desmineralização do Dente, Dieta.

References


HAMASHA, A. A. H; ZAWAIDEH, F.I.; AL-HADITHY, R. T. Risk Indicators Associated With Dental Erosion Among Jordanian School Aged 12-14 Years of Age. Int J Paediatr Dent., v. 24, n. 1, p. 56-68, 2014.

SOUZA, B. C. Erosão dentária em paciente atleta: artigo de revisão. Rev. Bras. Odontol., v. 74, n. 2, p. 155-161, 2017.

MORETTO, M. J. et al. Effect of Different Fluoride Concentrations of Experimental Dentifrices on Enamel Erosion and Abrasion. Caries Res., v. 44, n. 2, p. 135-140, 2010.

MORETTO, M. J. Erosão dentária provocada por bebidas ácidas. Rev. Saúde Multidisciplinar., v. 4, n. 1, p. 98-107, 2017.

MORIMOTO, S. Erosão Dental: Etiologia, mecanismo e implicações. Journal of Biodentistry and Biomaterials., v. 4, n. 1, p. 6-23, 2014.

SALAS, M. M. S. et al. Erosão dentária na dentição permanente: epidemiologia e diagnóstico. RFO, v. 20, n. 1, p. 126-134, 2015.

TUNÃS, I. T. C. et al. Erosão dental ocupacional: aspectos clínicos e tratamento. Rev. bras. odontol., v. 73, n. 3, p. 206-11, 2016.

CATELAN, A.; GUEDES, A. N. A.; SANTOS, P. H. Erosão dental e suas implicações sobre a saúde bucal. RFO, v. 15, n. 1, p. 83-86, 2010.

ASSIS, C. D.; BARIN. C. S.; ELLENSOHN. R. M. Estudo do potencial de erosão dentária de bebidas ácidas. Cient Ciênc Biol Saúde, v. 13, n. 1, p. 11-15, 2011.

TREMEA, G; PATUSSI, A. S.; CONDE, S. R. Relação entre o consumo de alimentos ácidos com a erosão dentária. Rev. Ciênc. Saúde, v. 18, n. 1, p. 32-36, 2016.

BORJIAN, A. et al. Pop-cola acids and tooth erosion: an in vitro, in vivo, electron-microscopic, and clinical report. International journal of dentistry, v. 2010, p. 1-12, 2010.

PEZZOTTI, G. Vibrational monitor of early demineralization in tooth enamel after in vitro exposure to phosphoridic liquid. Spectrochimica Acta Part A: Molecular and Biomolecular Spectroscopy 173, p. 19-33, 2017.

CARVALHO, T. et al. Consensus report of the European Federation of Conservative Dentistry: erosive tooth wear—diagnosis and management. Clinical oral investigations, v. 19, n. 7, p. 1557-1561, 2015.

KANZOW, P. et al. Etiology and pathogenesis of dental erosion. Quintessence international, v. 47, n. 4, 2016.

CARVALHO, T. S.; LUSSI, A. Acidic Beverages and Foods Associated with Dental Erosion and Erosive Tooth Wear. The Impact of Nutrition and Diet on Oral Health, v. 28, p. 91-98, 2020.

SOARES, P. V. Lesões Cervicais não-cariosas e hipersensibilidade. Revista PET Odonto Ciência e Saúde, v. 3, p. 14-18, 2015.

MESSIAS, D. C. F; SERRA, M. C.; TURSSI, C. P. Estratégias para prevenção e controle da erosão dental. RGO, v. 59, p. 07-13, 2011.

BARTLETT, D.; GANSS, C.; LUSSI, A. Basic Erosive Wear Examination (BEWE): a new scoring system for scientific and clinical needs. Clinical oral investigations, v. 12, n. 1, p. 65-68, 2008.

MALTZ, M. et al. Cariologia: Conceitos Básicos, Diagnóstico e Tratamento Não Restaurador. 1ª. ed. São Paulo: Artes Médicas, 2016.




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv4n3-290

Refbacks

  • There are currently no refbacks.