Ansiedade e estresse na residência multiprofissional em saúde / Anxiety and stress in multiprofessional residency in healthcare

Kelly Yukari Teruya, Cibelli Rizzo Cohrs, Satomi Mori Hasegawa, Vanessa Yukie Kita, Carla Roberta Monteiro Miura

Abstract


Objetivo: Identificar as evidências mais recentes sobre ansiedade e/ou estresse na residência multiprofissional em saúde encontradas na literatura. Método: trata-se de um estudo de revisão integrativa da literatura. A busca e seleção dos artigos foram realizadas entre o final de janeiro de 2020 ao final de fevereiro do mesmo ano, e abrangeram obras de 2005 a 2020. Foram incluídos estudos disponíveis na íntegra e on-line, em português, inglês ou espanhol, e excluídos aqueles que não responderam à pergunta norteadora ou cuja amostra não era referente a residentes multiprofissionais. Foram utilizados os seguintes descritores: (ansiedade OR estresse psicológico) AND “internato não médico”; (anxiety OR stress, psychological) AND “nonmedical internship”; (ansiedad OR estrés psicológico) AND “internato no médico”. Resultados: inicialmente identificaram-se 42 artigos, sendo a amostra final composta por seis artigos. Conclusão: de um modo geral, a residência multiprofissional apresenta diversos fatores que contribuem para o surgimento do estresse e/ou ansiedade no residente. Assim, ressalta-se a necessidade de mais estudos sobre o tema que contribuam para a elaboração de estratégias para minimizá-los.


Keywords


Ansiedade, Estresse psicológico, Internato não médico

References


BRASIL. Resolução CNRMS n. 2, de 13 de abril de 2012. Dispõe sobre Diretrizes Gerais para os Programas de Residência Multiprofissional e em Profissional de Saúde. Diário Oficial da União; Poder Executivo. 2012 abr 16; Seção I:24-25.

Sanches VS, Ferreira P de M, Veronez AV, Koch R, Souza AS de, Cheade M de FM, et al. Burnout e Qualidade de Vida em uma Residência Multiprofissional: um Estudo Longitudinal de Dois Anos. Rev Bras Educ Médica. setembro de 2016;40(3):430–6. doi: 10.1590/1981-52712015v40n3e01022015.

Cellini MM, Serwint JR, Chaudron LH, Baldwin CD, Blumkin AK, Szilagyi PG. Availability of Emotional Support and Mental Health Care for Pediatric Residents. Acad Pediatr. maio de 2017;17(4):424–30. doi: 10.1016/j.acap.2017.01.011.

Alosaimi FD, Kazim SN, Almufleh AS, Aladwani BS, Alsubaie AS. Prevalence of stress and its determinants among residents in Saudi Arabia. Saudi Med J. maio de 2015;36(5):605–12. doi: 10.15537/smj.2015.5.10814.

Lourenção LG, Teixeira PR, Gazetta CE, Pinto MH, Gonsalez EG, Rotta DS, et al. Níveis de Ansiedade e Depressão entre Residentes de Pediatria. Rev Bras Educ Médica. dezembro de 2017;41(4):557–63. doi: 10.1590/1981-52712015v41n4rb20160092.

Lourenção LG, Moscardini AC, Soler ZASG. Saúde e qualidade de vida de médicos residentes. Rev Assoc Médica Bras. 2010;56(1):81–91. doi: 10.1590/S0104-42302010000100021.

Faro A, Pereira ME. Estresse: Revisão Narrativa da Evolução Conceitual, Perspetivas Teóricas e Metodológicas. Psicol Saúde Amp Doenças. março de 2013;14(1):78–100.

Clark DA, Beck AT. Terapia cognitiva para os transtornos de ansiedade. Porto Alegre: Artmed; 2012.

Manual diagnóstico e estatístico de transtornos mentais. 5ª edição. Porto Alegre: Artmed; 2014.

Souza MT de, Silva MD da, Carvalho R de. Integrative review: what is it? How to do it? Einstein São Paulo. março de 2010;8(1):102–6. doi: 10.1590/s1679-45082010rw1134.

Santos CMC, Pimenta CAM, Nobre MRC. The PICO strategy for the research question construction and evidence search. Rev. Latino-Am. Enfermagem. 2007;15(3):508-511. doi: 10.1590/S0104-11692007000300023.

Moher D, Liberati A, Tetzlaff J, Altman DG; PRISMA Group. Preferred reporting items for systematic reviews and meta-analyses: the PRISMA statement. PLoS Med. 2009;6(7):e1000097. doi: 10.1371/journal.pmed.1000097.

