Sistematização da assistência de enfermagem – obstaculos para sua implementação / Systematization of nursing assistance - obstacles for its implementation

Maria Laura Beatriz Nascimento Cardoso, Stefany Valery Gomes dos Santos, Vitória Sandrielle Santos Silva, Luana Ruthiele Chagas Lucena, Karla Virgínia da Nóbrega Novais Vieira, Gidelson Gabriel Gomes

Abstract


A Sistematização da Assistência de Enfermagem (SAE) constitui uma importante ferramenta para a construção de cuidados de enfermagem individualizados e efetivos, sendo sua correta aplicabilidade de suma importância para desenvolver o raciocínio clínico do enfermeiro e melhor organização do trabalho em equipe. O presente estudo objetiva identificar quais obstáculos são comumente encontrados para a implantação da Sistematização de Enfermagem pelos enfermeiros na assistência ao paciente. Trata-se de um estudo descritivo do tipo revisão integrativa de literatura, realizado através de pesquisa eletrônica de artigos que abordavam diretamente o tema, publicados entre 2008 a 2020. Conclui-se que o profissional enfermeiro diante da sistematização da assistência de enfermagem, compreende tal método cientifico como importante e que é seu dever planejar e juntamente com sua equipe colocá-lo em prática não excluindo nenhuma das etapas desse processo, porém o excesso de atribuições e a complexidade do processo em si impedem que o mesmo seja realizado de forma completa e regular.


Keywords


Relações Enfermeiro-Paciente, Assistência de Enfermagem, Processo de Enfermagem.

References


CIANCIARULLO, T. I. Sistema de Assistência de Enfermagem: evolução e tendências. 4. ed. São Paulo: Ícone, 2008.

DURAN E.C.M, TOLEDO V.P. Análise da produção do conhecimento em processo de enfermagem: estudo exploratório-descritivo. Rev gaúch enferm [Internet]. 2011 June [cited 2013 July 25]; 32(2):234-40. Available from: http://seer.ufrgs.br/RevistaGauchadeEnfermagem/article/view/16153/12766

HORTA, W.A. Processo de enfermagem. São Paulo (SP): Guanabara Koogan; 2011.

FREIRE E.M.R, CARVALHO C.C, Resck ZMR. Sistematização da assistência de enfermagem no processo de trabalho hospitalar: Uma revisão integrativa. Revista eletrônica acervo saúde [Internet]. 2012 [cited 2013 July 25];4(2):308-26. Available from: http://acervosaud.dominiotemporario.com/doc/artigo_024.pdf

MARTINO, M.M.F. et al. Análise da aplicação do processo de enfermagem em um hospital governamental. Revista enfermagem UFPE online, Recife, 8(5): 1247-53, Maio, 2014.

MOREIRA V. et al. Sistematização da Assistência de Enfermagem: desafios na sua implantação. InterScientia, João Pessoa, v.1, n.3, p.60-79, set./dez. 2013

MUNIZ D.C,ANDRADE E.G.S, SANTOS W.L.S. A saúde do enfermeiro com sobrecarga de trabalho. Ver Inic Cient Ext 2019; 2(Esp.2): 274-9)

NANDA-I. Diagnósticos de Enfermagem da NANDA Internacional: Definição e classificação 2012-2014. Artmed, Porto Alegre, 2013.

Portal do Cofen - Conselho Federal de Enfermagem. Resolução COFEN-358/2009. Maio, 2009. Acessado em: 25/04/2020.

SILVA E.G.C, OLIVEIRA V.C, NEVES G.B.C, Guimarães TMR. O conhecimento do enfermeiro sobre a Sistematização da Assistência de Enfermagem: da teoria à prática. Rev Esc Enferm USP 2011; 45 (6):1380-6 (acesso em: www.ee.usp.br/reeusp/).

SOUZA M.F.G, SANTOS A.D.B, MONTEIRO A.I. O processo de enfermagem na concepção dos profissionais de Enfermagem de um hospital de ensino. Rev Bras Enferm, Brasília 2013 mar-abr; 66(2): 167-73.




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv4n3-120

Refbacks

  • There are currently no refbacks.