Contribuição do farmacêutico clínico no processo de transição de cuidados do idoso / Contribution of the clinical pharmacist in the transition process of care of the elderly

Luciana dos Santos Moreira, Nayara Fabiola Marciel dos Santos, Sabrine Kramer, Bruno Gedeon de Araujo, Clayton Franco Moraes

Abstract


O envelhecimento da população com múltiplas morbidades e medicamentos traz consigo desafios consideráveis para a saúde e a sociedade em termos de reações adversas a medicamentos e outros problemas relacionados aos medicamentos (PRM). Desse modo, o processo de intervenções do farmacêutico clínico direcionadas às transições de cuidado do idoso na alta hospitalar, têm sido enfatizadas como uma área-chave para melhorar a segurança do paciente. Assim, o presente trabalho teve como objetivo descrever a contribuição do farmacêutico no processo de transição de cuidados do idoso. Dessa forma, foi realizada uma revisão narrativa de literatura, através de uma análise que compreende um tratamento qualitativo, fundamentada em livros, artigos científicos, revistas e sites atuais que englobam o tema proposto. O banco de dados para busca dos artigos eletrônicos foi o portal BVS e o Google acadêmico, priorizando também os dados do Instituto Brasileiro de pesquisa demográfica (IBGE), pesquisa no banco de dados do Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde (DATASUS) e o Conselho Federal de Farmácia (CFF). Os resultados do estudo sugerem que as intervenções que fazem a transição do cuidado do idoso e apoiam a continuidade da medicação de pacientes mais velhos e que incluíram autocuidado, acompanhamento e atividade de conciliação de medicamentos foram mais prováveis de serem eficazes e possuem um maior impacto na redução da readmissão hospitalar. Conclui-se a importância do farmacêutico no sentido de promover uma maior adesão ao tratamento farmacológico, contribuindo assim, para o uso correto e racional de medicamentos.


Keywords


Idosos, Transição de Cuidado, Alta do Paciente, Polifarmácia, Farmacêutico.

References


ARAUJO, Bruno Gedeon et al. Farmacoterapia do paciente idoso. BIUS-Boletim Informativo Unimotrisaúde em Sociogerontologia, v. 18, n. 12, p. 1-14, 2020.

ARAUJO, Bruno Gedeon; MORAES, Clayton Franco; DA FONSECA, Kárita Almeida. Prevalência do uso de medicamentos potencialmente inapropriados ao idoso no Brasil: uma revisão sistemática. Revista Kairós: Gerontologia, v. 22, n. 4, p. 119-139, 2019.

BELLONE, Jessica M; BARNER, Jamie C; LOPEZ, Debra A. Postdischarge interventions by pharmacists and impact on hospital readmission rates. p. 358–362, 2015.

CALVO-SALAZAR, Rosa Alexandra et al. Drug-related problems causing hospital admissions in the emergency rooms at of high complexity hospital. Farmacia Hospitalaria, v. 42, n. 6, p. 228–233, 2018.

CFF. Conselho Federal de Farmácia. Serviços farmacêuticos diretamente destinados ao paciente, à família e à comunidade: contextualização e arcabouço conceitual. Brasília: Conselho Federal de Farmácia, v. 200, 2016.

DATASUS. Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde. Sistemas de Informações Hospitalares (SIH-SUS).2020. Disponível em: https://censo2010.ibge.gov.br/noticiascenso.html?busca=1&id=1&idnoticia=1272&t=ibge-populacao-brasileira-envelhece-ritmo-ac&view=noticia. Acesso em: 25 de mar. 2021.

DESEVO, Gina; KLOOTWYK, Jacqueline. Pharmacological issues in the management of chronic diseases. Primary Care: Clinics in Office Practice, v. 39, n. 2, p. 345-362, 2012.

DOMINGUES, Paulo Henrique Faria et al. Prevalência e fatores associados à automedicação em adultos no Distrito Federal: estudo transversal de base populacional. Epidemiologia e Serviços de Saúde, v. 26, p. 319-330, 2017.

ENSING, Hendrik T. et al. Patient-pharmacist communication during a post-discharge pharmacist home visit. International journal of clinical pharmacy, v. 40, n. 3, p. 712-720, 2018.

FIGUEIREDO, Tacita Pires de et al. Análise das intervenções realizadas na alta hospitalar de idosos acompanhados em serviço de orientação e referenciamento farmacoterapêutico. Revista de APS, v. 19, n. 3, p. 376–383, 2016.

FLESCH, Letícia Decimo; ARAUJO, Tereza Cristina Cavalcanti Ferreira de. Alta hospitalar de pacientes idosos: Necessidades e desafios do cuidado contínuo. Estudos De Psicologia. Puc De Campinas, v. 19, n. 3, p. 227 - 236, 2014.

GONZÁLEZ, Fcas Julieta; ROUSSEAU, Marcela. Conciliación farmacoterapéutica en las áreas de transición en la atención del paciente en un hospital pediátrico de alta complejidad. Medicina Infantil, v. 23, n. 1, p. 24-31, 2016.

GIMENES, Fernanda Raphael Escobar et al. Patient safety in drug therapy and the influence of the prescription in dose errors. Revista latino-americana de enfermagem, v. 18, n. 6, p.1055-1061, 2010.

GUPTA, Shailvi; PERRY, Justin A; KOZAR, Rosemary. Transições de cuidado em medicina geriátrica. Clinics in geriatric medicine, v. 35, n. 1, pág. 45-52, 2019.

HEIM, Noor et al. The development, implementation and evaluation of a transitional care programme to improve outcomes of frail older patients after hospitalisation. Age and ageing, v. 45, n. 5, p. 643-651, 2016.

