Cuidado de enfermagem ao paciente com catéter venoso central duplo-lúmen: contribuições para a formação profissional / Nursing care to the patient with double-lumen central venous catheter: contributions to professional education

Ciro Rodrigo Rabelo da Mata, Danielle Moraes Crispim, Natasha de Lima Queiroz, Hadelândia Milon de Oliveira, Sáskia Sampaio Cipriano de Menezes

Abstract


Objetivo: Relatar a experiência de acadêmicos de enfermagem no cuidado ao paciente com cateter duplo-lúmen e suas contribuições para a formação profissional. Aspectos metodológicos: Trata-se de uma pesquisa descritiva, exploratória, com abordagem qualitativa, do tipo relato de experiência vivenciado por acadêmicos do 5º período do curso de enfermagem de uma instituição pública, durante o aula prática de campo da disciplina “Enfermagem na Atenção Integral a Saúde do Adulto”, realizada na Clínica Médica de um Hospital Universitário de Manaus, Amazonas. Utilizou-se o método de sistematização de experiências, proposto por Holliday OJ, seguindo 5 etapas: 1)O ponto de partida: organização e sistematização da experiencia vivenciada; 2) As perguntas iniciais: definição e delimitação dos objetivos para a sistematização da experiência; 3) Recuperação do processo vivido: reestruturação da vivência experimentada, de forma ordenada a assistência sistematizada prestada pelos acadêmicos ao paciente; 4) A reflexão de fundo: análise e interpretação, baseados em evidências teórico/científicas; 5) Os pontos de chegada: conclusões e percepções sobre a experiência vivida para a compartilhamento da relevância e aprendizado vividos pelos acadêmicos durante a aula prática de campo. O grupo de acadêmicos realizou assistência a um paciente com diagnóstico médico de Neuromielite Óptica, o qual possuía um cateter duplo-lúmen em membro inferior direito para realização diária de plasmaférese. Foi possível realizar os cuidados de maneira segura e livre de eventos adversos, por meio da observância dos protocolos assistenciais e da estrutura da instituição. Conclusão: A experiência permitiu aos acadêmicos conhecer e identificar as necessidades de cuidado durante a assistência ao paciente em uso de cateter duplo-lúmen. Contribuições e implicações para a Enfermagem: essa experiência permitiu contribuir para reflexão e discussões sobre o cuidado de enfermagem prestado a pacientes que fazem uso de dispositivos venosos centrais, e a importância de medidas de controle e prevenção de infecções relacionadas à saúde. Reforça a importância das aulas práticas para o desenvolvimento das habilidades clínicas em enfermagem, sendo essenciais para a formação crítico-reflexiva do enfermeiro.


Keywords


Cuidados de Enfermagem, Cateteres Venosos Centrais, Plasmaférese

References


³SOUSA, F. C., PEREIRA, J. C., REZENDE, D. A., et al. Avaliação dos cuidados de enfermagem com o cateter venoso central em uma unidade de terapia intensiva adulto e pediátrica. Rev. Adm. Saúde - Vol. 18, N° 70, jan.- mar. 2018.

PERIN DC, ERDMANN AL, HIGASHI GDC, SASSO GTM. Evidence-based measures to prevent central line-associated bloodstream infections: a systematic review. Rev. Latino-Am. Enfermagem. 2016;24:e 2787.

PEITER, C.C; CAMINHA, Maria Eduarda Pereira; LANZONI, G. M. M. ; ERDMANN, A. L. . Managing nursing care delivery to cancer patients in a general hospital: a Grounded Theory. Revista de enfermagem referência, v. IV Série, p. 61-69, 2016.

BARBOSA, J.C.; RAMOS, AMPC; SOUZA, CF; MACHADO, D.N.; NAZARÉ, G.R.; NOGUEIRA, M.A.; CARVALHO, R.J.D.; OLIVEIRA, T.F.S.J. Assistência de enfermagem segura a pacientes submetidos a quimioterapia antineoplásica: relato de experiência. Braz. J. Hea. Rev., Curitiba, v. 3, n. 4, p. 8886-8890 jul./ago. 2020.

SOUSA, F.C.; PEREIRA, J.C.; REZENDE, D.A.; CHEN, L. Avaliação dos cuidados de enfermagem com o cateter venoso central em uma unidade de terapia intensiva adulto e pediátrica. Rev. Adm. Saúde - Vol. 18, Nº 70, jan. – mar. 2018. DOI: http://dx.doi.org/10.23973/ras.70.92

SPIR, P.R.N. Epidemiologia das infecções de corrente sanguínea de origem hospitalar em hospital de assistência terciária. (Dissertação de Mestrado). São Paulo: Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo; 2007.

SANTOS, E.R., LEAL, R.; CAVALHEIRO, A.M. Cateter venoso central. Knobel E. Terapia Intensiva: Enfermagem. São Paulo: Atheneu; 2006. p.189-196.

ROSADO, V.; ROMANELLI, R.M.; CAMARGOS P.A. Risk factors and preventive measures for catheter-related bloodstream infections. J Pediatr (Rio J). 2011;87(6):469-77.DOI:10.2223/JPED.2134.

PEREIRA, J.C. Notificação de infecção em corrente sanguínea associada a cateter venoso central (CVC) – uma comparação dos critérios do National Healhcare Safety Network (NHSN) e da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA). (Especialização). Belo Horizonte: Universidade Federal de Minas Gerais, 2011.

PIEROTTO, A.A.S. Infecção de corrente sanguínea relacionada ao uso de cateteres venosos centrais em pacientes pediátricos de um hospital terciário. (Dissertação de Mestrado). Porto Alegre: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; 2015.

Loftus K, Tilley T, Hoffman J, Bradburn E, Harvey EJ. Use of Six Sigma strategies to pull the line on central line-associated bloodstream infections in a neurotrauma intensive care unit. Trauma Nurs. 2015;22(2):78-86.

Rocha R.P.F; Pinho D. L. M. Ocorrência de eventos adversos em unidades públicas de hemodiálise. Enfermería Global. Nº 55 Julio 2019

Gomes D. P; Carvalho M. O. R; Barreto A. As praxis de enfermagem nos cuidados da Miastenia gravis e quebra de paradigmas. Simpósio de TCC e Seminário de IC, 2016 / 1º

Fabrizzio C. G; Júnior E. G; Cunha K. S et al. Gestão do cuidado de um paciente com Doença de Devic na Atenção Primária à Saúde. Rev Esc Enferm USP · 2018;52:e03345

Huda S; Whittam D; Bhojak M. et al. Neuromyelitis optica spectrum disorders. Clinical Medicine 2019 Vol 19, No 2: 169–76

Couto RC, Pedrosa TMG, Franca A. Infecção hospitalar e outras complicações não-infecciosas da doença: epidemiologia, controle e tratamento. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan; 2009.

WALDOW, V.R. et al. Cuidar e humanizar: relações e significados. Acta Paulista de Enfermagem, São Paulo, v. 24, n. 3, p. 414-418, jan. 2011. DOI: 10.1590/S010321002011000300017.

LOPES, J.M.; PEREIRA, A.G.; MAGNABOSCO, P.; FIGUEIREDO, V.N.; FERREIRA, M.B.G. Vivência prática de acadêmicos de enfermagem na unidade de clínica médica: relato de experiência. Braz. J. Hea. Rev., Curitiba, v. 3, n. 3, p.4351-4356 may./jun. 2020.




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv4n2-067

Refbacks

  • There are currently no refbacks.