Guido L de A, Silva RM da, Goulart CT, Bolzan ME de O, Lopes LFD. Síndrome de Burnout em residentes multiprofissionais de uma universidade pública. Rev Esc Enferm USP. dezembro de 2012;46(6):1477–83. doi: 10.1590/S0080-62342012000600027.

Fernandes MN da S, Beck CLC, Weiller TH, Viero V, Freitas PH, Prestes FC, et al. Sofrimento e prazer no processo de formação de residentes multiprofissionais em saúde. Rev Gaúcha Enferm. dezembro de 2015;36(4):90–7. doi: 10.1590/1983-1447.2015.04.50300.

Silva RM da, Goulart CT, Lopes LFD, Serrano PM, Guido L de A. Estresse e hardiness entre residentes multiprofissionais de uma universidade pública. Rev Enferm UFSM. 17 de abril de 2014;4(1):87–96. doi: 10.5902/217976928921.

Rocha Esp JS, Casarotto Phd RA, Schmitt Phd ACB. Saúde e trabalho de residentes multiprofissionais. Salud y trabajo de residentes multiprofesionales [Internet]. 2018 [citado 6 de dezembro de 2020]; Disponível em: https://observatorio.fm.usp.br/handle/OPI/32053

Rotta DS, Pinto MH, Lourenção LG, Teixeira PR, Gonsalez EG, Gazetta CE. Níveis de ansiedade e depressão entre residentes multiprofissionais em saúde. Rev Rene. 5 de junho de 2016;17(3):372–7. doi: 10.15253/2175-6783.2016000300010.

Silva RMB da, Moreira S da NT. Estresse e Residência Multiprofissional em Saúde: Compreendendo Significados no Processo de Formação. Rev Bras Educ Médica. dezembro de 2019;43(4):157–66. doi: 10.1590/1981-52712015v43n4rb20190031.

Agrelli EGFR. Probabilidade de ansiedade e depressão em médicos residentes no Complexo Hospitalar Universitário Professor Edgard Santos. 8 de fevereiro de 2017 [citado 17 de outubro de 2020]; Disponível em: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/21373

Golob A, Beste L, Stern M, Johnson K. Emotional Distress Among Physician Residents and Fellows: An Observational Study of Trainees Seeking Counseling Visits. Acad Psychiatry. 12 de junho de 2017;42. doi: 10.1007/s40596-017-0740-2.

Pasqualucci PL, Damaso LLM, Danila AH, Fatori D, Lotufo Neto F, Koch VHK. Prevalence and correlates of depression, anxiety, and stress in medical residents of a Brazilian academic health system. BMC Med Educ. 11 de junho de 2019;19(1):193. doi: 10.1186/s12909-019-1621-z.

Govêia CS, Cruz TTM da, Miranda DB de, Guimarães GMN, Ladeira LCA, Tolentino FDS, et al. Associação entre síndrome de burnout e ansiedade em residentes e anestesiologistas do Distrito Federal. Rev Bras Anestesiol. outubro de 2018;68(5):442–6. doi: 10.1016/j.bjan.2018.02.007.

González-Cabrera JM, Fernández-Prada M, Iribar C, Molina-Ruano R, Salinero-Bachiller M, Peinado JM. Acute Stress and Anxiety in Medical Residents on the Emergency Department Duty. Int J Environ Res Public Health [Internet]. março de 2018 [citado 17 de outubro de 2020];15(3). Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC5877051/

Chen C-Y, Lin S-H, Li P, Huang W-L, Lin Y-H. The Role of the Harm Avoidance Personality in Depression and Anxiety During the Medical Internship. Medicine (Baltimore) [Internet]. 16 de janeiro de 2015 [citado 14 de dezembro de 2020];94(2). Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC4602540/

Gonsalez EG, Lourenção LG, Teixeira PR, Rotta DS, Gazetta CE, Pinto MH. Ansiedade e depressão entre profissionais de programas de aprimoramento profissional. Rev Port Enferm Saúde Ment. dezembro de 2017;(18):51–8. doi: 10.19131/rpesm.0192.

Katsurayama M, Gomes NM, Becker MAD, Santos MC dos, Makimoto FH, Santana LLO. Avaliação dos níveis de estresse psicológico em médicos residentes e não residentes de hospitais universitários. Psicol Hosp. janeiro de 2011;9(1):75–96.

Kannan L, Wheeler DS, Blumhof S, Gotfried J, Ferris A, Mathur A, et al. Work Related Post Traumatic Stress Disorder in Medicine Residents. Acad Psychiatry J Am Assoc Dir Psychiatr Resid Train Assoc Acad Psychiatry. abril de 2019;43(2):167–70. doi: 10.1007/s40596-018-0911-9.

