Fatores de risco de suicídio em homens e mulheres: uma revisão de literatura / Suicide risk factors in men and women: a literature review

Mirela Tonato Vieira, Simone dos Santos Nunes, Elenir Terezinha Rizzetti Anversa, Gisela Cataldi Flores

Abstract


INTRODUÇÃO: A Organização Mundial de Saúde aponta mais de 800 mil mortes por suicídio ao ano, considerando isso um problema de saúde pública de alta prevalência. Nesse sentido, conhecer os fatores de risco de ocorrência de suicídio é fundamental para mudar essa dura realidade. OBJETIVO: Identificar as publicações científicas acerca dos fatores de suicídio em homens e mulheres. METODOLOGIA: Revisão Narrativa de Literatura, a qual ocorreu por meio da coleta de dados realizada na Biblioteca Virtual em Saúde, nas bases de dados Literatura Latino-americana e do Caribe em Ciências da Saúde, e na Base de Dados de Enfermagem, em que foram utilizados os descritores em ciência e saúde: Suicídio e Fatores de Risco, com operador boleano “AND”. Os critérios de inclusão foram artigos disponíveis online, na íntegra e gratuitos, no idioma português; e os critérios de exclusão foram dissertações, teses e estudos que não responderam à questão de pesquisa. RESULTADOS E DISCUSSÃO: Fazem parte desse estudo cinco estudos, a partir dos quais foram criadas as categorias temáticas: Fatores de risco de suicídio em homens e mulheres e as Formas de tentativa de suicídio em homens e mulheres. CONCLUSÃO: A identificação dos fatores de risco de suicídio em mulheres e homens possibilita planejar e realizar ações preventivas, com olhar holístico e de humanitude. Dessa forma, conclui-se que os resultados dessa pesquisa oportunizaram atender o objetivo proposto e, assim, reiterar que a Enfermagem tem papel fundamental na mudança da realidade no que se refere ao tema proposto. Elaborar estratégias que reduzam os riscos de novas tentativas de suicídio fazem parte do plano terapêutico singular.


Keywords


Suicídio, Fatores de risco, Homens e Mulheres.

References


BARDIN, L. Revisão narrativa da literatura: aspectos conceituais e metodológicos na construção do conhecimento da enfermagem. Porto Alegre: Moriá, 2016.

BOTEGA, N. J. Comportamento suicida: epidemiologia. Psicologia USP, São Paulo, v. 25, n. 3, p. 231-236, 2014.

BOTTI, N. C. L. et al. Características e fatores de risco do comportamento suicida entre homens e mulheres com transtornos psiquiátricos. Rev. Cogitare enferm, v. 23, n. 1, p. 1-10, jan - mar. 2018.

BRITO, M. E. M. et al. Tentativa de suicídio por queimadura: ideação suicida e desesperança. Rev. bras. queimaduras, v. 12, n. 1, p. 30-36, jan.-mar. 2013.

CANTÃO, L. et al. Comportamento suicida entre dependentes químicos. Rev. Bras. Enferm., Brasília, v. 69, n. 2, mar./abr. 2016.

FERNANDES, M. A.; LIMA, G. A.; SILVA, J. S. Escuta terapêutica como estratégia de prevenção ao suicídio: relato de experiência. Rev. Enferm., v. 7, n. 1, p. 75-79, jan-mar. 2018.

JORDAN, M. et al. Ideação e comportamento suicida entre comunidades e comunidades que buscam assistência médica em cinco países de baixa e média renda: um estudo transversal. Epidemiologia e ciências psiquiátricas, v. 27, n. 4, p. 393-402, 2018.

Brum, R. G. S. Metodologias da pesquisa para a

enfermagem e saúde: da teoria à prática. 2. ed. Porto Alegre: Moriá, 2018.

MEERWIJK, E. L.; WEISS, S. J. Utilidade de um período de tempo na avaliação da dor psicológica e da ideação suicida. PeerJ vol. 5 e3491. 22 de junho de 2017.

PIRES, M. C. C. et al. Indicadores de risco para tentativa de suicídio por envenenamento: um estudo caso-controle. J. Bras. Psiquiatr., v. 64, n. 3, p. 193-199, July-Sept. 2015.

RIBEIRO, N. M. et al. Análise da tendência temporal do suicídio e de sistemas de informações em saúde em relação às tentativas de suicídio. Rev.Texto Contexto Enferm., v. 27, n. 2, 2018. e2110016.

SANTOS, E. G. O. et al. O olhar do enfermeiro emergencista ao paciente que tentou suicídio: estudo exploratório. J. Bras. Enferm., v. 16, n. 1, p. 6-16, mar. 2017.

SILVA, P. F. et al. Conhecimento da equipe de enfermagem e agentes comunitários sobre o comportamento suicida. Rev. enferm. UFPE, Recife, v. 12, n. 1, p. 112-177, jan., 2018.

TEIXEIRA, S. M. O. et al. O Suicídio como questão de Saúde Pública. Rev. Bras. Promoç. Saúde, Fortaleza, v. 31, n. 3, p. 1-3, jul./set., 2018.




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv4n2-198

Refbacks

  • There are currently no refbacks.