Incentivo às habilidades culinárias e ao consumo de comida de verdade como estratégia de educação alimentar e nutricional no ambiente de trabalho / Incentive to culinary skills and the consumption of real food as a strategy for food and nutritional education in the workplace

Yassana Marvila Girondoli, Carla Igreja Campos Rosseto, Mirian Cardoso de Rezende Soares, Sandra Gonçalo Pereira

Abstract


O ambiente de trabalho consiste num espaço propício para a realização de diversas atividades de educação em saúde, bem como promover a educação alimentar e nutricional. Nesse contexto, a equipe multiprofissional da Coordenadoria de Atenção à Saúde do Servidor (CASS) em parceria com a Assessoria de Comunicação Social do Instituto Federal do Espírito Santo (IFES), realizaram a Semana da Alimentação Saudável. O objetivo dessa atividade foi desenvolver ações de educação alimentar e nutricional com os servidores do IFES e incentivá-los a praticarem suas habilidades culinárias. O evento ocorreu nos dias 08 e 11 de outubro de 2018, durante o horário de trabalho dos servidores. O primeiro encontro consistiu num diálogo com os servidores e a apresentação de uma palestra com o tema “Comida de Verdade: Mitos e Verdades sobre a Alimentação Saudável”, baseado nos princípios do Guia Alimentar para a População Brasileira de 2014. O segundo encontro aconteceu no refeitório da Reitoria, onde todas as preparações culinárias feitas pelos próprios servidores foram apresentadas e compartilhadas pelo grupo. O evento contou com a participação de 26 servidores no primeiro encontro e 20 servidores no segundo. Foram compartilhadas 12 preparações culinárias e cada servidor e/ou grupo de servidores apresentou suas receitas, relatando as principais dificuldades e habilidades percebidas na experiência de “colocar a mão na massa”. Ao final das apresentações fizemos uma degustação dos alimentos. A partir desse trabalho foi elaborado o ebook “Livro de Receitas do Desafio Culinário” e divulgado no site institucional para todos os servidores do IFES. Diante disso, percebe-se que levar educação alimentar e nutricional aos servidores do IFES foi um passo muito importante e necessário para aproximá-los do contexto da Segurança Alimentar e Nutricional e permitir que o Direito Humano à Alimentação Adequada também seja incentivado no contexto da saúde ocupacional.


Keywords


saúde do trabalhador, equipe multiprofissional de saúde, alimentação saudável, hábitos alimentares, promoção da saúde.

References


BARBOSA, L. B. et al. Estudos de avaliação do conhecimento nutricional de adultos: uma revisão sistemática. Ciênc. saúde coletiva, Rio de Janeiro, 21 (2): 449-462, 2016. Disponível em: https://www.scielosp.org/pdf/csc/2016.v21n2/449-462/pt . Acesso em: 18 de fevereiro de 2021.

BRASIL. Ministério da Saúde. Guia alimentar para a população brasileira, 2ª edição. 2014.

DIEZ-GARCIA, R. W.; CASTRO, I. R. R. A culinária como objeto de estudo e de intervenção no campo da Alimentação e Nutrição. Ciênc. saúde coletiva, Rio de Janeiro, 16 (1): 91-98, 2011. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232011000100013&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 18 de fevereiro de 2021.

FRANÇA, C. J.; CARVALHO, V. C. H. S. Estratégias de educação alimentar e nutricional na Atenção Primária à Saúde: uma revisão de literatura. Saúde Debate, Rio de Janeiro, 41(114), 932-948, 2017. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/sdeb/v41n114/0103-1104-sdeb-41-114-0932.pdf. Acesso em: 12 de fevereiro de 2021.

GUILHERME, R. C. et al. Alimentação do Trabalhador: uma avaliação em indústrias no nordeste do Brasil. Ciênc. saúde coletiva, Rio de Janeiro , 25 (10), 4013-4020, 2020. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232020001004013&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 17 de fevereiro de 2021.

MENEZES, M. F. G.; MALDONADO, L. A. Do nutricionismo à comida: a culinária como estratégia metodológica de educação alimentar e nutricional. Revista HUPE, Rio de Janeiro, 14 (2): 82-89, 2015. Disponível em: https://www.e-publicacoes.uerj.br/index.php/revistahupe/article/view/19950/19546. Acesso em: 22 de fevereiro de 2021.

OLIVEIRA, M. S. S.; SANTOS, L. A. S. Guias alimentares para a população brasileira: uma análise a partir das dimensões culturais e sociais da alimentação. Ciênc. saúde coletiva, Rio de Janeiro, 25 (7), 2519-2528, 2020. Disponível em: https://www.scielosp.org/article/csc/2020.v25n7/2519-2528/. Acesso em: 22 de fevereiro de 2021.

RAVANGE, J. G. et al. Segurança Alimentar e Nutricional e comportamento de usuários em Unidades de Alimentação e Nutrição. Braz. J. Hea. Rev, Curitiba, 3 (6): 19414-19424, 2020. Disponível em: https://www.brazilianjournals.com/index.php/BJHR/article/view/22117/17662. Acesso em: 12 de fevereiro de 2021.

SOARES, T. C. et al. Ações de Educação Alimentar e Nutricional para oficiais do Exército Brasileiro: um relato de experiência. Res., Soc. Dev. 8 (2): e1682631, 2019. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/330921863_Acoes_de_Educacao_Alimentar_e_Nutricional_para_oficiais_do_Exercito_Brasileiro_um_relato_de_experiencia. Acesso em: 11 de fevereiro de 2021.




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv4n2-284

Refbacks

  • There are currently no refbacks.