Jácome SJ, Villaquiran-Hurtado A, García CP, Duque IL. Prevalencia del síndrome de Burnout en residentes de especialidades médicas. Rev Cuid Bucaramanga 2010. 2019;e543–e543. doi: 10.15649/cuidarte.v10i1.543.

Serenari M, Cucchetti A, Russo PM, Fallani G, Mattarozzi K, Pinna AD, et al. Burnout and psychological distress between surgical and non-surgical residents. Updat Surg. junho de 2019;71(2):323–30. doi: 10.1007/s13304-019-00653-0.

Benedick Coimbra I. Avaliação dos fatores psicossociais, estratégias de “coping” e síndrome de “Burnout” na residência médica. Evaluation of psychosocial factors, ways of “coping” and “burnout” syndrome in the medical residency [Internet]. 2017 [citado 24 de outubro de 2020]; Disponível em: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/330324

Sun H, Warner DO, Macario A, Zhou Y, Culley DJ, Keegan MT. Repeated Cross-sectional Surveys of Burnout, Distress, and Depression among Anesthesiology Residents and First-year Graduates. Anesthesiology. setembro de 2019;131(3):668–77. doi: 10.1097/ALN.0000000000002777.

Gandhi K, Sahni N, Padhy SK, Mathew PJ. Comparison of stress and burnout among anesthesia and surgical residents in a tertiary care teaching hospital in North India. J Postgrad Med. 7 de janeiro de 2018;64(3):145. doi: 10.4103/jpgm.JPGM_81_17.

Huang E, Pu C, Huang N, Chou Y-J. Resident burnout in Taiwan Hospitals—and its relation to physician felt trust from patients. J Formos Med Assoc. 1o de outubro de 2019;118. doi: 10.1016/j.jfma.2018.12.015.

Chew QH, Holmboe E, Sim K. Learning environment, stress and coping in psychiatry residents within a national training program: a longitudinal study. Perspect Med Educ. junho de 2019;8(3):160–6. doi: 10.1007/s40037-019-0512-7.

Leonelli LB, Andreoni S, Martins P, Kozasa EH, Salvo VL de, Sopezki D, et al. Estresse percebido em profissionais da Estratégia Saúde da Família. Rev Bras Epidemiol. junho de 2017;20(2):286–98. doi: 10.1590/1980-5497201700020009.

Zanatta AB, Lucca SR de. Prevalência da síndrome de burnout em profissionais da saúde de um hospital oncohematológico infantil. Rev Esc Enferm USP. abril de 2015;49(2):0253–8. doi: 10.1590/S0080-623420150000200010.

Silva D de S e, Merces MC das, Souza MC de, Gomes AMT, Lago SB, Beltrame M. Síndrome de Burnout em residentes multiprofissionais em saúde [Burnout syndrome in multi-professional healthcare residents] [Síndrome de Burnout en residentes multiprofesionales en salud]. Rev Enferm UERJ. 21 de outubro de 2019;27(0):43737. doi: 10.12957/reuerj.2019.43737.

Teixeira FD, Prebianchi HB. Comprometimento, estresse e satisfação com a vida de profissionais da saúde. Rev Psicol Organ E Trab. junho de 2019;19(2):598–606. doi: 10.17652/rpot/2019.2.15321.

Dubale BW, Friedman LE, Chemali Z, Denninger JW, Mehta DH, Alem A, et al. Systematic review of burnout among healthcare providers in sub-Saharan Africa. BMC Public Health. 11 de setembro de 2019;19(1):1247. doi: 10.1186/s12889-019-7566-7.

Maciel M da PG de S, Santana FL, Martins CMA, Costa WT, Fernandes L dos S, Lima JS de. Uso de medicamentos psicoativos entre profissionais de saúde. Rev Enferm UFPE Line. 2017;2881–7. doi: 10.5205/reuol.11007-98133-3-SM.1107sup201709.

Vallois EC. O estresse na residência em saúde e a proposta de uma nova disciplina em busca do bem estar ocupacional do discente: um estudo à luz da fenomenologia. 2018;81–81.

Bernburg M, Vitzthum K, Groneberg DA, Mache S. Physicians’ occupational stress, depressive symptoms and work ability in relation to their working environment: a cross-sectional study of differences among medical residents with various specialties working in German hospitals. BMJ Open. 15 de junho de 2016;6(6):e011369. doi: 10.1136/bmjopen-2016-011369.

Ferreira N do N, Lucca SR de. Síndrome de burnout em técnicos de enfermagem de um hospital público do Estado de São Paulo. Rev Bras Epidemiol. março de 2015;18(1):68–79. doi: 10.1590/1980-5497201500010006.

Lima L dos SV. Condições de trabalho e saúde do enfermeiro residente no hospital geral: riscos psicossociais. 2013.