HESTEVIK, Christine Hillestad et al. Older persons’ experiences of adapting to daily life at home after hospital discharge: a qualitative metasummary. BMC health services research, v. 19, n. 1, p. 1-13, 2019.

IBGE. Instituto Nacional de Geografia e Estatística. Sistema IBGE de Recuperação Automática – SIDRA. 2008. Disponível em: https://sidra.ibge.gov.br/tabela/2530. Acesso em: 30 de mar. 2021.

IBGE. Instituto Nacional de Geografia e Estatística. Censo 2010. 2010. Disponível em: https://censo2010.ibge.gov.br/noticiascenso.html?busca=1&id=1&idnoticia=1272&t=ibge-populacao-brasileira-envelhece-ritmo-ac&view=noticia. Acesso em: 25 de mar. 2021.

KENNELTY, Korey A. et al. Barriers and facilitators of medication reconciliation processes for recently discharged patients from community pharmacists' perspectives. Research in social and Administrative Pharmacy, v. 11, n. 4, p. 517-530, 2015.

MACKRIDGE, Adam J. et al. Cross‐sectional survey of patients’ need for information and support with medicines after discharge from hospital. International Journal of Pharmacy Practice, v. 26, n. 5, p. 433-441, 2018.

MARQUES, Liete de Fátima Gouveia; ROMANO-LIEBER, Nicolina Silvana. Estratégias para a segurança do paciente no processo de uso de medicamentos após alta hospitalar. Physis: Revista de Saúde Coletiva, v. 24, p. 401-420, 2014.

MASTROIANNI, Patricia; VARALLO, Fabiana Rossi. Farmacovigilância para promoção do uso correto de medicamentos. Porto Alegre: Artmed Editora, 2013.

MORAL, Roger Ruiz et al. Effectiveness of motivational interviewing to improve therapeutic adherence in patients over 65 years old with chronic diseases: a cluster randomized clinical trial in primary care. Patient education and counseling, v. 98, n. 8, p. 977-983, 2015.

NEVES, Sabrina Joany Felizardo et al. Epidemiologia do uso de medicamentos entre idosos em area urbana do Nordeste do Brasil. Rev. Saúde Pública, São Paulo, v. 47, n. 4, p. 759-768, Aug. 2013.

PELLEGRIN, Karen L. et al. Reductions in medication‐related hospitalizations in older adults with medication management by hospital and community pharmacists: a quasi‐experimental study. Journal of the American Geriatrics Society, v. 65, n. 1, p. 212-219, 2017.

PINTO, Isabela Vaz Leite; CASTRO, Mariza dos Santos; REIS, Adriano Max Moreira. Descrição da atuação do farmacêutico em equipe multiprofissional com ênfase no cuidado ao idoso hospitalizado. Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia, v. 16, n. 4, p. 747-758, 2013.

PINTO, Vanusa Barbosa. Armazenamento e distribuição: o medicamento também merece cuidados. Uso Racional de Medicamentos: fundamentação em condutas terapêuticas e nos macroprocessos da Assistência Farmacêutica, Braz. J. Hea. Ver, v. 1, n. 12, p. 1-7, 2016.

RIBAS, Carlise; OLIVEIRA, Karla Renata de. Perfil dos medicamentos prescritos para idosos em uma Unidade Básica de Saúde do município de Ijuí-RS. Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia, v. 17, n. 1, p. 99-114, 2014.

SANTOLAYA-PERRÍN, Rosario et al. A randomised controlled trial on the efficacy of a multidisciplinary health care team on morbidity and mortality of elderly patients attending the Emergency Department. Study design and preliminary results. Farm Hosp, v. 40, n. 5, p. 371-384, 2016.

SILVA, Luiz Inácio Lula da; SILVA, Paulo Bernardo. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE. Indicadores Sociodemográficos e de Saúde no Brasil. Rio de Janeiro: Fundação Oswaldo Cruz - Fiocruz, 2009.

SCHLENDER, J-F. et al. Current strategies to simplify pharmacotherapy for the elderly. European Journal of Pharmaceutical Sciences, v.111, p. 432-442, 2018.

STITT, Danielle M.; ELLIOTT, David P.; THOMPSON, Stephanie N. Medication discrepancies identified at time of hospital discharge in a geriatric population. The American journal of geriatric pharmacotherapy, v. 9, n. 4, p. 234-240, 2011.

VALVERDE, E. et al. Conciliación de la medicación: desde el ingreso hasta la atención primaria. Revista de Calidad Asistencial, v. 31, p. 62-65, 2016.

WASTESSON, Jonas W. et al. An update on the clinical consequences of polypharmacy in older adults: a narrative review. Expert opinion on drug safety, v. 17, n. 12, p. 1185-1196, 2018.

WAHLICH, John; STEGEMANN, Sven; ORLU-GUL, man. Meeting comment - "Medicines for older adults: Learning from practice to develop patient-centered medications". International Journal of Pharmaceuticals, Vol. 456, n. 1, p. 251-257, 2013.

WITTICKE, Diana et al. Opportunities to reduce medication regimen complexity. Drug safety, v. 36, n. 1, p. 31-41, 2013.

WIMMER, Barbara Caecilia et al. Polypharmacy and complexity of the medication regimen as factors associated with the destination of hospital discharge in the elderly: a prospective cohort study. Drugs and aging, v. 31, n. 8, p. 623-630, 2014.

ZAKRZEWSKI-JAKUBIAK, Hubert et al. Detection and prevention of drug–drug interactions in the hospitalized elderly: utility of new cytochrome P450–based software. The American journal of geriatric pharmacotherapy, v. 9, n. 6, p. 461-470, 2011.




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv4n3-234

Refbacks

  • There are currently no refbacks.