Experiência de cárie em crianças e adolescentes com transtorno do espectro autista e fatores associados / Caries experience in children and adolescents with autistic spectrum disorder and associated factors

Hiuryellen da Silva Xavier, Anna Carolina Silva Cavalcanti, Ana Carolina Pereira Gomes, Rui Gonçalves da Luz Neto, Hittalo Carlos Rodrigues de Almeida, Mônica Vilela Heimer, Sandra Conceição Maria Vieira

Abstract


Objetivo: Conhecer os fatores associados à experiência de cárie em crianças e adolescentes com Transtorno do Espectro Autista (TEA). Método: Foi realizada uma revisão integrativa da literatura nas bases de dados eletrônicas PubMed, Lilacs e Medline via portal Biblioteca Virtual de Saúde – BVS. Foram utilizados os seguintes descritores: (tw:(Transtorno do Espectro Autista)) AND (tw:(Transtorno Autístico OR Autismo)) AND (tw:(Cárie Dentária OR Cárie Dental OR Cáries OR Cáries Dentais OR Cáries Dentárias OR Dente Cariado)), em português e inglês. Critério de inclusão: estudos transversais, ensaios clínicos randomizados e caso-controle nos idiomas inglês e português, publicados no período de 2009 a 2019 e limite de idade até 19 anos. Critérios de exclusão: relatos de casos, revisões de literatura, teses, dissertações, estudos com animais e os que não respondiam à pergunta norteadora. Resultados: Dos 46 artigos encontrados, 08 foram incluídos nesta revisão. Fatores como alterações nos componentes salivares, défice na higiene oral e seletividade alimentar foram relacionados a doença cárie. Conclusão: Indivíduos com TEA estão expostos a diversos fatores predisponentes a cárie, tais como: déficit na higienização, seletividade alimentar, hipersensibilidade, alterações comportamentais e dificuldade nos atendimentos. Porém dentre os estudos que retrataram menor impacto referente a experiência de cárie, estes apontam fatores relacionados a condições intrínsecas e composição salivar, como de proteção, assim diante das controvérsias em relação a prevalência de cárie, atualmente, e aos diversos fatores apontados que justificam os achados dos autores se faz necessário mais estudos que avaliem as condições de saúde bucal nessa população.


Keywords


Transtorno do Espectro Autista, Transtorno Autístico, Cárie Dentária.

References


ALMEIDA, C.M.D; ALBURQUEQUE, K. Autismo: Importância da Detecção e Intervenção Precoce. Revista Científica Multidisciplinar Núcleo do Conhecimento, v.1, p.488-502, abril. 2017.

BASSOUKOU IH, J NICOLAU, SANTOS MT. Saliva taxa de fluxo, a capacidade de tampão e pH de pessoas autistas. Clin Investig oral. 2009; 13: 23-7.

BHANDARY. S; HARI, N. Salivary biomarker levels and oral health status of children with autistic spectrum disorders: a comparative study. Eur Arch Paediatr Dent (2017) 18:91–96.

CARUZO, V.C.; RODRIGUES L.M.S.; TAVARES MM. Importância do conhecimento dos enfermeiros sobre o autismo e suporte familiar: relato de experiência. Seminários: Mostra de TCC da Enfermagem, USS, 2015; 6 (2): 8.

FAKROON, S.; ARHEIAM, A.; OMAR, S. Dental caries experience and periodontal treatment needs of children with autistic spectrum disorder. European Archives Of Paediatric Dentistry, [s.l.], v. 16, n. 2, p.205-209, 11 nov. 2014. Springer Science and Business Media LLC. http://dx.doi.org/10.1007/s40368-014-0156-6.

JABER MA. Dental caries experience, oral health status and treatment needs of dental patients with autismo. J Appl Sci oral. 2011; 19 (3): 212-7.

LAM, A. G. Elements in bucal health programs. State Dent, Nova York, v. 80, n. 2, p.26-30, mar. 2014.

MARIANA C. MORALES-CHÁVEZ. Oral Health Assessment of a Group of Children with Autism Disorder. The Journal of Clinical Pediatric Dentistry Volume 41, Number 2/2017.

MINTZ M. Evolution in the understanding of autism spectrum disorder: historical perspective. Indian J Pediatr. 2017 Jan 7;84(1):44-52. doi: https://doi.org/10.1007/s12098-016-2080-8

MORALES-CHÁVEZ MC; VILLARROEL-DORREGO M; SALAS V. Salivary Factors Related to Caries in Children with Autism. The Journal of Clinical Pediatric Dentistry Volume 43, Number 1/2019 doi 10.17796/1053-4625-43.1.5 1.

MSD, Stephen Brian Sulques, Transtorno do espectro autista, 2019. Disponível em: https://www.msdmanuals.com/pt-br/profissional/pediatria/dist%C3%BArbios-de-aprendizagem-e-desenvolvimento/transtornos-do-espectro-autista

MOYNIHAN, Paula; KELLY, Sarah M. Effect on caries of restricting sugars intake: systematic review to inform WHO guidelines. Journal Of Dental Research, v. 93, n. 1, p.8-18, 1 jan. 2014.

ONOL S, KIRZIO?LU Z. Evaluation of oral health status and influential factors in children with autism. Niger J Clin Pract 2018;21:429-35.

ORGANIZAÇÃO PAN-AMERICANA DE SAÚDE/ ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DE SAÚDE – OPAS/OMS. Folha informativa - Transtorno do espectro autista. atualizada em abril de 2017

SANT’ANNA, F. et al. Atenção à saúde bucal do paciente autista. Revista Pró- UniverSUS. 2017 Jan./Jun.; 08 (1): 67-74.

SHEIHAM, Aubrey; JAMES, William. Diet and Dental Caries: The Pivotal Role of Free Sugars Reemphasized. Journal Of Dental Research, v. 94, n. 10, p.1341-1347, 10 ago. 2015.

SILVA, et al. Oral health status of children and young adults with autism spectrum disorders: systematic review and meta-analysis. International Journal Of Paediatric Dentistry, [s.l.], v. 27, n. 5, p.388-398, 31 out. 2016. Wiley. http://dx.doi.org/10.1111/ipd.12274

SUBRAMANIAM P; GUPTA M. Oral Health Status of Autistic Children in India. The Journal of Clinical Pediatric Dentistry Volume 36, Number 1/2011.

VARELLIS, M.L.Z.; DUARTE, C.A.; MOREIRA L.A. O paciente com necessidades especiais na Odontologia: Manual prático. São Paulo: Santos, 2005.

ZINK, A. G et al. Use of a Picture Exchange communication system for preventive procedures in individuals with autism spectrum disorder: pilot study. Special Care Dentistry Association and Wiley Periodicals, 2016. DOI: 10.111/Scd. 12183




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv4n2-316

Refbacks

  • There are currently no refbacks.