Oliveira EB de, Souza NVM de, Chagas SC dos S, Lima L dos SV, Correa R dos A. Esforço e recompensa no trabalho do enfermeiro residente em unidades especializadas. Rev Enferm UERJ. 22 de julho de 2013;21(2):173–8.

Jafelice GT, Marcolan JF. Percepção dos profissionais de saúde mental sobre o trabalho multiprofissional com residentes. Rev Enferm UFPE Line. 3 de janeiro de 2017;11(2):542–50. doi: 10.5205/reuol.10263-91568-1-RV.1102201708.

Anastasiadis C, Tsounis A, Sarafis P. The relationship between stress, social capital and quality of education among medical residents. BMC Res Notes. 4 de maio de 2018;11(1):274. doi: 10.1186/s13104-018-3387-5.

Pinto FCF, Ferreira JBB, Caritá EC, Silva SS da, Pinto FCF, Ferreira JBB, et al. Perfil dos Egressos da Residência Médica em Cirurgia Geral de uma Universidade do Interior Paulista. Rev Bras Educ Médica. dezembro de 2018;42(4):144–54. doi: 10.1590/1981-52712015v42n4rb20170136.

Farman A, Kousar R, Hussain M, Waqas A, Gilani S. Impact of Job Satisfaction on Quality of Care Among Nurses on the Public Hospital of Lahore, Pakistan. Saudi J Med Pharm Sci. 1o de junho de 2017;vol3:511. doi: 10.21276/sjmps.

Adib Ibrahim M, Abdul Aziz A, Suhaili N-A, Zahid Daud A, Naing L, Abdul Rahman H. A Study into Psychosocial Work Stressors and Health Care Productivity. Int J Occup Environ Med. outubro de 2019;10(4):185–93. doi: 10.15171/ijoem.2019.1610.

Ribeiro HKP, Santos JDM, Silva M de G e, Medeiro FD de A, Fernandes MA. Transtornos de ansiedade como causa de afastamentos laborais. Rev Bras Saúde Ocup. 2019;e1–e1. doi: 10.1590/2317-6369000021417.

Pereira GA, Capanema HX de M, Silva MMQ, Garcia IL, Petroianu A. Prevalência de Síndromes Funcionais em Estudantes e Residentes de Medicina. Rev Bras Educ Médica. setembro de 2015;39(3):395–400.

Weaver MD, Vetter C, Rajaratnam SMW, O’Brien CS, Qadri S, Benca RM, et al. Sleep disorders, depression and anxiety are associated with adverse safety outcomes in healthcare workers: A prospective cohort study. J Sleep Res. dezembro de 2018;27(6):e12722. doi: 10.1111/jsr.12722.

Rotta DS, Lourenção LG, Gonsalez EG, Teixeira PR, Gazetta CE, Pinto MH, et al. Engagement de residentes multiprofissionais em saúde. Rev Esc Enferm USP [Internet]. 2019 [citado 17 de outubro de 2020];53. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S0080-62342019000100432&lng=en&nrm=iso&tlng=pt

Mello A de L, Arruda GT de, Terra MG, Arnemann CT, Siqueira DF de. Fatores que interferem no ensino e aprendizagem de residentes multiprofissionais em saúde: revisão integrativa. ABCS Health Sci. 2019;138–46. doi: 10.7322/abcshs.v44i2.1176.

Winkel AF, Honart AW, Robinson A, Jones A-A, Squires A. Thriving in scrubs: a qualitative study of resident resilience. Reprod Health. 27 de março de 2018;15(1):53. doi: 10.1186/s12978-018-0489-4.

Verweij H, van Ravesteijn H, van Hooff MLM, Lagro-Janssen ALM, Speckens AEM. Does Mindfulness Training Enhance the Professional Development of Residents? A Qualitative Study. Acad Med J Assoc Am Med Coll. setembro de 2018;93(9):1335–40. doi: 10.1007/s11606-017-4249-x.

Catarucci FM, Rossi TC, Bruno VHT, Beteto I da S, Habimorad PHL, Andrews MS, et al. Uma Estratégia de Redução do Estresse entre Estudantes Médicos. Rev Bras Educ Médica [Internet]. 2020 [citado 15 de dezembro de 2020];44(3). Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S0100-55022020000300216&lng=en&nrm=iso&tlng=pt

Pereira-Lima K, Loureiro SR, Pereira-Lima K, Loureiro SR. Associations between social skills and burnout dimensions in medical residents. Estud Psicol Camp. junho de 2017;34(2):281–92. doi: 10.1590/1981-52712015v39n3e00022014.




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv4n2-219

Refbacks

  • There are currently no refbacks.